PROPAGANDA

[AMADOR PG] Palmeiras vence Clube Verde de goleada e segue com 100% de aproveitamento

Na manhã deste domingo (7), no Estádio Centenário, o Palmeiras venceu o escrete do Clube Verde pelo placar de 5 a 0, em embate válido pela sexta rodada da Liga de Futebol Amador de Ponta Grossa 2021. Com o entrosamento mais afinado, o triunfo do Palmeiras ajudou a equipe a se manter na ponta do grupo A, com destaque para Farinha, com dois gols, e Nilvano e Baroni, que deram assistências. Já o revés do Clube Verde deixa um pouco mais distante a oportunidade em ingressar no G4.

#AMADOR PG

Por @rafaelbuiar 

PRÉ-JOGO:  A equipe do Clube Verde entrou em campo neste domingo (7) buscando a recuperação na tábua de classificação, pois na rodada anterior perdeu para o Ajax, adversário direto na briga por uma das vagas à segunda-fase. Já o Palmeiras, um dos candidatos ao título na competição, entrou em campo embalado ao vencer na rodada anterior o DER por 4 a 1 e afinado no objetivo, manter a ponta e também o 100% de aproveitamento. 

O EMBATE: A equipe do Palmeiras, mesmo um pouco acanhada nos primeiros minutos, conseguiu se impor com o passar do ponteiro no relógio. Por isso, não demorou muito para o alviverde dos campos gerais abrir o placar. Em uma troca de passes rápida no setor de meio de campo, Nilvano encontrou Baroni na entrada da área e o camisa sete do Palmeiras só teve o trabalho de driblar do goleiro e empurrar para o gol, aos 5' da etapa inicial. 

Pronto! O primeiro gol foi o suficiente para o time comandado por Kastilho encontrar a saída e, também, ganhar a moral na partida. Apesar que na sequência, o Clube Verde até tentou tendo mais volume de jogo, mas sem ofensividade na meta do goleiro Molina. Devido a isso, a alternativa do Palmeiras foi outra. Nilvano pegou a bola no meio de campo, respirou e deu dois passos com a bola para a arremate firme, no canto esquerdo do goleiro Carlão, que não conseguiu evitar o segundo gol do Palmeiras.

Com dois a zero no placar, o clima esquentou no duelo, pois as entradas dos jogadores, de ambos os times, passaram a ser mais intensas. Período em que o árbitro André de Oliveira tirou o cartão amarelo do jogo e deu para Tomate. A advertência até que segurou os ânimos dentro de campo e também acordou o time da casa, pois Pato, em posição de impedimento, segundo o assistente Fernando Voinarovickz, diminui o placar, mas anulado pelo árbitro. 

Na sequência, a equipe visitante deu a resposta. Baroni no canto direito, próximo da bandeira, conseguiu roubar a bola do time adversário e deu para Nilvano, que cruzou na medida para Farinha marcar mais um gol no Estádio Centenário, aos 35'. Após o terceiro gol, o time do Palmeiras tirou o pé. Não deu outra, os minutos finais foram a equipe do Clube Verde buscando diminuir ainda na primeira etapa, mesmo com três minutos de acréscimos, o placar persistiu em 3 a 0 para o alviverde dos campos gerais.

No retorno à segunda etapa, a equipe do Palmeiras fez alteração e sacou Tomate, com cartão amarelo, para o retorno do lateral Tilly. Mesmo assim, não deu nem tempo de respirar, pois aos 3', em jogada de contra-ataque, Baroni recebeu a bola e tocou para o camisa 9 da equipe visitante empurrar e ampliar o placar no Centenário. Minutos depois, Tilly não aguentou e saiu por lesão. 

Não deu outra, sem opção no banco de reservas o suficiente para suprir o cansaço dentro de campo, o treinador Churrasco pouco pode fazer para buscar o empate ou tentar diminuir o placar. Devido a isso, o time do Palmeiras aproveitou e marcou mais. Desta vez, aos 11' da etapa complementar, Edimar subiu sozinho, após cruzamento de Farinho, e testou firme para marcar o quinto. 

Após o placar estar em 5 a 0 para o time visitante, o duelo esfriou e caiu de rendimento. De um lado, a equipe do Palmeiras teve quatro alterações, para colocar mais rodagem ao elenco e o Clube Verde colocou o único atleta que estava no banco. Diante deste cenário, o árbitro optou por encerrar a partida aos 45', o que decretou em mais uma vitória da equipe do Palmeiras, mantendo o 100% de aproveitamento no certame.

PRÓXIMA RODADA: A equipe do Clube Verde irá desafiar, às 9h45, o Milan Santa Mônica, que perdeu na sexta rodada para o Frísia Carambeí por 4 a 2, no Estádio Centenário. Já o Palmeiras irá desafiar, às 15h30, o escrete Prefeitura de Ipiranga, que venceu por 7 a 0 o Santa Paula, no Estádio Senador Flávio Carvalho, em Ponta Grossa. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX 

CLUBE VERDE: 1 Carlão; 2 Ari, 13 Gonzalo (22 Vinicius), 19 Igor e 3 Cleiton; 12 Andrei, 20 Bruno Miranda, 10 Pato e 11 Reinaldo; 7 Pelezinho e 9 Roberto. TEC. Churrasco 

PALMEIRAS: 1 Molina (12 Junior); 6 Josué, 3 Vander e 8 Tomate (21 Tilly/ 15 Gabriel); 5 Douglas (13 Jaburu), 20 Valtecir (14 Claudinei), 18 Nilvano e 7 Baroni; 11 Edimar (19 Clóvis) e 9 Farinha. TEC. Kastilho. 

FICHA TÉCNICA - CLUBE VERDE 0 X 5 PALMEIRAS XXXXXXXXXX 

GOLS: Baroni aos 5' do 1º tempo, Nilvano aos 16' do 1º tempo, Farinha aos 35' do 1º e 3' do 2º tempo e Edimar aos 11’ do 2º tempo (Palmeiras)

CARTÃO AMARELO: Tomate (Palmeiras) | Pelezinho (Clube Verde)

ESTÁDIO: Centenário, Ponta Grossa.

ÁRBITRO: André de Oliveira

ASSISTENTES: Anilton Dadona e Fernando Voinarovicz 

ENTREVISTAS DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX




No comments

Powered by Blogger.