PROPAGANDA

[AMADOR PG] Palmeiras bate o Ajax em casa e engata a 2ª vitória seguida


O Palmeiras venceu o Ajax por 2 a 0 na tarde deste domingo (10), em duelo válido pela 2ª rodada da Liga de Futebol Amador de Ponta Grossa. Com o resultado positivo, o alviverde do bairro Órfãs se consolida cada vez mais na luta pelas primeiras posições do Grupo A e freia um embalado Ajax, que havia aplicado uma goleada sobre o Grêmio Santa Paula na estreia do certame. Os gols da partida foram marcados por Marcelinho e Edimar.


#AMADORPG

Por Allyson Santos

 

PRÉ-JOGO: Em busca do 8º título da Liga, o Palmeiras entrou em campo com o objetivo de manter o bom desempenho da rodada inicial, quando venceu o Milan Santa Mônica por 3 a 1. Com um elenco recheado de figurinhas carimbadas do futebol ponta-grossense, o técnico Kastilho apostou em uma dupla veloz no meio-campo formada por Farinha e Marcelinho. 

Do outro lado, o holandês do Jardim Maracanã precisava de uma demonstração de força. Se em 2020 o Ajax era um coadjuvante na liga, nesta temporada a equipe comandada por Baianinho recheou o elenco com novas peças e promete brigar até o fim por uma vaga no mata-mata. Entre os destaques do time, vale destacar Luanzinho. O camisa 20 atua como um dos principais articuladores no meio campo do Ajax, sendo um dos responsáveis por municiar o setor ofensivo.


 

O EMBATE: A estratégia inicial do Ajax funcionou durante boa parte do 1º tempo. Os visitantes dominavam a faixa central do campo com Gessiel e Sandro, que ditavam ritmo e dificultavam as ações do Palmeiras com a bola no pé. Com o jogo físico e truncado, o alviverde apostava em bolas longas e cruzamentos na área. Enquanto isso, o Ajax buscava espaços nas costas da zaga adversária com uma transição rápida. A primeira chance clara do jogo foi criada pelo escrete holandês aos 8’, em cobrança de falta venenosa de Edson que obrigou Diego Molina a espalmar no canto inferior esquerdo.


O Palmeiras conseguiu responder minutos depois em uma bola alçada que encontrou Edimar. O camisa 11 dividiu com o goleiro Beto na grande área e não conseguiu dar sequência. Uma das melhores chances do Ajax aconteceu logo em seguida, quando Luanzinho dominou na intermediária e encontrou um belo passe para Meiri Junior, que avançou e bateu cruzado para boa defesa de Diego. Já aos 35’, Luanzinho recebeu livre na pequena área após recuperação de bola na direita. O meia ameaçou chapar no canto e deixou dois defensores no chão. Em seguida, ele perdeu equilíbrio e bateu rente ao poste esquerdo. Até então, a zaga do Ajax também se portava bem na bola aérea, com atuação segura da dupla de zagueiros.

No apagar das luzes, foi Marcelinho quem decidiu para o Palmeiras em chute de longa distância. A bola desviou e morreu no fundo das redes de Beto para abrir o placar. Após o gol, o alviverde teve mais tranquilidade para controlar o jogo. Com as alterações do intervalo, o alviverde voltou com mais volume de jogo. Aos 3’, Hudson cruzou na medida para Douglas que estava sozinho na pequena área e testou por cima. Minutos depois, Farinha foi acionado em um contra-ataque que obrigou Beto a se adiantar e deixar a baliza. A bola sobrou para Edimar que cavou, encobriu o goleiro e mandou pela linha de fundo.

A equipe do Jardim Maracanã respondeu com uma cabeçada de Luanzinho no ângulo direito após cobrança de falta pela esquerda. A bola assustou o goleiro Diego ao tocar na trave antes de sair. Para refletir ainda mais o equilíbrio do duelo, o Palmeiras também fez o poste adversário tremer aos 15’ com Nilvano. O camisa 8 bateu falta com perfeição da intermediária e mandou no travessão. O 2º tempo foi de pouca criatividade e, mais uma vez, a individualidade fez a diferença. Marcelinho arriscou um chute venenoso do meio da rua aos 38’ jogados. Na sobra, Edimar estufou as redes e deu números finais ao embate.


PRÓXIMA PARTIDA: Na 3ª rodada da Liga de PG, o Ajax encara a equipe de Ipiranga no Estádio Municipal da cidade. O duelo está marcado para o próximo domingo (17), às 9h45. Um pouco mais tarde, às 10h15, o Palmeiras enfrenta o Grêmio Santa Paula no Estádio João Leocádio Fagundes, em Ponta Grossa.

 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


Palmeiras: 1-Diego Molina; 20-Pelé (17-Hudson), 3-PH, 4-Murilo (2-Gabriel) e 6-Jaburu (15-Everton) (16-Alex Sandro); 8-Nilvano © (18-Clóvis), 5-Marcelinho, 10-Alcimar (19-Tailerson) 11-Edimar; 7-Farinha, 9-Douglas. Tec. Kastilho.

 

Ajax: 12-Beto; 2-Eliezer, 3-José Valdir, 4-Wanderley e 6-Jaderson; 5-, 8-Edson (14-Carlos Couto), 17-Vitor Hugo (5-Luiz Almeida), 20-Luanzinho (15-Wesley); 10-Meiri Junior (9-Baia) e 13- Gessiel. Tec. Baianinho.

 

FICHA TÉCNICA – PALMEIRAS 2 X 0 AJAX XXXXXXXXXXXXXXXXX

 

GOLS: Marcelinho (42’ do 1ºT) e Edimar (37’ do 2ºT)

CA: Everton e Hudson (Palmeiras); Gessiel e José Valdir (Ajax)

ÁRBITRO: Fábio Luis Serafim

ASSISTENTES: Jorge Luis do Nascimento.

LOCAL: Estádio Senador Flávio Carvalho Guimarães.

ENTREVISTAS DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

APOIE O PROJETO DRAP - Queremos dar voz para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas – amador, base e feminino. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse; - http://catarse.me/drap

No comments

Powered by Blogger.