PROPAGANDA

[FEMININO-A2] Athletico vence a Chapecoense e garante a classificação

A equipe do Athletico venceu a Chapecoense na tarde desta sexta-feira (13) por 5 a 2, no CAT do Caju, em Curitiba. O duelo foi válido pela quinta e última rodada da primeira fase do Brasileiro Feminino A2. Além de muita chuva na primeira etapa e conquistar a segunda vitória de goleada em casa, o escrete do Athletico garantiu a classificação à segunda fase. O adversário da próxima fase será definido por sorteio, pela CBF.

#FEMININO A2

Por @rafaelbuiar 

PRÉ-JOGO:  A equipe do Athletico chegou na última rodada com a chance de classificação à próxima fase do certame. Invicta desde a segunda rodada, em que foram conquistadas duas vitórias e um empate, o escrete rubro-negro pode garantir a classificação já no primeiro ano de competição com o time o próprio. Na rodada anterior, as meninas do Furacão venceram a primeira fora de casa, a equipe do Brasil Farroupilha pelo placar de 2 a 0. Triunfo que colocou pela primeira vez na zona de classificação. Já o adversário Chapecoense não tem mais chances de classificação, pois é o lanterna do grupo F. Na rodada anterior, o alviverde de Santa Catarina perdeu em casa para a equipe do Toledo/Coritiba no placar de 3 a 2. 

O JOGO - Com bola rolando, a equipe do Athletico foi quem teve mais volume de jogo e esteve presente no campo de ataque. Com isso, o escrete rubro-negro conseguiu dois escanteios, um de cada lado. O primeiro quase surpreendeu a goleira Leliane, em que a bola beijou o travessão com 5’. Na sequência, o time da Chape acordou e passou ocupar mais o meio de campo. O resultado disso foi a equipe rubro-negra cometendo mais faltas nas catarinenses. Dentre elas, aos 13’, Joice teve a oportunidade na primeira falta e por pouco não surpreendeu a goleira Renata, ao passar próximo da meta rubro-negra. 

Mas aos poucos, a equipe do Athletico passou movimentar. Mas com 25’, caiu uma forte chuva no CAT do Caju e embate passou a ser mais pegado, devido as poças de águas. Não deu outra, a equipe rubro-negra passou a ganhar mais na parte ofensiva. Com isso foram pelo menos três arremates na goleira da Chapecoense. Mas aos 43’, a equipe visitante quase surpreendeu, após uma roubada de bola no meio de campo e o arremate de Tati, que no cair quase conseguiu abrir o placar. Passado o susto, a camisa 10 do escrete rubro-negro, Thais, arrematou de longa distância e surpreendeu a goleira Leiliane, que não conseguiu evitar o primeiro gol da partida, aos 43’. Sendo essa a última ação na etapa inicial.

No retorno à etapa complementar, além da chuva parar, a equipe da Chape realizou uma alteração e modificou o desenrolar/trajetória do jogo. Mas quem assustou primeiro foi a equipe do Athletico, que aproveitou a parada da bola na poça de água, e arrematou firme. Mas arqueira do alviverde de Chapecó defendeu. Na sequência, o empate aconteceu depois do erro defensivo rubro-negro. Tati foi veloz, ganhou na velocidade da marcadora e mesmo com a marcação em cima, conseguiu o arremate para empatar aos 3’ da etapa complementar. O empate não durou por muito tempo, já que três minutos depois a camisa nove do escrete rubro-negro conseguiu colocar novamente o Athletico na frente do placar. A atacante Milena aproveitou o espaço e arrematou na intermediária, surpreendendo a goleira da Chape, aos 6’. 

Depois do segundo gol, o jogo caiu de intensidade e passou a ficar no setor de meio de campo, com faltas para ambos os lados. Porém, a posse de bola ficou, em sua maioria, com o escrete rubro-negro. Devido a isso, a bola parada foi o diferencial para a equipe incomodar. Depois de três tentativas, Karen cobrou o escanteio fechado e conseguiu vencer a goleira Leliane, com 26’. Minutos depois, em jogada de contra-ataque, Milena recebeu em profundidade, e arrematou firme, na saída da goleira da Chape, aos 30’.

Nos minutos finais, o sistema defensivo rubro-negro deu um cochilo e a equipe da Chapecoense, com Tati, conseguiu diminuir o placar no CAT do Caju, com um chute rasteiro, vencendo a arqueira Renata, com 40’. Mas no apagar das luzes, a equipe do Athletico ampliou com Rapha, aos 47’, colocando o 5 a 2 no placar do CAT. Resultado que garante a classificação da equipe rubro-negra. 

PRÓXIMA PARTIDA: A equipe do Chapecoense está eliminada da competição e jogou a sua partida na temporada pelo Brasileiro Feminino A2 diante o Athletico, no CAT do Caju. Já o Athletico irá aguardar o sorteio que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) irá promover para definir o chaveamento da próxima fase. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

ATHLETICO: 1 Renata; 2 Bruna (5 Talita), 3 Paloma, 4 Nayara e 6 Thais; 8 Lele, 20 Karen, 10 Thais (13 Rafa) e 7 Isa Momesso (11 Moretti); 9 Milena (22 Tati) e 21 Alê (19 Taina). Tec. Vandressa 

CHAPECOENSE: 12 Leliane; 2 Evelin, 3 Patricia, 4 Maiara e 6 Lais; 5 Nataliê, 8 Naiane (17 Letícia), 10 Jocie (13 Ana) e 7 Giovana; 9 Brendha e 11 Tati. 

FICHA TÉCNICA – ATHLETICO X CHAPECOENSE XXXXXXXXXXX

GOLS: Karen aos 48’ do 1º tempo e 26’ do 2º tempo, Milena aos 6’ e 30’ do 2ºtempo e Rafaela aos 47’ do 2º tempo (Athletico) Tati aos 3’ aos 40’ do tempo (Chapecoense)

CA: Nayara (Athletico)

ÁRBITRO: Luiz Alexandre Fernandes

ASSISTENTES: Wagner Bonfim (1) e Roberto Rivelino (2)

LOCAL: CAT do Caju, em Curitiba 

APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extra e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap



No comments

Powered by Blogger.