PROPAGANDA

[BR SUB17] Athletico vence Vitória e chega à quinta vitória seguida na competição

Na tarde de sábado (7) foi realizado o confronto de rubro negros no CAT do Caju, entre Athletico e Vitória, válido pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro Sub17 de 2020.  A equipe do Athletico colocou mais três pontos na conta ao vencer pelo placar de 2 a 0, mesmo em um jogo morno e sem muitas chances de gol. Com o resultado, o Furacão ainda continua na briga pela liderança, faltando uma rodada para o fim da primeira fase, pois Fluminense e São Paulo também venceram na rodada.

#CATEGORIA DE BASE

Por Lucio Cesar 

PRÉ-JOGO: O Athletico já entrou classificado para a partida diante do Vitória na tarde de sábado e a perspectiva do clube rubro-negro, com seus 16 pontos somados, foi de buscar a liderança do certame. O Vitória em questão é o lanterna da competição com apenas dois pontos conquistados, entrou em campo em busca de sua primeira no certame após ter empatado em 1 a 1 diante do Cruzeiro na rodada anterior. 

O JOGO: O início de jogo foi bem morno entre as duas equipes, o Athletico se mostrou satisfeito com a já classificação na competição e o Vitória sem ambição devido a sua já desclassificação. Aos poucos a equipe baiana viu que o Athletico se mostrou apático e deixou alguns espaços no setor defensivo, tais pontos fizeram com que o Vitória chegasse ao ataque e possuísse uma boa posse de bola, chegando até mesmo com perigo em alguns momentos. 

Com o Vitória se mostrando perigoso, o Athletico entrou mais no jogo, se organizou em campo e se soltou em busca do ataque, tendo as principais oportunidades pelo lado esquerdo com João Vitor que chegou a ter uma conclusão na trave. Os lances mais perigosos do Athletico no primeiro tempo foram das bolas paradas, enquanto que o Vitória teve dificuldades na marcação da bola aérea, mas o Furacão não conseguiu transformar essa dificuldade em gol.

No segundo tempo o Athletico voltou melhor e mais organizado, tocando bem a bola e com paciência para chegar ao gol do adversário, com uma melhora na qualidade na troca de passes levou mais perigo à meta de Ryan, contando com boas finalizações de Jader chegando de trás para o arremate. O próprio Jader chegou a marcar para o Athletico aos 25’, mas em posição irregular. Após o gol, o Furacão se empolgou na partida, aumentou suas linhas e fez pressão nos adversários. Sem espaços para sair tocando e com um time limitado, o Vitória cometeu muitas faltas, em uma delas aos 24’, Juninho fez um belo gol e abriu o placar na partida. 

Com o gol, o Vitória que até então se mostrou organizado viu suas estruturas caírem, enquanto que o Furacão continuou pressionando em busca de ampliar o placar. Tal pressão resultou em uma penalidade máxima aos 47’ após bela jogada individual, Vinícius Kauê foi para a marca da cal e ampliou o placar para 2 a 0, nos minutos finais da partida. 

DESTAQUES: No Furacão o camisa 5 Juninho foi o destaque, jogador muito hábil e com exímia qualidade com as bolas nos pés, chamou a responsabilidade para organizar a equipe e também mostrou uma boa qualidade na cobrança de faltas. O Vitória possui jogadores com uma boa qualidade individual, um deles é o meio campo Hugo, inteligente e sempre tentando organizar a equipe, calmo com as bola nos pés e distribuindo bem algumas jogadas. Seno assim, é o líder e faz merecer a camisa 10 da equipe.

TIME CASA – O Furacão entrou em campo apático, demonstrando pouco interesse na partida e sem intensidade. Os lances ofensivos de qualidade eram mais resultado de uma frágil defesa adversária do que qualidade ofensiva da equipe, mesmo apático algumas jogadas individuais foram responsáveis pelo triunfo athleticano. 

TIME VISITANE – O Vitória possui bons jogadores no individual mas peca no coletivo, é fácil analisar seus atletas individualmente, mas como um time se mostrou muito falho, desorganizado e sem muita vontade durante os 90 minutos, apenas tentando segurar o empate e focando no contra-ataque para as jogadas ofensivas. 

PRÓXIMA PARTIDA: O Athletico fará seu último jogo da fase de grupos enfrentando o Fluminense, no Rio de Janeiro, na terça feira (10) às 15h; já o Vitória encerrará sua participação na competição enfrentando o Flamengo em casa, também na terça feira às 15h.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX 

Athletico: 1 Tiago; 2 Diego Caito (Carlos Eduardo), 3 Kauã Eduardo, 4 Dourado e 6 Vinicius Kaue; 5 Juninho, 8 Vinícius Pertille, 10 Jader e 7 Emerson (Marcos); 11 Vitor do Carmo e 9 Renan. Tec. Fernando Sebara 

Vitória: 1 Ryan; 2 Wenderson; 3 Pedro Felipe; 4 Cauê; 5 Davi; 6 Ainoã; 7 Felipe (Gabriel); 8 Breno; 9 Wanderson; 10 Hugo (Charlys) e 11 Guilherme TEC: Adolfo Teles. 

FICHA TÉCNICA – TIME CASA X TIME VISITANTE XXXXXXXXXXXXX 

GOLS: 27’ do 2°T – Juninho

CA: Kauã (Athletico); Gabriel (Vitória)

CV:

ÁRBITRO: Murilo Ugolini Klein

ASSISTENTES: Andrey Luiz de Freitas (1) e Leandro Polli Glugoski (2)

LOCAL: CAT do Cajú - Curitiba - PR 

APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extra e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap


No comments

Powered by Blogger.