PROPAGANDA

[ASPIRANTES] Coritiba vence o Paratiba de virada e conquista a primeira vitória no campeonato

Na tarde desta quinta-feira (5), o Coritiba recebeu o Paraná Clube no Couto Pereira pela quinta rodada do Brasileirão de Aspirantes de 2020. Quem saiu na frente foi o Paraná Clube, com gol de Matheus Castanha, porém o Coritiba virou com gols de Pablo Thomaz e Guilherme Biro, conquistando sua primeira vitória na competição. Já o Tricolor segue sem vencer no torneio.

#CATEGORIA DE BASE

Por @Eduardo_hWerner 

PRÉ-JOGO: A situação das duas equipes, antes do início da partida, é complicadíssima para os dois rivais paranaenses na competição, já que ambos ainda não venceram até aqui. O Coritiba acumulou um empate e três derrotas, enquanto que o Paraná Clube teve dois empates e duas derrotas. Por isso, uma vitória é essencial para manter as chances de classificação vivas para os rivais, enquanto que uma derrota praticamente acaba com a probabilidade de avanço à próxima fase. 

O EMBATE: No confronto entre duas das piores campanhas do torneio, o futebol apresentado na primeira etapa não foi lá dos melhores. A primeira finalização da partida aconteceu apenas aos 13’, quando o lateral paranista Brayan arriscou de longe e a bola passou sem força longe da meta alviverde. A próxima oportunidade foi logo o gol do Paraná Clube, aos 19’, quando Luis Felipe roubou a bola na direita e finalizou cruzado, Helbert tentou mandar pro gol mas acabou ajeitando para Matheus Castanha que não desperdiçou, abrindo o placar no Couto Pereira. 

A etapa inicial seguiu com poucas chances de gol após o tento paranista e o próximo ataque de perigo foi logo o gol de empate coxa branca. Aos 31’, Biel recebeu na ponta direita e avançou em direção à grande área, cruzou rasteiro e Pablo Thomaz apareceu livre para tocar na saída do goleiro. Um primeiro tempo de poucas chances reais de gol terminou com o placar empatado em 1 a 1 entre os rivais. 

O Coritiba voltou mudado para o segundo tempo com João Victor no lugar de Kazu, e foram os donos da casa que dominaram os primeiros minutos da etapa complementar. A primeira chance aconteceu aos 5’, quando Guilherme Biro tocou para Luiz Henrique finalizar de fora da área. Logo no minuto seguinte o Coritiba teve uma chance espetacular com Pablo Thomaz, que arriscou uma linda bicicleta que tirou tinta da trave. Aos 12’ a equipe mandante teve outra boa chance com Bernardo, que arriscou com perigo de fora da área. 

Com tamanha pressão, a virada Coxa-branca estava prestes a sair. E ela aconteceu aos 15’ da etapa final, quando Luiz Henrique avançou pela ponta esquerda, cruzou para a pequena área e encontrou Guilherme Biro, que mandou para o fundo do gol. Após um começo de segunda etapa de grande intensidade, o resto do jogo foi morno e com poucas chances claras de gol para ambas as equipes. Após cinco minutos de acréscimo, o Coritiba segurou sua vantagem e venceu o clássico por 2 a 1 no Couto Pereira.

DESTAQUES: O destaque do clássico vai para os centroavantes de ambas as equipes. Do lado coxa branca, Pablo Thomaz mostrou grande qualidade na presença de área e também na sua movimentação no campo de ataque. Além do gol marcado, também quase anotou um golaço de bicicleta na segunda etapa. Já do lado Paranista o destaque fica com Luis Felipe, que compensou sua falta de movimentação sobrando na força física, qualidade que fez o atacante ganhar diversos duelos no campo de ataque. 

CORITIBA: O ataque alviverde não esteve muito iluminado na primeira etapa, situação que mudou completamente no segundo tempo, quando o setor ofensivo passou a trabalhar com mais qualidade, gerando muito mais chances de gol. Porém, o setor defensivo deixou a desejar principalmente nas bolas aéreas, onde o Paraná Clube teve algumas boas chances desperdiçadas. 

PARANÁ CLUBE: A equipe visitante buscou se impor nos quinze minutos iniciais de jogo, porém deixou o Coritiba equilibrar a partida dali em diante. O segundo tempo da equipe foi bastante apagado, sem grandes chances de gol criadas. 

PRÓXIMA PARTIDA: Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro de Aspirantes o Coritiba visita o CRB em Maceió-AL, enquanto que o Paraná Clube recebe o Vila Nova-GO na Vila Capanema. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX 

CORITIBA: 1. Marcão; 2. Marcos, 3. Habraão, 4. Márcio e 6. Ângelo; 5. Bernardo (15. Thomaz Carvalho), 8. Guilherme Biro e 10. Biel (17. Cristiano); 7. Luiz Henrique, 9. Pablo Thomaz e 11. Kazu (16. João Victor). Tec. Ricardo Quandt. 

PARANÁ CLUBE: 1. Filipe; 2. Matheus Paranhos, 3. Leonardo, 4. Guilherme Lacerda (15. Lucão) e 6. Brayan; 5. Gabriel Kazu, 8. Kriguer e 10. Lucas Sena; 7. Matheus Castanha (17. Keslley), 9. Luis Felipe e 11. Helbert (18. Guilherme Marques). Tec. Jorge Ferreira. 

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 2X1 PARANÁ CLUBE XXXXXXXXXXX 

GOLS: Pablo Thomaz (31’ do 1° tempo) e Guilherme Biro (15’ do 2° tempo) (Coritiba) | Matheus Castanha (19’ do 1° tempo) (Paraná Clube)

CA: Luiz Henrique e João Victor. (Coritiba) | Gabriel Kazu e Filipe. (Paraná Clube)

ÁRBITRO: Elvio Kertelt Legnani.

ASSISTENTES: Wagner Junior Bonfim Ledo (1) e Andrey Luiz de Freitas (2).

LOCAL: Couto Pereira, em Curitiba. 

APOIE O PROJETO DRAP - Queremos dar voz para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas – amador, base e feminino. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse; - http://catarse.me/drap


No comments

Powered by Blogger.