PROPAGANDA

[SUB-20] Coritiba e São Paulo ficam no empate e decidem vaga na próxima quarta


Na tarde desta quarta-feira (21), Coritiba e São Paulo realizaram o primeiro duelo da segunda fase da Copa do Brasil Sub-20, no Estádio Couto Pereira, e ficaram no empate de 1 a 1. A equipe do Coritiba viu o tricolor paulista inaugurar o placar no primeiro minuto de jogo, mas conseguiu igualar no início da etapa complementar. Com o empate, o sonho do escrete alviverde em avançar à terceira fase da competição pela primeira vez se manteve vivo. O duelo de volta será realizado na próxima quarta (28). 

#CATEGORIA DE BASE

Por @rafaelbuiar

PRÉ-JOGO: A equipe do Coritiba entrou em campo com o desfalque do meia atacante Robinho, machucado. Mas por outro lado, o treinador Ricardo Quandtn manteve a base que enfrentou o Corinthians no Campeonato Brasileiro de Aspirantes, na última sexta (19). Mas não contou com Pablo Thomaz e Wellysol, ambos têm idade acima do permitido – 20 anos. O time do São Paulo, maior vencedor da competição, também manteve a base que enfrentou o time do Internacional no Campeonato Brasileiro da categoria, no último domingo.  

O JOGO: O time do Coritiba deu a saída de bola e já iniciou propondo jogo, com Luiz Gabriel e Kazu. Mas sem sucesso no arremate. Por outro lado, na primeira descida do tricolor paulista, o placar foi inaugurado. Juan aproveitou o escorregão de Habraão para ficar livre após o rebote do arqueiro alviverde e chutar para o fundo do gol, com 1’ de bola rolando. O gol não intimidou o alviverde, que na sequência fez ótima trama no flanco direito, com o arremate de Thomaz, que acabou sendo defendido por Arthur. 

Passados da metade da etapa inicial, o time do Coritiba encontrou bastante dificuldade em furar o bloqueio do São Paulo, que quando teve a bola no pé conseguiu impor jogadas de velocidades no contra-ataque e assustar o goleiro Marco Antonio. Por isso, o embate neste período ficou preso no setor de meio de campo, mesmo com o lado esquerdo do Coritiba tendo mais ações, principalmente com Angelo e Kazu. 

Com o passar do tempo, a equipe da casa voltou a ter mais posse de bola na partida. Com isso, as ações ofensivas permaneceram no setor esquerdo. Aos 30’, Luiz Gabriel ganhou a bola no meio de campo e conseguiu dar o passe à Kazu, que dominou e depois de três toques na bola arrematou. Mas a marcação do São Paulo conseguiu travar e aliviar o perigo de gol do escrete alviverde. Depois disso, o duelo não teve muitas ações ofensivas e o jogo ficou democrático por ambas as equipes. Sendo assim, o placar da etapa inicial ficou em 1 a 0 para o time do São Paulo. 

No retorno à etapa complementar, as duas equipes entraram com a mesma equipe que terminou o primeiro tempo. Mas em compensação, com bola rolando, o jogo retornou diferente, já que ambas as equipes entraram ativas e com velocidade, com destaque para o time do Coritiba. Não deu outra, aos 10’ o escrete alviverde empatou a partida com Luiz Gabriel, que aproveitou o rebote e chutou firme, no meio do gol. A origem da jogada aconteceu na lateral direita, que teve a cabeçada de Guilherme Biro que foi à trave e na sequência, livre, o camisa 10 alviverde empatou. O gol de empate fez com que o treinador Orlando Ribeiro mudasse a equipe paulista com duas alterações. Saíram o lateral esquerdo Vitor Hugo e o atacante Juan, para a entrada de Gabriel Rodrigues e Vitinho, respectivamente. 

Depois das alterações de ambas as equipes, o São Paulo voltou a ficar mais ativo na partida, com ações, principalmente pelo flanco esquerdo, com Gabriel Rodrigues e Galeano, que trocou de lado. Devido a isso, o time do São Paulo ficou exposto para as jogadas de velocidade pelas pontas. Sendo assim, a tônica do Coritiba, após as alterações do Ricardo Quandtn. Mas não durou por muito e o duelo voltou a ficar preso no setor de meio campo, com a marcação, de ambas as equipes, conseguindo interromper as jogadas, mesmo com cinco minutos de acréscimos. Com isso, o primeiro duelo da segunda fase terminou empatado em 1 a 1. 

PRÓXIMA PARTIDA: A próxima partida de São Paulo e Coritiba pela Copa do Brasil sub-20 será na próxima quarta-feira (28), no Estádio Marcelo Portugal, em Cotia. Mas, antes disso, o Coritiba irá até o Rio de Janeiro enfrentar a equipe do Fluminense, pela segunda rodada do Campeonato de Aspirantes na sexta-feira (23). Enquanto que o São Paulo irá desafiar o escrete do Palmeiras, no Allianz Parque, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20, no domingo (25). 

DESTAQUES: Na equipe alviverde, o meia-campista Luiz Gabriel foi o mais ativo dentre os jogadores do Coritiba que entraram em campo. O camisa 10 alviverde além de ajudar na criação, conseguiu impor uma marcação forte, o que proporcionou roubadas de bola no setor da meia cancha. Na segunda etapa foi coroado com um gol. No lado do São Paulo, o artilheiro da equipe na primeira partida, Galeano, teve uma atuação tímida na primeira etapa, mas essencial para o sistema do São Paulo no segundo tempo, que foi a jogada em velocidade e de contra-ataque. 

CORITIBA: Com uma formação de 4-5-1, a equipe do Coritiba sofreu o gol muito cedo, em uma falha defensiva. Depois do gol, o Coritiba até teve mais volume de jogo, tentando impor pelo flanco esquerdo, mas com muita dificuldade. O esquema mudou e ficou mais favorável na partida depois que Cristiano passou a ser centralizado e os pontos serem mais acionados, com Kazu e Guilherme Biro. 

SÃO PAULO: Acertou uma troca de passes já no início de jogo e inaugurou o placar. Depois disso, acertou o sistema defensivo e procurou jogar pelos flancos no contra-ataque. Pelo menos em duas tentativas quase ampliou o placar. Galeano e Vitinho foram a tônica da equipe na segunda etapa.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX 

CORITIBA: 1 Marco Antonio; 2 Marcos Ulisse, 3 Habraão, 4 Marcio e 6 Angelo Chaves; 5 Thomaz, 8 Bernado Lemes (17 Yuri Ferreira); 7 Guilherme Biro e 10 Luiz Gabriel; 9 Cristiano (19 Morando) e 11 Kazu (20 Pablo). Tec.  Ricardo Quandtn 

SÃO PAULO: 1 Arthur; 2 Sena (16 Anilson), 3 Mateus, 4 Luizão e 6 Victor Hugo (14 Gabriel Rodrigues); 5 JP (15 Marcos Júnior), 8 Antonio Falcão, 7 Galeano e 10 Tales Costa (18 Paulinho); 11 Kevin (19 Pedrinho) e 9 Juan (17 Vitinho). Tec. Orlando Ribeiro 

FICHA TÉCNICA – CORITIBA X SÃO PAULO XXXXXX

GOLS: Juan ao 1’ do 1º tempo (São Paulo); Luiz Gabriel aos 10’ do 2º tempo (Coritiba);

CA: Mateus, Sena e Pedrinho (São Paulo); Thomas, Guilherme Biro e Habraão (Coritiba)

CV: Guilherme Biro (Coritiba)

ÁRBITRO: Cristian Eduardo Gorski da Costa;

ASSISTENTES: Weber Felipe Silva (1) e Zacarias Chumlhak (2)

LOCAL: Estádio Couto Pereira, em Curitiba

APOIE O PROJETO DRAP - Queremos dar voz para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas – amador, base e feminino. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse; - http://catarse.me/drap



No comments

Powered by Blogger.