PROPAGANDA

[BR SUB20] Athletico inicia busca por título inédito frente ao São Paulo


O Campeonato Brasileiro Sub-20, que teve a primeira edição em 2015 com a organização da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), teve o seu início ontem (23), com sete embates. A competição deste ano será a primeira vez que só terá um representante paranaense, a equipe do Athletico, que iniciará a sua trajetória no certame na tarde desta quinta-feira (24), às 15h, diante o tricolor paulista, em Cotia.
Selecionamos os principais números da competição que envolvem o rubro-negro paranaense, que estará disputando pela sexta vez a competição.

 #SUB20

Por @rafaelbuiar

A terceira competição de base de âmbito nacional que iria iniciar em 2020 era o Campeonato Brasileiro Sub-20, no mês de maio. Mas devido a pandemia do COVID-19, iniciou quatro meses depois e foi a segunda a ter o seu pontapé, já que o Brasileiro Sub-17 iniciou em abril. O certame deste ano é similar ao do ano passado e será disputado por 20 clubes e a primeira fase é no sistema de pontos corridos, em turno único. Avançam à próxima fase os oito melhores classificados na tábua de classificação, que seguirá no cruzamento olímpico na forma de mata-mata (ida e volta) até a final. 

O time rubro-negro será comandado mais uma vez por Rafael Guanaes, o mesmo treinador que esteve à frente da equipe no certame anterior e tem a disposição os seguintes jogadores: Braga, Edu, Iago, Jajá (x), Jhon, João Pedro (x), Julimar, Kawan (x), Khellven, Léo, Luan Patrick, Luca Caio, Mingotti, Orlando, Pierre, Raimar, Ramon, Reinaldo, Rômulo e Vialle. Dos relecionados, apenas três estiveram na última partida do ano passado na competição diante o Sport, que terminou em 4 a 1 a favor do escrete do Athletico, com três gols de Jajá.

 

Ao analisar o desempenho nos certames anteriores, a equipe do Athletico é a décima terceira em relação aos pontos conquistados das 24 que já participaram, com 49 tentos em 43 partidas disputadas. No total foram 12 vitórias, 13 empates e 18 derrotas. Duelos que tiveram 48 gols marcados e 51 sofridos. Ao separar os duelos em casa e fora, o Athletico leva vantagem em seus domínios, com nove triunfos, seis empates e sete derrotas. Já fora de casa a situação é inversa. Dentre os 21 embates longe de Curitiba, o rubro-negro teve 11 derrotas, sete empates e três vitórias. O estado que mais teve visita rubro-negra no Brasileirão Sub-20 foi São Paulo, com cinco embates; Minas Gerias, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul na sequência, com quatro duelos respectivamente. O adversário que mais vezes duelou com o Athleltico foi o Cruzeiro, com quatro embates. 

Das cinco temporadas já disputadas, o Athletico só venceu na estreia em uma oportunidade e foi no Rio de Janeiro, diante o Vasco da Gama em 2017, com o placar final de 1 a 0. Nas edições dos anos de 2015, 2016 e 2019, o rubro-negro empatou três e todas de 0 a 0; e perdeu em 2018 para o Flamengo, em Curitiba, no placar de 3 a 1. O adversário da estreia de 2020, o São Paulo, já enfrentou o Athletico duas vezes, em 2015 na primeira rodada e terminou em 0 a 0 e no ano passado, que terminou com o triunfo rubro-negro por 1 a 0. Ambos os duelos foram em Curitiba. Ou seja, será a primeira vez que o duelo entre as duas equipes será em São Paulo.

O primeiro adversário em 2020, o São Paulo, que é a sexta equipe que mais disputou partidas na competição, com 49 no total. Dentre elas, o tricolor paulista venceu 22, empatou 14 e também perdeu 14, com 73 gols marcados e 57 sofridos. No ano passado, o São Paulo terminou a primeira fase na sétima colocação, com 31 pontos. Na fase seguinte foi eliminado pelo Corinthians, com um empate e uma derrota. 

PARTICIPAÇÃO - O critério para participação na competição também é a posição no Ranking Nacional de Clubes (RNC). Sendo assim, os 20 melhores colocados estão aptos para disputa. Devido a isso, o Athletico é o único clube paranaense que garantiu a vaga. Já que o escrete alviverde, que participou nas cinco edições anteriores caiu no ranking e ocupa a 24ª colocação e o Paraná Clube a 26ª posição. Já os clubes do interior paranaense com melhor colocação são Londrina (31) e Operário (50). 

O Coritiba é a quinta melhor equipe na classificação geral, somada todas as edições. Em cinco edições realizadas, o alviverde do Alto da Glória somou 86 pontos em 57 partidas, com 24 vitórias, 14 empates e 21 derrotas. Duelos que teve 76 gols marcados a favor e 76 sofridos. O melhor desempenho de um paranaense na competição foi em 2017, em que o Coritiba terminou como vice ao ser derrotado nas penalidades depois de dois empates na final diante o Cruzeiro. Já o Athletico ficou em quarto no mesmo ano, quando foi derrotado na fase semifinal pelo mesmo Cruzeiro e com dois empates também. 

APOIE O PROJETO DRAP - Queremos dar voz para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas – amador, base e feminino. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse; - http://catarse.me/drap


No comments

Powered by Blogger.