PROPAGANDA

[ENTREVISTA] Agora no Toledo/Coritiba, Yasmin sonha em chegar à Seleção Brasileira


A meia campista Yasmin Fernandes teve o primeiro contato com a bola de futebol aos quatro anos, aos sete entrou na primeira escolinha e dez anos mais tarde se prepara para jogar o primeiro campeonato nacional da carreira sonhando um dia estar na Seleção Brasileira. A jogadora que teve destaque no Imperial durante a temporada de 2019, agora disputará o Campeonato Brasileiro Feminino Série A2, com outro time paranaense, o Toledo/Coritiba. Confira um pouco da história de Yasmim Fernandes dentro do futebol.

#ENTREVISTA
POR MARIANA BECKER

Yasmin Fernandes sempre sonhou em ser jogadora de futebol, criada entre os primos desde cedo teve contato com o esporte e nunca faltou o incentivo da família para que ela alcançasse os objetivos como atleta. “O futebol sempre foi algo muito presente na minha vida e ingressar nesse meio para mim foi fácil porque já era algo presente, além disso eu sempre recebi o apoio de todos os meus familiares”, acrescenta a jogadora Yasmim, que ainda ressalta a importância da família em apoiá-la em todos os passos, principalmente nesse novo momento em que a meio campista jogará o primeiro campeonato nacional da carreira.

Na primeira competição que disputou com o Imperial, a atleta, além de ter conquistado o título da competição, ainda ganhou vários prêmios individuais como artilheira, destaque e melhor jogadora do campeonato. Em seguida, Yasmin disputou o Campeonato Paranaense pela primeira vez e participou de um momento histórico para o clube, a primeira vez que o Imperial venceu no Campeonato Paranaense, naquela ocasião o time adversário foi a equipe do Londrina. “Participar da primeira vitória do Imperial foi muito importante, pois a gente via como cada um estava orgulhoso do que tinha acontecido. Desde o início do jogo entramos com espírito de querer vencer e de que aquele jogo era nosso e foi isso que aconteceu. Eu me senti muito privilegiada por fazer parte daquele momento”, comenta a meia campista.


Yasmin tem como sonho chegar a Seleção Brasileira, mas mantendo os pés no chão a jogadora sempre busca dar um passo de cada vez e o foco agora está em conquistar os objetivos junto ao Toledo/Coritiba. “O primeiro objetivo vai ser conquistar a classificação para a série A1, que no momento é o nosso principal objetivo. O segundo é a vitória no paranaense, com esses dois objetivos alcançados a gente pode pensar em outros maiores”, relata.

Outro desafio que Yasmin enfrenta é a adaptação na nova cidade e rotina em um novo clube. “No início achei meio estranho essa mudança de cidade, até porque eu nunca morei fora de Curitiba, pois eu vivi lá (Curitiba) há 17 anos. Mas também quando surgiu a oportunidade de mudar para Toledo não foi tão complicado porque já haviam algumas meninas de Curitiba que eu conhecia que moravam na cidade e que jogaram comigo na época do futsal”, comenta.


Apelidada pela antiga técnica do Imperial como “Tanque”, Yasmin ressalta as características de jogo que possui e porque do apelido que recebeu. “Pela força que eu tenho, ela sempre disse que eu sou muito forte nesse combate corpo a corpo”, relembra a meia campista.

Além disso, a atleta ainda destaca a visão de jogo que possui e a liderança em campo, saber se comunicar e comandar a equipe são os atributos da jovem jogadora. Com isso, Yasmin espera colaborar para os objetivos do novo time e evoluir na parte técnica e fisicamente para avançar na carreira como jogadora e conquistar o objetivo de chegar a equipe principal do Brasil. 


APOIE O PROJETO DRAP - Queremos dar vozes para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas – amador, base e feminino. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse: http://catarse.me/drap;

No comments

Powered by Blogger.