PROPAGANDA

[SÉRIE B] Com gol de falta no fim, Coritiba bate o Bragantino e fica próximo do acesso à Série A


Na noite deste domingo (24), o Coritiba recebeu o Bragantino em partida válida pela 37ª rodada do Brasileirão Série B de 2019. O Alviverde precisava de um resultado positivo, e ele veio somente aos 37’ do 2° tempo com um gol de falta do meia Giovanni. Com esse triunfo, o Coritiba precisa apenas de um empate contra o Vitória em Salvador na última rodada para conseguir o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro.

#SÉRIE B
Por Eduardo Werner

PRÉ-JOGO: O Coritiba chegou para a disputa da penúltima rodada da Série B na 5° colocação, fora da zona de acesso para a primeira divisão. Um empate ou vitória no Couto Pereira contra o já campeão Bragantino deixaria o Coxa em boa situação, dependendo apenas de si na última rodada para conseguir o acesso. Já uma derrota contra a equipe de Bragança Paulista deixaria as coisas mais complicadas no Alto da Glória, já que o Alviverde precisaria de uma combinação de resultados para subir de divisão. O Coritiba vinha de uma sequência de 11 partidas invicto, incluindo uma vitória na rodada anterior contra o Oeste. Já o Bragantino conquistou matematicamente o título da Série B na última rodada, ao empatar em casa com o Criciúma.
                                                                   
O EMBATE: Quem precisava do resultado era o Coritiba, mas foi o Bragantino que criou a primeira chance de gol da partida. Logo no primeiro minuto, após cruzamento de Aderlan vindo da direita, Matheus Peixoto cabeceou e a bola passou com perigo por cima do travessão de Alex Muralha. O Coxa respondeu pouco depois, aos 7’ do 1° tempo, quando Rafinha aplicou um belo chapéu na ponta direita, cruzou para a área e Willian Matheus cabeceou firme para a defesa do goleiro Kewin.

O Coritiba teve grande chance de abrir o placar aos 19’ da etapa inicial, quando, após bate-rebate na grande área, a bola sobrar para Rafinha, livre e sem goleiro, isolar por cima do gol. Depois desse gol perdido a partida ficou mais equilibrada, com a equipe visitante também levando perigo em algumas ocasiões. Porém, foi o Coritiba que balançou a rede por primeiro nessa tarde, aos 37’ da primeira etapa, quando Giovanni ganhou da marcação e tocou para Igor Jesus, que finalizou na saída do goleiro. Porém, o atacante do Coritiba estava impedido e o gol foi anulado. A equipe da casa ainda teve um pedido de pênalti negado nos instantes finais do primeiro tempo e a torcida ficou na bronca.



Assim como no primeiro tempo, foi o Bragantino que começou atacando na segunda etapa. Logo no primeiro minuto Bruno Tubarão cruzou para Aderlan, que apareceu livre dentro da área, porém o lateral pegou embaixo da bola e ela subiu alto, longe do gol defendido por Alex Muralha. O Coritiba respondeu aos 12’ da etapa complementar, quando Diogo Mateus cobrou escanteio e Serginho testou firme para a defesa de Kewin. O Bragantino teve uma boa chance aos 22’ da segunda etapa, quando Claudinho acertou um belo passe para Aderlan, que chegou batendo para a defesa segura de Alex Muralha.

O Coritiba precisava da vitória, e foi a partir dos 35’ do 2° tempo que a partida começou a ser decidida nas bolas paradas. Primeiro, Diogo Mateus bateu uma falta da intermediária com muito perigo, bem colocada no canto direito do goleiro Kewin, que fez uma bela defesa. Porém, dois minutos depois, novamente em cobrança de falta da intermediária, Giovanni cobrou forte e rasteiro, a bola passou pela barreira do Bragantino e tocou na trave antes de morrer no fundo do gol, abrindo do placar para o Coxa. Logo no minuto seguinte o Bragantino assustou com uma cabeçada de Bruno Tubarão que explodiu no travessão. Mas ficou por isso mesmo, uma importantíssima vitória do Coritiba em frente ao maior público do Couto Pereira no ano.



PRÓXIMA PARTIDA: Em busca do acesso para a Série A, o Coritiba vai com tudo para a última rodada em Salvador precisando de apenas um empate contra o Vitória, que já escapou do rebaixamento. Já o Bragantino, campeão da Série B, recebe o CRB em Bragança Paulista.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

CORITIBA: 23. Alex Muralha; 17. Felipe Mattioni (22. Diogo Mateus), 32. Nathan Ribeiro, 35. Sabino e 6. William Matheus; 48. Serginho, 36. Matheus Sales (13. Wanderley), 10. Giovanni e 47. Juan Alano; 7. Rafinha (31. Kelvin) e 19. Igor Jesus. Tec. Jorginho.

BRAGANTINO: 40. Kewin; 13. Aderlan, 3. Léo Ortiz, 4. Ligger e 36. Edimar; 8. Uillian Correia (28. Robinho), 14. Baralhas, 19. Pedro Naressi e 20. Bruno Tubarão; 9. Matheus Peixoto (22. Roberson) e 31. Vitinho (39. Claudinho). Tec. Antônio Carlos Zago.

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 1X0 BRAGANTINO XXXXXXXXXXXXX

GOLS: Giovanni (37’ do 2° tempo) (Coritiba)
CA: Aderlan e Ligger. (Bragantino)
ÁRBITRO: Anderson Daronco.
ASSISTENTES: Jorge Eduardo Bernardi (1) e Michael Stanislau (2).
LOCAL: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba.
PÚBLICO TOTAL: 39.619 presentes

RENDA: R$ 710.823,40

PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.