PROPAGANDA

[JUVENIL] Desportivo vence Bangú e confirma vaga na decisão da Suburbana


O Estádio Ozório Claudino de Barros recebeu o confronto entre Desportivo e Bangú, válido pela partida de volta da fase semifinal da Série B da Suburbana 2019, categoria juvenil. Mesmo perdendo a primeira partida por 1 a 0, o Desportivo não se acanhou no jogo da volta e consegui vencer no tempo normal por 3 a 1 e avança à final da competição.

#JUVENIL
Por @rafaelbuiar

PRÉ-JOGO: Dentre as equipes que ainda seguem na competição, Bangú e Desportivo são as que mais pontuaram na tábua de classificação e a que menos perderam. Ou seja, mesmo com triunfo no jogo de ida da equipe do Bangú, o Desportivo quer valer o desempenho da temporada. Na primeira fase, jogando em seu domínio, o Bangú venceu pelo mesmo placar do jogo da ida da semifinal, 1 a 0. Por outro lado, a equipe rubro-negra entrou nesta rodada com o artilheiro do campeonato, Enzo com nove gols. Enquanto que Nathan é o artilheiro do Desportivo com sete gols.

O EMBATE: As duas equipes iniciaram bem ativas, com ambos escretes buscando o gol já nos primeiros minutos. Devido a isso, com o jogo movimentado, algumas faltas também aconteceram no princípio de jogo. Destaque para o Bangú, que teve uma oportunidade de inaugurar o placar aos 5’, que obrigou o goleiro Vinicius a trabalhar. A resposta do Desportivo aconteceu dois minutos depois, em jogada de escanteio. Mauro ficou no segundo pau e testou firme e acertou a trave.

Aproveitando o bom momento, em que o Desportivo teve mais volume de jogo, Pedro abriu o placar aos 38’ da etapa inicial. O camisa 8 do Desportivo tentou cruzar à área e a bola acabou caindo no fundo das redes do arqueiro rubro-negro, que foi surpreendido. Na sequência, o escrete do Bangú realizou alteração. Mas o jogo na primeira etapa terminou em 1 a 0.


A segunda etapa teve o mesmo ritmo do início do primeiro tempo. Ou seja, com ambas as equipes buscando o gol. Mas quem levou a melhor e marcou foi o escrete do Desportivo, em lance que gerou polêmica. Mauro estava em posição de irregular e o assistente levantou a bandeirinha assinalando impedimento, mas o árbitro deu sequência na jogada já que Mateus não estava impedido. Sendo assim, Mateus ganhou na corrida e cruzou na medida para Felipe Alves cabecear.

Com o jogo retomado, após a discussão dos jogadores e comissão técnica do Bangú com a arbitragem. Mesmo assim, o time rubro-negro não se intimidou e aos 22’ Felipe Alves foi expulso por cometer falta no flanco direito. Na cobrança de falta, que foi à área, teve rebote e Renan, não titubeou e chutou firme. Sem chances para o goleiro do Desportivo, que viu pela primeira vez a bola entrar na sua meta.


Mas a equipe do Desportivo nem sentiu o gol, pois aos 28’ Pedro ampliou o placar. Em jogada de profundidade, o camisa 8 do Desportivo ganhou na corrida da marcação e chutou na saída do goleiro Richard, marcando o segundo gol na tarde e o terceiro do escrete do Desportivo. Com o placar em 3 a 1 a favor do Desportivo, a equipe do Bangú teve que buscar um gol para levar à penalidade. Não deu outra, pressão do escrete rubro-negro. Mesmo com algumas alterações de jogadores, o Bangú não conseguiu diminuir e levar à decisão de pênaltis.

FIQUE DE OLHO: Pedro, meia campista do Desportivo, foi quem procurou as principais jogadas de ataque do Desportivo. Além de ter uma disciplina tática e também colaborar na marcação, marcou dois gols a favor do escrete grená. Sendo assim, fundamental para o triunfo e a classificação à final da competição.


PRÓXIMA PARTIDA: Após garantir a vaga na grande final, a equipe do Desportivo Paranaense irá enfrentar o escrete do Combate Barreirinha na final da competição. Sendo que o primeiro duelo será no Estádio Francisco Thiago da Costa e a segunda partida no Estádio Antonio Monteiro Sobrinho

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

DESPORTIVO: 1 Vinicius; 2 Victor (17 Yan Fernando), 3 Vitor, 4 Arthur e 6 Rafael Alves; 5 Lucas, 8 Pedro (19 Eduardo), 10 Alison e 7 Felipe; 9 Mauro (15 Diego) e 11 Mateus (20 Matheus Leite). Tec. Lucas Garrett

BANGÚ: 1 Richard; 2 Nicolas (16 Igor), 3 Carlos Henrique, 4 Renan e 6 Leandro; 5 Gabriel Rian, 8 Elton (14 Wanderley), 7 Victor Ruan (15 Vinicius) e 10 Matheus Lara; 11 Ryan (19 Alexandre) e 9 Enzo (18 Eric). Tec. Cristiano Bassoli

FICHA TÉCNICA – DESPORTIV X BANGÚ XXXXXXXXX

GOLS: Pedro aos 8' do 1º tempo e 28' do 2º tempo e Felipe Alves aos 7' do 2º tempo (Desportivo); Renan aos 24' do 1º tempo (Bangú).
CA: Pedro (Desportivo) | Gabriel Ryan, Leandro e Carlos Henrique (Bangú)
CV: Felipe Alves (Desportivo) | Renan (Bangú)
ÁRBITRO: Regis Eduardo Silveira
ASSISTENTES: Daniel Pereira Melere e Lynijer de Aguiar Maciel
LOCAL: Estádio Osório Claudino de Barros, Curitiba

ENTREVISTAS DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.