PROPAGANDA

Athletico vence por 2 a 1 o Foz, se classifica e rebaixa a equipe da fronteira


Em um jogo de dois tempos distintos, o Athletico venceu o Foz na  Arena da Baixada e garantiu vaga na próxima fase da taça Dirceu Kruger. O Foz, por sua vez, está rebaixado para a segunda divisão do campeonato estadual.

#PARANAENSE2019
Por @Moiteraa

PRÉ-JOGO: Athletico e Foz do Iguaçu entraram em campo em momentos diversos. O Athletico vinha de três goleadas em três jogos no segundo turno do campeonato estadual, líder do grupo A com nove pontos e líder da classificação geral do campeonato com 17 pontos. Já o Foz era terceiro colocado no grupo com quatro pontos e com boas chances de classificação à semifinal da taça Dirceu kruger, mas devido o péssimo primeiro turno, somava apenas cinco pontos na classificação geral, e buscava algum jeito de se livrar do rebaixamento.

O EMBATE: O primeiro tempo foi pouco movimentando, com o principal nome sendo o atacante rubro-negro Vitinho, que foi o responsável por dar a assistência no primeiro gol atleticano. Após ótimo lance pela esquerda, o jogador cruzou, a dupla de zaga do Foz se atrapalhou e a bola sobrou para o meia Léo Cittadini, que na pequena área estufou as redes.
       
O Athletico continuou impondo o ritmo de jogo com muitos passes, mas criando poucas chances de gols. Aos 39, o meia Marquinho teve uma boa oportunidade, mas parou na boa defesa do goleiro Felipe Alisson. Durante todo o primeiro tempo as jogadas saíram pelo lado esquerdo, conduzidas na maior parte por Vitinho. Pelo outro lado era o lateral Khellven que se destacava.


Se faltou emoção no primeiro tempo, não faltou nenhum um pouco no segundo. Aos 12, o Foz chegou com o meia Bruno e o goleiro Léo fez boa defesa. Cinco minutos depois foi a vez do atacante Mateus Guerreiro chegar e dessa fez a bola foi parar no fundo das redes do goleiro Léo: após bela infiltração, o atacante do Foz bateu prensado com o defensor, e o desvio acabou tirando o goleiro Léo da jogada.

O jogo ganhou em movimentação e emoção. Até que aos 32 minutos, o atacante Vitinho lançou Bergson, que dominou, mas escorregou. A bola ainda sobrou pra Jáderson, que lançou o meia Marquinho, que bateu com categoria no ângulo, na saída do goleiro do Foz para dar números finais a partida. Com a vitória o Athletico garantiu vaga para a próxima fase e o Foz está matematicamente rebaixado.


PRÓXIMA PARTIDA: Na próxima rodada o Athletico vai até Londrina enfrentar a equipe da casa para fechar a fase classificatória do campeonato paranaense. A partida será realizada no próximo domingo, ás 16h, mesmo dia e horário das demais cinco rodadas que fecha a fase de grupos. O Foz do Iguaçu fecha a fase de grupos jogando em casa conta o Operário no mesmo também no domingo e no mesmo horário.

OS ESCRETES

ATHLETICO: 1 Léo; 3 Lucas Halter, 4 José Ivaldo e 6 Eder; 2 Khellven, 5 Matheus Rossetto (18 Erick), 8 Léo Cittadini, 7 Vitinho e 10 Marquinho (20 Matheus Anjos); 11 Bill (Jáderson) e 9 Bergson. Tec. Rafael Guanaes.

FOZ DO IGUAÇU: 1 Felipe Alisson; 2 Arisson, 3 Leandro Silva, 4 Thomaz e 6 Maurício 6 ( 16 Yannick); 5 Éder (Hadrian), 7 João Guilherme, 8 André Oliveira e Bruno Nascimento; 11 Junior Cezar e 9 Mateus Guerreiro Tec. Negreiros.

FICHA TÉCNICA – Athletico 2 X 1 Foz do Iguaçu  

GOLS: Léo Cittadini aos 14’ do 1º tempo e Marquinho aos 32’ do 2º tempo (Athletico); Mateus Guerreiro aos 15’ do 2º tempo.
CA: Léo Cittadini (Athletico) e Mateus Guerreiro (Foz do Iguaçu)
ÁRBITRO: Eduardo da Silva Silveira
ASSISTENTES: Maurício José Braga e Reube Dobrycholp dos Reis
LOCAL: Estádio Joaquim Américo (Arena da Baixada), em Curitiba
PÚBLICO/RENDA: Publico total de 7.027 mil pessoas; renda R$ 157.813,00 reais.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.