PROPAGANDA

[AMADOR PG] Metalurgente vence o Olinda por 3 a 2 e se classifica para a próxima fase do certame


Olinda e Metalurgente se enfrentaram na manhã deste domingo, 31, no Estádio André Mulaski, em Ponta Grossa (PR). O resultado foi de 3 a 2 para a equipe visitante. O Metalurgente venceu a partida que precisava para garantir sua vaga na próxima fase da competição. Para o Olinda, a classificação ficou mais distante, já que o time não depende apenas de si para avançar no torneio.

#AMADOR PG
Por Cícero Goytacaz (@egoytacazc)

PRÉ-JOGO: Em partida atrasada, válida pelo grupo A do Campeonato Amador de Ponta Grossa 2019, Olinda e Metalurgente jogaram em disputa acirrada pela classificação. Ambas as equipes folgaram na última rodada. A equipe da casa entrou em campo somando cinco pontos em cinco jogos, na quinta colocação do grupo. Seu adversário veio ao jogo em situação melhor na tabela, com um jogo a menos e oito pontos somados, precisando de apenas uma vitória para garantir a classificação.

O EMBATE: A bola rolou no Estádio André Mulaski e logo nos primeiros minutos, o jogo se desenhou muito disputado, ofensivo e com os nervos à flor da pele em ambas as equipes. Aos 15’, em cobrança de falta de Rafael Cordeiro, para o Metalurgente, Leandro chegou atrasado e ainda assim conseguiu o cabeceio, mas finalizou para fora. Passados os primeiros 20 minutos, o jogo seguiu muito truncado, com as duas equipes em ritmo ofensivo, além do exagero nas faltas sem perigo. Aos 27’, Marinho avançou pela ponta direita e cruzou para Leandro, que cabeceou para balançar as redes pela primeira vez no Estádio André Mulaski: Metalurgente 1 a 0 Olinda.

Após o gol, o embate seguiu com a marcação apertada nos dois lados e muita reclamação com a arbitragem. O Olinda se apresentou visivelmente nervoso em campo, sem conseguir encaixar os ataques. Já o Metalurgente se apresentou de forma mais organizada e cautelosa, controlando o resultado. Aos 40’, Adalgiso, em cobrança de falta para o Olinda, cruzou para Jonathan, que subiu na área e cabeceou firme, mas Roberto Carlos fez uma defesa segura e impediu o empate. Na cobrança do escanteio, houve confusão na área, mas a zaga do Metalurgente afastou o perigo.

Na reta final do primeiro tempo, o Olinda passou a propor mais o jogo no ataque, mas sem conclusões precisas. Aos 48’, Joel Ferreira Martins apontou o centro de campo e decretou o fim da primeira etapa: Olinda 0 x 1 Metalurgente.


O segundo tempo começou e logo aos 5’ Miguel, em cobrança de falta colocada, mandou direto para o fundo das redes: Metalurgente 2 a 0. Após o gol, a partida tomou um ritmo menos acelerado que na primeira etapa, com a posse de bola controlada pelo Metalurgente. O Olinda optou por explorar os espaços, se apresentando mais concentrado no jogo. A equipe da casa voltou ao jogo aos 12’: após jogada pela esquerda, Josenei aproveitou a saída errada do goleiro Roberto Carlos para diminuir o placar. Olinda 1x2 Metalurgente. O gol fez com que o Olinda passasse a atacar mais em busca do empate, enquanto que o Metalurgente assumiu uma postura mais defensiva.

Aos 25’, em chance clara de empate, Jonathan cruzou pela esquerda, achou Junior livre na área, que cabeceou com o canto aberto do goleiro, mas Roberto Carlos se recuperou no lance e defendeu para salvar o Metalurgente mais uma vez. Aos 29’, o Metalurgente respondeu com Cadinho, que avançou pela direita e cruzou rasteiro para Edeson, que parou no goleiro Ronaldo. Entrando nos 15 minutos finais de jogo no segundo tempo, o Olinda passou a dominar a posse de bola dominada, persistindo na recuperação do resultado. O Metalurgente voltou a se apresentar ofensivamente no jogo gradativamente, mas o domínio foi dos donos da casa.

Destaque para o goleiro Roberto Carlos, que salvou sua equipe novamente de levar o gol de empate aos 37’, quando Leandro puxou o ataque, chutou da entrada da área em direção ao gol, mas o goleiro do Metalurgente realizou mais uma bela defesa. Aos 39’, o Metalurgente respondeu com um chute colocado de fora da área, mas Ronaldo salvou uma boa chance de gol. A resposta continuou e, no minuto seguinte, Val infiltrou pela defesa, recebeu um lançamento em posição legal e entrou livre, tirando do goleiro e balançando as redes, para aumentar a vantagem: Metalurgente 3 a 1 Olinda.

Nos minutos finais de jogo, quando tudo parecia decidido, uma bola sobrou para Izaltino, que chutou firme para o fundo do gol e diminuiu a vantagem, já nos acréscimos da partida: Olinda 2x3 Metalurgente. O time insistiu até o apito final, mas não encaixou mais um ataque fulminante. Na marca dos 50’, Joel Ferreira Martins apitou pela última vez, no Estádio André Mulaski: Olinda 2 x 3 Metalurgente.


PRÓXIMO JOGO: Na rodada decisiva da fase de grupos do Campeonato Amador de Ponta Grossa 2019, o Olinda enfrentará o Unibox em casa, não dependendo apenas de seu resultado para se classificar. O Metalurgente, já classificado, enfrentará a W-03, fora de casa, pelo grupo A.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
OLINDA: 01-Ronaldo, 2-Elison (16-Dirceu), 3-Ederson, 4-Carlos Alberto, 5-Ritielly, 6-Jonatan Oliveira (21-Erivelton), 7-Romano, 8-Jonathan Reis (20-Junior), 9-Leandro Alves, 10-Josenei (15-Izaltino), 11-Adalgiso. Téc.: Marcos Barreto.

METALURGENTE: 1-Roberto Carlos, 2-Marcos Antonio (15-Nei), 3-Erickson (16-Cadinho), 4-Vanderley, 5-Miguel (20-Weslley), 6-Marinho, 7-Luan (18-Val), 8-Diogo (21-Rodrigo), 9-Leandro (22-Edeson), 10-Rafael Cordeiro, 11-Marcos Vinicius (17-Juninho). Téc.: José Sabino.

FICHA TÉCNICA – OLINDA 2 x 3 METALURGENTE XXXXX

GOLS: Josenei, Izaltino (OLI); Leandro, Miguel, Nei (MET).
CA: Leandro Alves, Ederson (OLI); Miguel (MET).
ÁRBITRO: Joel Ferreira Martins.
ASSISTENTES: Leandro Polli Glugoski (1); Jonathan Evers Dias (2).
LOCAL: Estádio André Mulaski, Ponta Grossa (PR).


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.