PROPAGANDA

[AMADOR PG] Em jogo polêmico, Olinda e Unidev/PG empatam em 2 a 2


Na manhã deste domingo (17), Olinda e Unidev/PG se enfrentaram pela quinta rodada da Liga de Futebol Amador de Ponta Grossa, no Estádio André Mulaski. A partida terminou empatada em 2 a 2, com direito a gol no último lance da partida, gerando muita confusão antes do apito final. O Olinda terminou o primeiro tempo vencendo por 1 a 0, ampliou na segunda etapa e viu a equipe do Unidev/PG iniciar a reação aos 46’ da etapa final. Com o resultado, a equipe do Olinda chega a cinco pontos, na quarta colocação do Grupo A. Já o Unidev/PG soma dois pontos, na sexta colocação da tabela e segue sem vencer no certame.


#AMADORPG
Por Mariana Santos

PRÉ-JOGO: Depois de derrotas na última rodada, as equipes buscam se reabilitar na competição. O Olinda perdeu fora de casa para a equipe da W-03, pelo placar de 4 a 2. Do outro lado, o Unidev/PG também vem de derrota, para o Unibox, também pelo placar de 4 a 2. O time do Olinda soma quatro ponos em três jogos e é o quarto colocado do grupo, já o UNIDEV/PG faz a segunda pior campanha do grupo, na sexta colocação e empatado em um ponto com o lanterna Santa Paula.

O EMBATE: A primeira etapa iniciou com as duas equipes partindo para o ataque. Logo aos 5’, surgiu a primeira chance clara de gol. Adone recebeu livre na entrada da área e chutou forte por cima da meta adversária, quase o primeiro do Unidev/PG. A partida passou a ficar mais disputada no meio campo e com muitas faltas fortes, ocasionando reclamações dos dois lados. Aos 16', após receber lançamento preciso, Alesi tocou de primeira dentro da área e Mineiro, camisa 11, chutou forte, sem chances para o goleiro e abriu o placar para o Olinda.

Pressionando a equipe adversária, o Olinda seguiu no campo de ataque. Ederson recebeu na área e bateu para fora, perdendo a chance de ampliar o placar, aos 30’. Logo na sequência, em outra boa chance, Mineiro recebeu lançamento na cara do gol, bateu forte, mas Cleverson fez grande defesa e impediu o segundo gol do Olinda. As principais chances da equipe de casa passavam pelos pés de Mineiro. O camisa 11 aproveitou a velocidade para adiantar as jogadas e oferecer perigo à meta adversária.

O final da primeira etapa foi de troca de passes das equipes, que tinham dificuldade para infiltrar na marcação e chegar ao campo de ataque. A equipe do Unidev/PG errou muitos passes e facilitou as roubadas de bola do Olinda. Sem mais chances para as equipes no primeiro tempo, o Olinda saiu para o intervalo com vantagem no placar.


A etapa final iniciou com pressão do Olinda, que chegou com intensidade no campo de ataque. Logo aos 5’, após rebote do goleiro, Josenei recebeu na linha de fundo e tocou para trás, o camisa 7 Alesi dominou, cortou o marcador e bateu no canto para ampliar a partida. Com o segundo gol, o jogo na etapa complementar ficou mais aberto, o Unidev/PG buscou diminuir e com isso deu espaços para o Olinda sair no contra-ataque.

As equipes faziam muita falta no meio campo, o que ocasionou um jogo mais lento, com dificuldade de ambas as equipes para realizar as jogadas. Aos 20’, Rodrigo recebeu na entrada da área e bateu forte, mas a bola passou pela lateral da meta adversária, quase o primeiro do Unidev/PG. Logo na sequência, em outra chance do Unidev/PG, Bruno chutou forte para a defesa do goleiro Derik. Por conta da pressão do Unidev/PG na metade da segunda etapa, a equipe do Olinda subiu a marcação e passou a dificultar a saída de bola do adversário.


Os últimos minutos da partida foram, sem dúvidas, os mais polêmicos e de maior chance das equipes. Aos 37’, Gonzalo recebeu passe na entrada da área e bateu forte, mas Cleverson fez grande defesa, impedindo o terceiro do Olinda. Já nos acréscimos, aos 46’, em jogada pela lateral, Bruno dominou e chutou forte para diminuir para o Unidev/PG. A equipe seguiu pressionando e aos 50’, no último lance da partida, após bate rebate na pequena área, a bola desviou na zaga do Olinda e foi para o fundo da rede, empatando a partida para o Unidev/PG. O lance causou muitas reclamações do Olinda por conta do tempo de acréscimo e a equipe do Unidev/PG reclamou de agressões após o gol. Sem mais tempo, duelo terminou empatado.  

PRÓXIMO JOGO: Na próxima rodada, o Olinda enfrenta o Metalurgente em casa. Enquanto a equipe do UNIDEV-PG encara a equipe do Milan/Santa Mônica.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXX

OLINDA: 1-Derik, 2-Elison, 3-Ederson, 4-Carlos, 5-Jose, 6-Jonatan, 7-Alesi (21-Gonzalo), 8-Jonathan, 9-Josenei (Vitor Hugo), 10-Danilo, 11-Mineiro (17-Izaltino). Téc: Marcos Barreto.

UNIDEV/PG: 1-Cleverson, 2-Robson, 3-Matheus, 6-Wesley, 10-Elton (23-Luan), 11-Marcelo (8- Renato) 15-Luis Eduardo, 16-Diego, 20-Adone (27-Bruno), 22-Rodrigo, 25-Rafael (13-Cesar). Téc: Célio Roberto de Jesus
 
FICHA TÉCNICA – OLINDA 2 X 2 UNIDEV/PG XXXXXXXX   

GOLS:  Mineiro, Alesi (Olinda); Bruno (Unidev/PG)
CA:  Vitor Hugo (Olinda); Rafael, Maxwell, Elton, João Victor, Luis Eduardo, Renato (Unidev/PG)
CV: Bruno (Unidev/PG) 
ÁRBITRO: Allison Matheus da Silva
ASSISTENTES: Antônio José Dutra (1), Anilton José Dadona (2)
LOCAL: Estádio André Mulaski, em Ponta Grossa.

ENTREVISTA DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

drap

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.