PROPAGANDA

Coritiba empata com Londrina e segue sem vencer em casa no Campeonato Paranaense de 2019


Na noite deste sábado (2), Coritiba e Londrina se enfrentaram no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. O confronto foi válido pela penúltima rodada do primeiro turno do Campeonato Paranaense de 2019, a Taça Barcímio Sicupira. Em um jogo com muitas oportunidades desperdiçadas, os ataques das duas equipes não conseguiram vencer o sistema defensivo e acabaram ficando no empate em 0 a 0. Com o resultado, o Coritiba segue sem vencer em casa no Campeonato Paranaense 2019 e o Londrina empata pela segunda vez no certame.


#PARANAENSE 2019
Por @LarissaTurko

PRÉ-JOGO: Buscando se manter na liderança de seus grupos, Coritiba e Londrina se enfrentam com a expectativa de uma vaga na semifinal do primeiro turno do Campeonato Paranaense. O Coritiba, que na última rodada venceu o primeiro Atletiba do ano, segue dividindo a liderança do grupo B com o FC Cascavel, ambos com 8 pontos. Já o Tubarão está em uma situação semelhante, pois na última partida venceu de virada o Rio Branco e soma 7 pontos na tábua de classificação, que o credencia na ponta do grupo A pelo critério de saldo de gols. O Operário está com o mesmo número de pontos. 

O EMBATE: A forte chuva que caiu no Couto Pereira dificultou o início da partida para ambos os times. Com o gramado mais pesado, os passes não fluíam como o esperado, dificultando as chegadas no ataque e, consequentemente, as finalizações não aconteceram. Como nos últimos jogos, o Coritiba apostou nas jogadas pelas laterais e também nas bolas paradas. Já o Londrina trocou passes rápidos e forçou o erro na saída de bola, com o intuito de buscar os contra-ataques rápidos. Em sete minutos de partida, duas jogadas trabalhadas e quase que em sequência. A primeira protagonizada por Marcelinho do Londrina, que driblou o marcador fazendo grande jogada e em seguida, cruzou na área. A zaga alviverde cortou e na sobra o jogador sofreu a falta. A segunda aconteceu com Fabiano do Coritiba que cruzou pela esquerda para Kady, o jogador não alcançou e viu a bola passar na frente do gol.

As duas equipes se movimentaram muito com boas chegadas. As oportunidades de gols apareceram ao longo da partida, mas a falta de pontaria e a marcação firme de ambos os setores defensivos impediram que o marcador fosse inaugurado. A melhor chance no primeiro tempo foi do Londrina com Uelber. No lance, o jogador do Tubarão recebeu na entrada da área de frente para o gol, mas acabou chutou rasteiro e Wilson defendeu. Pelo lado do Coxa, Iago Dias arriscou várias vezes em direção ao gol. Dentre os arremates, o meia ofensivo do Coritiba, recebeu dentro da área pela esquerda e meio sem ângulo mandou por cima das redes do Tubarão.

No final da etapa inicial, o Coritiba passou a pressionar e arriscar mais. Dominando a partida, fez várias jogadas de efeitos indo para cima dos visitantes. Porém, parou na marcação forte do rival. Um primeiro tempo bem aberto, com chances para ambos os lados, mas que não foram bem aproveitados. Foi nesse ritmo, que a partida se encaminhou para o intervalo e com o placar fechado.


As duas equipes voltaram a campo sem mudanças. O Londrina fechou seu setor defensivo com cinco jogadores na retaguarda e isso deu uma maior liberdade para que os meias tivessem mais movimentação e flutuassem entre os jogadores do Coritiba. Percebendo o crescimento do Tubarão, o técnico Argel resolveu colocar Nathan na partida. A entrada do jogador deu mais rapidez aos donos da casa. Em seu primeiro lance no jogo, Nathan recebeu cruzamento dentro da área e chutou de primeira, mandando ao lado do gol. Na sequência nova chance, dessa vez com Matheus Bueno que arriscou de fora da área, a bola passou muito perto do travessão.

Depois disso os times se revezaram na perda de gols. Primeiro o Coritiba, já que a equipe emendou uma sequência de lances de gol e desperdiçou todas. O Londrina também criou chances e muitas na bola parada, mas também não passou do quase. Em uma dessas oportunidades, Victor Carvalho apareceu no meio da área, mas na finalização furou. Na reta final, nenhuma das duas equipes soube aproveitar as chances de gols e o placar fechado persistiu no Couto Pereira.


PRÓXIMA PARTIDA: Na sequência, o Coritiba vai até Ponta Grossa enfrentar a equipe do Operário. Já o Tubarão joga no Estádio do Café, contra o Paraná Clube.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Coritiba: 1.Wilson, 2.Sávio, 3.Alan Costa, 6.Sávio (21.Geovane), 20.Fabiano, 5.Vitor Carvalho, 8.Matheus Bueno, 27.Kady (11.Nathan), 10.Giovanni (28.Luiz Henrique), 16.Iago Dias, 19.Igor Jesus. Técnico: Argel Fucks.

Londrina: 1.Alan, 2. Raí Ramos (13.Matheuzinho),  3.Marcondes, 4.Augusto, 6.Felipe Vieira, 5.Romulo, 7.Anderson Oliveira, 8.Júnior Ramos (16.Pedro Cacho), 10.Matheus Bianchi, 9.Uelber,  11.Marcelinho (18.Weverton). Técnico: Alemão.

FICHA TÉCNICA – Coritiba 0 X 0 Londrina XXXXXXXXXXXX

CA: Igor Jesus, Vitor Carvalho, Sávio (Coritiba); Augusto, Uelber. (Londrina)
ÁRBITRO: Rafael Traci.
ASSISTENTES: Leandro Polli Glugoski (1) e Remy Neves Stephan Moro (2);
LOCAL: Estádio Couto Pereira, em Curitiba.
PÚBLICO TOTAL/RENDA: 3.863/ R$95.005,00.
drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.