PROPAGANDA

Seleção "Do Rico Ao Pobre" da Divisão de Acesso da Suburbana de 2018


A Divisão de Acesso da Suburbana de 2018 terminou no primeiro dia deste mês com a final entre Vila Sandra e Vila Hauer, que o escrete alvinegro se consagrou como campeão da competição. O certame deste ano teve quase quatro meses de duração, com 19 equipes participantes e centenas de jogadores. Dentre eles, os integrantes do site Do Rico ao Pobre da cidade de Curitiba montaram o escrete com os principais jogadores da competição.

#SELEÇÃO DRAP
Por @DoRicoaoPobre

O certame iniciou em 4 de agosto e fechou em 1º de Dezembro. Ou seja, quase quatro meses de competição. Em nosso quarto ano de cobertura da Série B da Suburbana. O sistema de disputa desta temporada na competição foi com 19 clubes dividido em dois clubes, o grupo A com 10 clubes e o B com 9 representantes. Sendo assim, os clubes se enfrentaram em turno para classificar os quatro primeiros de cada grupo e seguirem nos duelos de mata-mata. Com as fases seguindo e afunilando, Vila Sandra e Vila Hauer chegaram até a final e disputaram o caneco. Nesta disputa, o alvinegro levou a melhor e garantiu o título do certame.

Devido a isso, a equipe do Vila Sandra foi quem teve o maior número de jogadores na seleção DRAP. Confiram a seleção dos melhores jogadores da Divisão de Acesso da Suburbana de 2018 criada pelo site Do Rico ao Pobre, com a formação de 4-4-2.

O time do Vila Sandra foi representando com o goleiro Pantera; os laterais Adson e Robinho, os meias Caíque e Geovane, além do atacante Maranhão, que marcou três gols no segundo jogo da final. Depois do alvinegro, quatro equipes tiveram representantes na seleção. O Vila Hauer, vice-campeão, teve dois atletas, o zagueiro Batata e o meio campista Camilo. Acompanhando o zagueiro do Vila Hauer, o destaque do São Braz, Iago. Na posição de primeiro volante, Caique. No ataque, acompanhando Maranhão, o artilheiro do campeonato, Coutinho, que marcou 13 gols.

A equipe DRAP também escolheu o zagueiro Batata do Vila Hauer como a revelação do campeonato. Já o craque do campeonato foi o meio campista da equipe do Vila Sandra, Geovane. O treinador da seleção foi Marcos Franco, Vila Sandra.


Concorda? Discorda? Trocaria alguém? Mudaria a tática? Solte a sua voz nos comentários.
drap
Tecnologia do Blogger.