PROPAGANDA

Londrina vence o Criciúma no Café e segue na cola do G4

Foto:Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube
Na noite dessa terça (06) o Londrina recebeu o Criciúma no Estádio do Café. Após um empate heroico fora de casa contra o Avaí no duelo direto, a missão era não vacilar em casa para seguir sonhando com o acesso. Logo no primeiro minuto Dagoberto abriu o placar, só que o Tigre empatou ainda na primeira etapa com Liel. Mas na segunda etapa o Tubarão voltou ligado, Felipe Marques fez duas vezes e Dagoberto fez mais um, o Criciúma ainda descontou com outro gol de Liel, mas o placar ficou em 4 a 2 para o escrete alviceleste, mantendo o LEC a três pontos de Goiás e Avaí, que abrem o G4.


#SÉRIE B
Por Gabriel Sawaf

PRÉ-JOGO: Embalado com a melhor campanha do segundo turno da Série B, o Tubarão recebeu o Criciúma com a meta de continuar na cola do G4, já que o Goiás venceu o Sampaio Corrêa na noite anterior. O escrete alviceleste vinha com duas alterações em relação ao time que empatou com o Avaí em Florianópolis. Thiago Ribeiro e Leandro Almeida estavam suspensos e deram lugar à Felipe Marques e Matheus Mancini, respectivamente. Já o Tigre precisava do triunfo para afastar de vez qualquer chance de rebaixamento. No aquecimento, o escrete carvoeiro perdeu Luiz, que sentiu o tendão de aquiles, dando lugar à Belliato.

PRIMEIRO TEMPO: O Londrina começou o jogo marcando em cima, fechando os espaços dos visitantes. Logo no primeiro minuto, Paulinho Mocelin roubou a bola de Fábio Ferreira, tabelou com Dagoberto, que finalizou a jogada balançando a rede, abrindo o placar enquanto alguns torcedores chegavam no Café. Mesmo com a vantagem no placar, o Londrina seguia ditando o ritmo do jogo, fechando os espaços e obrigando os visitantes a jogarem na base do chutão. O Tigre só conseguia levar perigo na bola parada. Só que quem assustou antes neste artificio foi o LEC, aos 21', quando Germano, após cobrança de falta, recebeu cruzamento e cabeceou por cima do gol.

Só que a estratégia funcionou com o Tigre aos 39'. Após escanteio da esquerda, Liel veio de trás, como elemento surpresa, e testou firme, a bola bateu na trave e morreu dentro do gol de Wagner. O gol dos visitantes acordou o Londrina, que estava acomodado no jogo. Dois minutos depois Higor Leite fez boa jogada pela direita da área e cruzou para Dagoberto, que tirou do goleiro e também do gol. 


Foto:Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube





















SEGUNDO TEMPO - O Londrina voltou do vestiário pressionando. Aos 3' Paulinho Mocelin fez boa jogada individual e tocou para Higor Leite, que parou em boa defesa de Belliato. O Tubarão seguiu em cima e no minuto seguinte foi a vez de Higor inverter bola na entrada da área para Felipe Marques, que não vacilou e colocou o time da casa novamente na frente. O LEC seguiu em cima, para não correr riscos igual na primeira etapa. E aos 13' o Tubarão ampliou. Paulinho Mocelin fez um lindo lançamento rasteiro para Lucas Ramon, que olhou para a área e cruzou para Felipe Marques empurrar, sem goleiro, para o gol e fazer o segundo dele no jogo.

O Tigre teve que se soltar mais para tentar diminuir o prejuízo. Aos 25' Alex Maranhão fez boa jogada individual e ajeitou para Marlon Freitas, que chutou rasteirinho para boa defesa de Wagner. Com os visitantes mais nervosos, o Tubarão se aproveitou. Aos 27' Higor Leite recuperou bola no ataque e tocou para Dagoberto, que saiu de frente com o goleiro e encobriu Belliato, marcando um golaço no Café.

O Criciúma ainda descontou aos 37', novamente na bola parada. Após cobrança de escanteio a bola sobrou para Eduardo, que cruzou na área e Liel, novamente, subiu bonito e cabeceou para o chão, a bola quicou e entrou no alto. O Tubarão respondeu no minuto seguinte, nos pés de Carlos Henrique, que fez jogada pela esquerda e chutou por cima do gol. O Tigre tentou pressionar, assustando aos 47', com Alex Maranhão arriscando de fora da área e parando em Wagner, na última chance do jogo. Com o triunfo, os donos da casa assumem a quinta colocação, ficando a três pontos de Goiás e Avaí, 3º e 4º colocados, respectivamente. 

PRÓXIMAS PARTIDAS: O Tubarão volta a campo no próximo sábado (10), quando encara o Oeste em Barueri. Só que a rodada para o Londrina começa na sexta, no duelo entre Coritiba e Goiás, na qual uma vitória do Coxa ajudaria muito o escrete alviceleste. O Tigre volta a campo na mesma data, quando encara o CRB em duelo direto para escapar do rebaixamento, no Heriberto Hulse.


OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

LONDRINA: 1- Vager; 2- Lucas Ramon, 3- Dirceu, 4- Matheus Mancini e 6- Sávio; 5- João Paulo, 8- Germano e 11- Higor Leite (20- Dudu); 7- Paulinho Mocelin, 9 - Felipe Marques (21- Patrick Vieira) e 10- Dagoberto (19- Carlos Henrique). Técnico: Roberto Fonseca.

CRICIÚMA: 12- Belliato; 19- Eduardo, 3- Sandro, 4- Fábio Ferreira e 15- Jean Mangabeira (21- Gabriel); 22- Liel, 29- Ronaldo (5- Ralph), 23- Marlon Freitas e 10- Elvis; 11- Vitor Feijão (20- Alex Maranhão) e 17- Andrew Técnico: Mazola Júnior.

FICHA TÉCNICA – LONDRINA 4 X 2 CRICIÚMA XXXXXXXXXXXX

GOLS: Dagoberto (1’ do 1°T e aos 27' do 2ºT) e Felipe Marques (4’ e aos 13' do 2°T)|Londrina| | Liel (39’ do 1°T e aos 37' do 2ºT)|Criciúma|
CARTÕES AMARELOS: Paulinho Mocelin (Londrina) Elvis, Jean Magabeira e Ronaldo (Criciúma)
ARBITRAGEM: Emerson de Almeida Ferreira
ASSISTENTES: Celso Luiz da Silva e Marcus Vinicius Gomes.
LOCAL: Estádio do Café, Londrina
PÚBLICO TOTAL: 9360 pessoas.
drap
Tecnologia do Blogger.