PROPAGANDA

Coritiba perde para o Guarani no Couto Pereira e fica mais próximo da Série B em 2019


Na noite deste sábado (3), o Coritiba perdeu para o Guarani por 2 a 0 e amargou o quarto jogo seguido sem vitória. O jogo aconteceu no Couto Pereira e foi válido pela 34° rodada da Série B. O Guarani, mesmo jogando fora de casa, dominou a partida . Os autores dos gols foram Poveda e Jefferson Nem. Com o resultado, as duas equipes seguem na mesma posição: o Guarani em 9° e o Coritiba em 10°, com mínimas chances de subir para a Série A.

#SÉRIE B
Por Lucas Ravel

PRÉ-JOGO: Duelo entre duas equipes que sonham com o acesso, embora tenham poucas chances. O Coritiba tem três desfalques importantes. O artilheiro da temporada, Guilherme Parede, está suspenso e Wilson, lesionado, não joga mais em 2018. Outro jogador que sofreu lesão e está fora da temporada é Carlos Eduardo. Pelo lado adversário, o Guarani não vence há 5 jogos. Devido a ausências, Poveda faz seu primeiro jogo como profissional.

PRIMEIRO TEMPO:  A partida teve início com o Guarani tocando melhor a bola e atacando mais. A primeira chance de perigo foi dos visitantes. Fabrício cobrou falta da intermediária, mas Rafael espalmou após o quique da bola. O Coritiba respondeu no lance seguinte, e também em bola parada. Jean Carlos cobrou falta, Vitor Carvalho desviou e Agenor se esticou para defender.

O Bugre aos poucos ia encurralando a equipe paranaense. Na primeira oportunidade, Matheus Anjos finalizou e Rafael defendeu. A bola ainda bateu na trave. Na segunda, Ricardinho arriscou de longe, ao lado do gol. O time de Campinas ainda quase marcou com Willian Oliveira, que chutou da intermediária, mas, novamente, Rafael fez boa defesa.

O domínio do alviverde de São Paulo era evidente. Em outra chance, aos 28, após escanteio, Fabrício cabeceou tirando tinta da trave. O gol do Guarani parecia questão de tempo, e aconteceu aos 31 minutos. Denner cruzou da direita, rasteiro, para Poveda se adiantar dos zagueiros e tocar para o fundo das redes.

Ainda antes de terminar o primeiro tempo, o Bugre teve a chance de ampliar o placar. Poveda apareceu na direita para bater cruzado, mas Rafael conseguiu desviar. O Coritiba respondeu na sequência. Após escanteio, Agenor falhou e Alan Costa cabeceou por cima do gol.


SEGUNDO TEMPO: A primeira grande chance do segundo tempo foi da equipe paranaense, e Alecsandro desperdiçou. O atacante recebeu lançamento, se livrou de Agenor e quando bateu para o gol, Fabrício apareceu para desviar.

O segundo gol dos visitantes aconteceu aos 19 minutos. Jefferson Nem partiu em jogada individual até sair na cara do gol de tocar na saída de Rafael. O Bugre jogava tranquilo e teve outra chance com Denner, de fora da área, mas a bola saiu acima do gol.

Com o 2 a 0, o Guarani passou a controlar o jogo com tranquilidade, tocando mais a bola e evitando exposições. Conforme o jogo foi chegando ao final, a torcida do Coritiba ia protestando cada vez mais. Esta foi a primeira derrota de Argel Fucks no comando da equipe, mas é o 4° jogo sem vitória do alviverde paranaense.


PRÓXIMAS PARTIDAS: O Coritiba enfrentará o São Bento, em Sorocaba, na próxima terça (6). Já o Guarani vai para Florianópolis para jogar contra o Figueirense, no mesmo dia.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

CORITIBA: 1- Rafael Martins; 46- Abner; 90- Alan Costa; 41- Rafael Lima; 28- Leandro Silva; 5- Vitor Carvalho; 72- Simião (88- Vinícius Kiss); 21- Jean Carlos (20-Alisson Farias); 70- Yan Sasse (23- Chiquinho); 9- Alecsandro; 11- Guilherme; Técnico: Argel Fucks

GUARANI: 1- Agenor; 2- Kevin; 3- Philipe Maia; 4- Fabrício; 6- Romário; 5- Willian Oliveira; 7- Ricardinho; 8- Denner (15- Fabrício Bigode); 10- Matheus Anjos (19- Longuine); 11- Jefferson Nem; 9 Poveda (20- Caíque); Técnico: Umberto Louser

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 0 X 2 GUARANI XXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


GOLS: Poveda (31’ do 1°T), Jefferson Nem (19’ do 2°T)|Guarani|
CARTÕES AMARELOS: Rafael Lima e Vitor Carvalho (Coritiba) Matheus Anjos e Fabrício (Guarani)
CARTÃO VERMELHO: Guilherme (Coritiba)
PÚBLICO TOTAL: 2723 pessoas.
RENDA: R$ 42.176,00

ARBITRAGEM: Gilberto Rodrigues Castro Júnior
ASSISTENTES: Francisco Chaves Bezerra e Bruno César Chaves

LOCAL: Estádio Major Antônio Couto Pereira, Curitiba
drap
Tecnologia do Blogger.