PROPAGANDA

Vila Sandra supera inferioridade numérica e vence Desportivo Paranaense


Vila Sandra e Desportivo Paranaense se enfrentaram neste sábado (1) no estádio Octavio Silvio Nicco pela quinta rodada da Divisão de Acesso da Suburbana. Em um confronto direto pela liderança do grupo A, o Alvinegro soube lidar com a expulsão de Djonatan no final do primeiro tempo e construiu o placar de 2 a 0.

#SUBURBANA 2018

PRÉ-JOGO: O confronto era chave para a sequência das equipes no grupo A. O Vila ocupava a liderança com 10 pontos, enquanto que o Desportivo ocupava a segunda colocação, dois pontos atrás do Alvinegro. As duas equipes dividiam com o São Braz o posto de defesa menos vazada do certame.

PRIMEIRO TEMPO: O jogo começou com a equipe visitante mais perigosa no campo de ataque, com o meia Caíque lançando para a velocidade de Maranhão e Djonatan. Os pontas davam trabalho a defesa rival e municiavam o centroavante Adriano. Foi do camisa 9 a primeira chance da partida, logo no primeiro minuto, quando ele aproveitou bola rebatida dentro da área e arriscou para defesa de Fabio. Os mandantes responderam com Giovanni, que no minuto seguinte recebeu lançamento e bateu na rede pelo lado de fora.

Adriano teve mais uma oportunidade aos 18’, quando Geovane costurou a defesa rival e colocou no meio da área, mas o atacante cabeceou para fora. A pontaria não estava afiada, mas aos 23’ Maranhão foi derrubado na área. Dessa vez, Adriano aproveitou o pênalti para abrir o placar no Mossunguê. O gol fez com que o time alvinegro diminuísse o volume de jogo, pecando no último passe e tendo um número menor de arremates – tanto que o Vila só criou perigo novamente aos 39’, quando Caíque bateu de fora e a bola foi pela linha de fundo. O jogo seguia em um ritmo tranquilo, até que nos acréscimos da etapa inicial o clima esquentou.

Djonatan foi lançado e dividiu um lance com o goleiro Fábio. Todos os atletas visitantes pediram pênalti, mas o árbitro interpretou como simulação e deu cartão amarelo, o segundo do atacante. A expulsão deixou o atleta enfurecido e trazia a expectativa de uma segunda etapa de pressão por parte do Desportivo.


SEGUNDO TEMPO: Não foi o que se viu na volta do intervalo. O Vila continuou com uma postura ofensiva, principalmente pela esquerda com Maranhão. O time da casa tentava envolver o adversário, mas apresentou algumas dificuldades na criação das jogadas. Na base da velocidade, o Alvinegro criou três chances entre os 12’ e os 24 minutos. A mais perigosa veio em uma roubada de bola de Caíque, que arrancou e rolou para Adriano; sem marcação, o centroavante tocou pela linha de fundo, perdendo um gol inacreditável.

Precisando da vitória, o Desportivo mexeu nas quatro peças do meio pra frente, mas só conseguiu ameaçar o Vila aos 37’: Luiz Gustavo cruzou da esquerda e Augusto obrigou Ari a fazer grande defesa. Outra oportunidade apareceu aos 40’, quando Pedro Henrique cobrou falta frontal e a bola triscou o travessão. Quando parecia que o time da casa partiria para o abafa, o Vila Sandra foi cirúrgico: aos 45’, Maranhão arrancou pela esquerda e rolou para a entrada da área, onde Marcos Paulo colocou no canto esquerdo para ampliar o marcador.

No último lance da partida, os mandantes tiveram a chance de diminuir em uma penalidade, mas Dudu parou no goleiro Ari. Fim de jogo no Octavio Silvio Nicco, Desportivo Paranaense 0 x 2 Vila Sandra.


PRÓXIMA RODADA: Com a invencibilidade mantida e tendo três pontos de vantagem para o segundo colocado, o Vila Sandra vai ao Xaxim no próximo dia 15 enfrentar o Olímpico. Já o Desportivo saiu da zona de classificação, caindo para o quinto lugar, e irá ao Parque Linear enfrentar o Sergipe.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

DESPORTIVO PARANAENSE: 1 Fabio; 2 Cleverson, 3 Eduardo, 4 Vinicius e 6 Luiz Gustavo; 5 Briski, 7 Dudu, 8 Matheus (13 Augusto) e 10 Rafael (16 Pedro Henrique); 9 Giovanni (17 Thomaz) e 15 Evandro (11 Rodolfo). Técnico: Marcos Donatti.

VILA SANDRA: 1 Ari; 2 Robinho, 3 Nathan, 4 Vinicius e 6 Adson; 5  Guilherme, 8 Geovane (17 Marcos Paulo) e 10 Caíque (19 Mineiro); 7 Maranhão, 11 Djonatan e 9 Adriano (18 Bambu). Técnico: Marcos Franco.

FICHA TÉCNICA: DESPORTIVO 0 X 2 VILA SANDRA XXXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Adriano aos 23’ do 1ºT e Marcos Paulo aos 45’ do 2°T (Vila Sandra).
CA: Djonatan (2x) e Geovane (Vila Sandra); Pedro Henrique (Desportivo).
CV: Djonatan (Vila Sandra).
ÁRBITRO: Murilo Ugolini Klein
ASSISTENTES: Tom Gomes Rocha (1) e Diogo Ferreira de Abreu (2).
LOCAL: Estádio Octavio Silvio Nicco, em Curitiba.

REPORTAGEM DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

drap
Tecnologia do Blogger.