PROPAGANDA

[SUB 19] Londrina melhora no segundo tempo, vence o Batel e garante classificação


No Estádio Waldomiro Gelinski, em Guarapuava, Batel e Londrina se enfrentaram na tarde desta sexta-feira (07) com objetivos distintos, em duelo válido pela penúltima rodada da segunda fase do Campeonato Paranaense Sub19 de 2018. O time da casa, já eliminado, jogou para cumprir tabela contra o líder da chave, o Londrina, que quis garantir a classificação antecipada para a próxima fase. O objetivo dos visitantes foi alcançado: ao marcar dois gols no segundo tempo. Desde então, o Londrina não encontrou muitas dificuldades em Guarapuava e manteve o placar em 2 a 0. Com este triunfo, o escrete do Londrina mostrou que é um dos candidatos ao título da competição.


#SUB19
Por Leon Nascimento Gomes

PRÉ-JOGO: Apesar de ambas as equipes chegarem a este confronto com derrotas, Batel e Londrina vivem momentos opostos no Campeonato Paranaense Sub 19. Enquanto o time da casa perdeu as quatro partidas deste segundo turno, amargando a lanterna do grupo E, o Londrina, que perdeu sua primeira partida nessa fase no sábado passado para o Atlético Paranaense, é o líder da chave e busca mais uma vitória para carimbar a primeira posição do grupo.

O EMBATE – A partida começou com o Londrina tentando tomar a iniciativa, principalmente com Pedro Augusto e Anderson. O Batel marcou forte e não deu espaços para o time visitante. Muitas faltas no setor do meio de campo dificultaram o andamento da partida. Em uma cobrança de falta pelo lado direito, Pedro Henrique por pouco não abriu o placar para o escrete do Londrina ao cabecear para fora. Juan, em finalização de fora da área, obrigou Zidany a fazer defesa tranquila. O Batel teve uma boa chance com Vitor, mas o lateral esquerdo chutou fraco. Já no final da primeira etapa, Pedro Augusto arriscou chute bonito de fora da área e por pouco não marcou um golaço. O escrete visitante ainda reclamou de um suposto pênalti, mas o árbitro nada assinalou.


No segundo tempo, a equipe visitante voltou mais atenta e ofensiva do que na primeira etapa. Anderson e Pedro levavam perigo à defesa do Batel e Matheus apareceu sempre como um elemento surpresa na área, quase marcando em duas oportunidades. O Batel já não conseguiu mais oferecer perigo nem nos contra-ataques e foi castigado já na metade da etapa final. Aos 21 minutos, Anderson subiu sozinho após a zaga do Batel bater cabeça e abriu o placar para o escrete do Londrina. Logo em seguida, o zagueiro Pedro Henrique completou cruzamento de falta pela esquerda e ampliou a vantagem para os visitantes, aos 25 minutos.

Já no final da partida, o lateral do Londrina Alysson Hobert foi expulso e deixou o líder da chave com um jogador a menos, mas o tempo foi curto e o escrete do Batel não foi capaz de uma reação, chegando a mais uma derrota nesse segundo turno.

PRÓXIMAS PARTIDAS: Na próxima rodada, o Batel recebe o escrete do Atlético Paranaense no Waldomiro Gelinski, em Guarapuava, no dia 15 (sábado). Já o Londrina recebe a visita do Apucarana no mesmo dia e horário, ambos os duelos serão às 15h.


BATEL: Começou o jogo bem postado em campo e não deu muitas chances ao Londrina na primeira etapa. O sistema defensivo do escrete guarapuavano foi bem até mesmo depois de levar os dois gols, mas o meio de campo e o ataque deixaram a desejar, sendo facilmente anulados pela marcação do Londrina.

FIQUE DE OLHO – JEFFERSON SOUZA: Fez uma boa partida, ganhando quase todas as disputas de bola do bom ataque do Londrina. Falhou, assim como toda a defesa do time da casa, no primeiro gol do jogo, mas mesmo após o revés no placar por dois gols manteve o bom rendimento.

LONDRINA: É um dos melhores, senão o melhor time da competição. Possuí bons jogadores em todos os setores e hoje manteve o controle da partida durante todo o tempo. Não sofreu riscos e foi coroado no segundo tempo, quando voltou melhor do que na primeira etapa e conseguiu marcar dois gols em sequência, matando o confronto e garantindo a classificação para a próxima fase.

FIQUE DE OLHO – ANDERSON: Deu trabalho a partida inteira para a defesa do Batel, principalmente pelo lado esquerdo, no segundo tempo, quando trocou de lado com Pedro Augusto. Foi premiado com um gol e continuou criando boas oportunidades para a equipe, apesar da forte marcação do Batel.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

BATEL: 1-Zidany; 3-Eduardo Cenci (2-Henrique Raez), 4-Jefferson Souza, 6-Vitor, 13-Juliano; 18-João Murilo, 15-Moises (8-Erick), 7-Eduardo Patrick (20-Thiago), 23-Lucas Souza; 10-Rhuan (5-Daniel), 9-Lucas Lopes (16-Ilan). Técnico: Gleycon Rodrigo.

LONDRINA: 1-Irineu; 2-Alysson Hobert, 3-Jose Pedro, 4-Pedro Henrique (13-Cristian), 6-Felipe Vieira;   5-Luiz Henrique (Alysson Barros), 8-Matheus (17-Jefferson Teles), 7-Victor (15-Danilo), 10-Pedro Augusto (16-Lucas Queiroz); 9-Juan (18-Marcelo), 11-Anderson. Técnico: Cidimar Aparecido

FICHA TÉCNICA – BATEL 0 X 2 LONDRINA XXXXXXXXXXXXX

GOLS: Anderson (22´ do 2ºT) e Pedro Henrique (25´ do 2ºT) [Londrina]
CARTÕES AMARELOS: Luiz Henrique e Lucas Queiroz (Londrina)
CARTÕES VERMELHOS: Alysson Hobert (Londrina)
ARBITRAGEM: Marcos Vinícius Soares Martins
ASSISTENTES: Zacarias Chumlhak e Gabriel Witonski Jaskulski.
LOCAL: Estádio Waldomiro Gelinski, Guarapuava.
drap
Tecnologia do Blogger.