PROPAGANDA

Operário empata com o Bragantino e decide vaga para a final em casa

Foto: Rafael Moreira/C.A Bragantino
Operário Ferroviário e Bragantino se enfrentaram na tarde deste sábado (1), em duelo válido pelo jogo de ida da semifinal do Campeonato Brasileiro da Série C de 2018, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. A partida terminou empatada em 0 a 0 e deixou em aberto a vaga para a decisão da Série C. A partida de volta acontece no próximo domingo (9), no Germano Krüger.


#SÉRIE C
Por Mariana Santos

PRÉ-JOGO: Após o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro, as equipes agora chegaram nesta fase com a busca do título da Série C. Nas quartas de final, o Operário perdeu o jogo de ida por 1 a 0, mas na volta venceu o Santa Cruz por 3 a 0. Já o Bragantino enfrentou o Náutico-PE, venceu o primeiro jogo por 3 a 1 e depois empatou em 1 a 1. Para este confronto, o Fantasma tem a volta de Bruno Batata, que cumpriu suspensão na última partida. O volante Índio ainda permanece no departamento médico. O Bragantino tem o desfalque de Vitinho, que sentiu um problema físico e dá lugar a Danilo Bueno.
       
PRIMEIRO TEMPO: Os primeiros minutos da partida foram de toques de bola no meio campo e forte marcação das equipes, ocasionando muitas faltas. Logo aos 4’, o Operário teve a primeira chance com Lucas Batatinha, que recebeu fora da área e chutou, mas bola saiu com desvio para escanteio. O Bragantino começou a ter mais chances no ataque e aos poucos, tentou chegar com precisão à meta do Fantasma. Aos 11’, após cobrança de falta, Marquinhos cabeceou e Simão fez a defesa. No rebote, a bola sobrou para Matheus Peixoto, que chutou para fora.

Com maior movimentação no ataque, a equipe de Bragança Paulista passou a oferecer mais perigo e aos 22’, Matheus Peixoto bateu forte para boa defesa de Simão. As descidas ao ataque do time da casa proporcionou o contra-ataque ao Operário, mas que com muitos erros de passe, não aproveitou as oportunidades. O Bragantino apostou nas bolas paradas para chegar à área adversária e aos 33’, após cruzamento, Lázaro cabeceou e bola passou perto do gol de Simão.

O Operário teve dificuldades em sair jogando e rifou as bolas para o ataque, facilitando a marcação adversária. Os donos da casa aproveitaram os erros do adversário e seguiaram pressionando. Aos 47’, Fabiano fez boa jogada dentro da área, mas os companheiros não seguiram no lance e bola saiu para linha de fundo. Sem mais oportunidades para as equipes, primeira etapa terminou sem alterações no placar. 

Foto: Rafael Moreira/C.A Bragantino
SEGUNDO TEMPO: A etapa complementar iniciou com maior movimentação da equipe do Bragantino, que como no primeiro tempo, seguiu no campo de ataque do Operário. Aos 3’, após bom cruzamento na área, Fabiano não alcançou e bola foi para a linha de fundo, grande chance no para os donos da casa. Em disputa de bola no meio de campo, Chicão fez falta em Marquinhos e recebeu o segundo cartão amarelo, deixando o Operário com um jogador a menos para o restante da partida.

Com vantagem numérica, o Bragantino tentou encontrar espaços no meio de campo, mas parou na forte marcação do Operário. Mesmo com um jogador a menos, o Fantasma não deixou de procurar o ataque e aos 17’, em uma das primeiras chances de perigo na segunda etapa, Quirino fez boa jogada e cruzou na área, mas Magno antecipou com precisão e impediu a chegada de Robinho. O Bragantino partiu para o campo de ataque para resolver a partida, mas acabou sendo antecipado pela defesa do Fantasma.

Ao final do confronto, as duas equipes passaram a pressionar mais para tentar o gol que daria a vantagem para partida de volta. Aos 49’ Dione recebeu na área e bateu por cima do gol, perdendo a grande chance do Fantasma na segunda etapa. Logo após o lance de perigo, os donos da casa responderam com Adenilson, que chutou de fora da área para a defesa de Simão. Com igualdade no placar, a vaga na decisão ficou agora para a partida de volta, na casa do Operário.

PRÓXIMA PARTIDA: Operário e Bragantino voltam a se enfrentar pela semifinal do Campeonato Brasileiro da Série C. A partida de volta acontece domingo (9), no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

BRAGANTINO: 1-Alex, 2-Buiu, 3-Lazaro, 4-Junior Goiano, 5-Adenilson, 6-Fabiano (17-Léo Jaime), 7-Magno, 8- Rafael Chorão, 9-Matheus Peixoto (19-Gustavo Vintecinco), 11-Marquinhos, 18-Danilo Bueno (22-Fernandinho). Téc: Marcelo Veiga

OPERÁRIO: 1-Simão, 2-Léo, 3-Alisson, 4-Sosa, 5-Chicão, 6-Peixoto, 7- Lucas Batatinha (19-Quirino), 8-Erick, 9-Bruno Batata (15-Serginho Paulista), 10-Robinho, 11-Cleyton (20-Dione). Téc: Gérson Gusmão 

FICHA TÉCNICA – BRAGANTINO 0 X 0 OPERÁRIO XXXXXXXXX

CA: Chicão, Sosa, Alisson (OFEC); Gustavo Vintecinco (BRA)
CV: Chicão (OFEC)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (1), Ricardo Junio de Souza (2)
Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.
drap
Tecnologia do Blogger.