PROPAGANDA

Julio Cesar, o destaque da partida entre Shabureya e São Braz


No último sábado (15), Shabureya e São Braz jogaram no Estádio José Germano da Costa, em confronto válido pela sexta rodada da Divisão de Acesso da Suburbana do grupo A de 2018. Mesmo com uma forte chuva na região sul de Curitiba, o tricolor da zona oeste entrou ligado e já no primeiro ataque marcou o gol. Trunfo que deu tranquilidade para jogar, mesmo com a situação do gramado encharcado e cheio de poças, e ampliar o placar em 3 a 0, minutos depois. Destaque para o camisa 9 da equipe do São Braz, que marcou três gols na partida. Confira a sexagésima primeira figurinha do álbum DRAP 2018.

#FIGURINHA DO JOGO
Por @rafaelbuiar

A equipe do São Braz venceu na última rodada o escrete do Urano e apimentou a briga diante o Vila Sandra e Bangú, que estão na frente na tábua de classificação. Por isso, o time comandado por Romildo Carignato (São Braz), entrou ligado desde o primeiro minuto de jogo. Não deu outra, em jogada iniciada já no ponta pé inicial do embate, Cristiano Castelli desceu pelo meio e distribuiu para o lateral Alan, que cruzou na medida para Julio Cesar testar e abrir o placar com 23’’ da etapa inicial.

Pronto, com vantagem no placar, a equipe do São Braz se organizou ainda mais no meio de campo. Ou seja, ficou leve, mesmo de baixo de muita chuva no Estádio José Germano da Costa. Por isso, não demorou para que acontecesse o segundo gol a favor da equipe visitante. Novamente ele, em jogada pelo meio de campo, Julio Cesar recebeu e ficou de frente com o arqueiro Dida. O camisa 9 do São Braz tentou driblar o arqueiro e foi parado com falta dentro da área. O árbitro Julio Cesar Tessaro assinalou pênalti e o mesmo Julio Cesar cobrou e converteu, ampliando para 2 a 0 o placar.

Com o placar favorável, o time da casa tirou o pé, pois a chuva apertou e passou a cair mais forte. Fato que dificultou a prática do futebol e com isso, várias faltas, para ambos os lados, aconteceram. Mas, mesmo assim, a equipe visitante conseguiu ampliar o placar. Sim, novamente ele, o camisa 9 da equipe do São Braz. Em jogada trabalhada pelo flanco esquerdo, o goleiro Dida defendeu parcialmente e no rebote o camisa 9 do São Braz em ótima posição aproveitou e colocou a bola para dentro do gol, aos 39’ da etapa inicial. No apagar das luzes da primeira etapa, o escrete do Shabureya diminuiu o placar com o gol de pênalti de Vinicius.

No retorno à etapa complementar, a equipe do São Braz entrou com um ritmo forte e já no primeiro ataque na meta de Dida ampliou o placar. Davi cobrou falta próximo a intermediária e no meio do caminho Iago desviou à meta e marcou o quarto do São Braz. Não deu outra, o gol esfriou a partida, que com o placar de 4 a 1, ficou mais presa no meio de campo e com muitas faltas. O que gerou várias confusões e empurra/empurra das duas equipes. O camisa 9 saiu na metade do segundo tempo devido ao desgaste físico na partida. Mas o ritmo caiu para ambas as equipes e pouco aconteceu após a saída do artilheiro. No último lance do jogo, Lucas Pereira aproveitou o rebote do goleiro Gilberto e diminuiu o placar e dando números finais ao embate.

Devido a isso, sendo o autor de três gols na partida e também ajudando a equipe no setor defensivo, pois marcou no campo de ataque, Julio Cesar foi o destaque no confronto entre Shabureya e São Braz. Dessa forma, o camisa 9 do tricolor da zona oeste é a sexagésima primeira figurinha do álbum DRAP de 2018.
drap
Tecnologia do Blogger.