PROPAGANDA

Em jogo disputado, Paraná Clube arranca empate com o Botafogo no último minuto


Paraná Clube e Botafogo-RJ se enfrentaram na manhã deste domingo (12) em duelo válido pela 18a rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. O confronto realizado na Vila Capanema terminou em empate por 1 a 1. Com o resultado, o Tricolor segue na última colocação do certame e perde a oportunidade de se aproximar das outras equipes que lutam contra o rebaixamento. Já o Botafogo permanece no meio da tabela e desperdiça a chance de conquistar três pontos importantes fora de casa.

#SÉRIE A
@allyson_mcs

PRÉ-JOGO: O Paraná Clube entra em campo neste domingo com o único objetivo de conquistar os três pontos diante da sua torcida para tentar a reabilitação no Campeonato Brasileiro. A equipe paranista vem de derrota por 1 a 0 em casa contra o Ceará, adversário direto na luta contra o descenso e espera recuperar os pontos perdidos contra o Botafogo. O técnico Rogério Micale promoveu algumas alterações na equipe titular para esta rodada. O zagueiro Cléber Reis entra na vaga de Rayan, Alex Santana assume a titularidade no meio-campo, juntamente com Maicosuel e o atacante Carlos forma o trio de ataque com Rafael Grampola e Silvinho. Já o Botafogo vive a expectativa para a estreia do técnico Zé Ricardo. O alvinegro carioca vem de empate em 0 a 0 contra o Santos no Rio de Janeiro e espera surpreender o Paraná Clube para sair com os três pontos e subir na tábua de classificação

PRIMEIRO TEMPO: O Paraná Clube começou pressionando a saída de bola da equipe carioca. Logo no primeiro minuto de jogo, Carlos aciona Alex Santana na faixa central do campo. O camisa 8 arrisca finalização de muito longe e a bola vai para a linha de fundo, sem perigo nenhum para a meta alvinegra. O tricolor paranaense toma conta das ações no início da primeira etapa e troca passes no meio-campo para tentar envolver a marcação botafoguense. Mesmo sem deter a posse de bola, os visitantes levam perigo em jogadas de velocidade pelas laterais do gramado. Marcinho recebe livre pelo setor direito e consegue bom cruzamento na direção de Aguirre. O centroavante finaliza de dentro da pequena área, mas a bola vai por cima do gol e assusta o goleiro Richard.

O Paraná Clube encontra dificuldades na criação de jogadas por conta da bem postada defesa do Botafogo. Os visitantes levam perigo mais uma vez aos 13’. Aguirre consegue bom lançamento em profundidade para Leo Valencia, que recebe com liberdade na grande área. O meia alvinegro dribla o arqueiro paranista, mas fica sem ângulo para finalizar. A bola balança as redes pelo lado de fora.

Os donos da casa tentam explorar mais os flancos da defesa adversária, mas não conseguem concluir à gol. A resposta da equipe carioca veio com Matheus Fernandes, que finaliza com perigo da entrada da área após receber passe de cabeça de Joel Carli. O goleiro Richard realiza grande defesa. Já na reta final da primeira etapa, o zagueiro Cléber Reis, do Paraná, e o volante Matheus Fernandes, do Botafogo, recebem o cartão vermelho durante uma confusão ocasionada por uma dividida mais forte no meio campo. Os últimos minutos do primeiro tempo são marcados pela forte intensidade das duas equipes, que tentam abrir o placar antes do intervalo. O Paraná teve mais posse de bola até o momento, mas não conseguiu levar perigo ao gol defendido por Saulo. Apostando nos contra-ataques, o Botafogo foi mais efetivo e deu trabalho aos defensores do tricolor.


SEGUNDO TEMPO: O escrete carioca inicia a segunda etapa mais ofensivo e pressiona os donos da casa. Aguirre faz levantamento na grande área e encontra Luiz Fernando na pequena área. O atleta alvinegro finaliza mal e a bola vai para a linha de fundo. A reação do Paraná Clube veio nos pés de Silvinho, que recebe bom passe de Carlos e finaliza com liberdade. A bola passa longe do gol e não leva perigo ao goleiro Saulo. A equipe da casa adianta seus jogadores e volta a ter o controle do embate. Aos 19’, Torito cobra falta na direção da grande área e Saulo sai bem do gol para abafar o ataque tricolor. O Botafogo avança em contra-ataque com Rodrigo Lindoso, o meio-campista faz lançamento em velocidade para Luiz Fernando. O camisa 11 do alvinegro é derrubado na grande área por Renê e o árbitro marca pênalti. Lindoso é quem vai para a marca da cal. Em cobrança firme canto direito, os cariocas abrem o placar na Vila Capanema.

O tricolor paranaense sofre com a falta de poder ofensivo e objetividade durante a partida e dá espaços para o Botafogo avançar pelas laterais. Após o gol, o Paraná Clube pressiona os visitantes, que posicionam todos os seus jogadores no campo defensivo. Marcelo Baez arrisca finalização de longe, mas pega mal na bola. A finalização vai direto pela linha de fundo. A pressão dos donos é recompensada no último minuto da partida. Alex Santana deixa tudo igual na Vila Capanema após chute de muito longe, a bola desvia da defesa alvinegra e morre no fundo das redes do goleiro Saulo. Após uma partida muito disputada, o Paraná arranca um empate valioso dentro de casa frente a um Botafogo que deixa escapar três pontos importantes longe de seus domínios.

       
PRÓXIMO JOGO: O Paraná Clube agora viaja para Porto Alegre, onde enfrentará o Internacional no próximo domingo (19). Já o Botafogo-RJ recebe o Nacional do Paraguai na próxima quinta-feira (16), em duelo válido pela 2a fase da Copa Sul-Americana. O próximo compromisso do Botafogo pelo Campeonato Brasileiro é contra o Atlético-MG, também no próximo domingo (19), no Estádio Engenhão.

OS ESCRETES xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Paraná Clube: 1-Richard, 2-Junior, 3- Cléber Reis, 4-Renê Santos, 5-Torito González, 6-Igor, 7-Carlos, 8-Alex Santana, 9-Rafael Grampola (16-Marcelo Baez), 10-Maicosuel (21-Rodolfo), 11-Silvinho (20-Caio Henrique). Tec: Rogério Micale

Botafogo: 1-Saulo, 2-Igor Rabelo, 3-Joel Carli, 4-Marcinho, 5-Rodrigo Lindoso, 6-Moisés, 7-Rodrigo Pimpão (19-João Pedro), 8-Matheus Fernandes, 9-Aguirre, 10-Leo Valencia (17-Renatinho), 11-Luiz Fernando (16-Jean). Tec: Zé Ricardo

FICHA TÉCNICA – PARANÁ X BOTAFOGO-RJ xxxxxxxxxxxxxx

Gols: Rodrigo Lindoso (BOT) e Alex Santana (PAR)
CA: Renê, Alex Santana (PAR) Marcinho, Jean, Renatinho e Rodrigo Pimpão (BOT)
CV: Cleber Reis (PAR) Matheus Fernandes (Botafogo)
Árbitro: Rafael Claus
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (1) e Rogério Pablos Zanardo (2)
Local: Estádio Durival de Britto e Silva em Curitiba
Público: 5443 Renda: 95680 reais.
drap
Tecnologia do Blogger.