PROPAGANDA

Clubes aniversariantes do mês de Agosto


Três clubes do amador da capital paranaense fazem aniversário em Agosto. A Sociedade Educativa Tanguá, um clube amador de tradição em Curitiba, completará 75 anos de história. O Clube Atlético Nacional estará completando 59 anos de história  e o Urano irá  chegar ao seu 50º ano de existência. Confira um breve relato histórico dos três clubes.


#ESPECIAL
Por Evandro Tosin 

Clube Atlético Nacional - Data de aniversário: 15/08/1959

Em seu uniforme estão presentes: o azul e branco. O clube que nasceu no bairro do Boqueirão e manda seus jogos no Estádio XV de Agosto. Uma coincidência? É claro que não. Essa é justamente a data de fundação do Nacional. Atualmente, o clube está na Divisão de Acesso da Suburbana. Heitor Pereira foi atleta e o primeiro presidente da equipe do bairro Boqueirão. A primeira competição do time alvianil foi em 1962. Em seguida, Agripino Teodoro de Souza esteve à frente do clube e ficou até o ano de 1968. Após isso, José Francisco Cúnico Bach, assumiu o comando da equipe e ainda é o atual presidente do Nacional.


Aramis Montecarmelo, hoje tem 65 anos e sua história se uniu ao Nacional. Quando tinha apenas 15 anos começou a jogar no escrete do bairro do Boqueirão, em 1968, na posição de meio-campo e volante. Um ano depois saiu do Nacional para o profissional. Jogou em clubes como Ferroviário e o Colorado. Ao retornar para o Nacional em 1975, Aramis participou de uma equipe que ele chama de “seleção de craques”. Nesse ano, o Nacional conquistou a Taça Cidade de Curitiba de Amadores e teve jogadores como: Zezo, Caito, Marcos Lima, Monte, Marinho, Carlinhos, Euclides, Walter, Mire e Cúnico Bach (presidente e goleiro). “Só tinha craques, nos jogávamos por música”, disse o ex-jogador.

Completando, Aramis se diz satisfeito em ter feito parte deste clube. “Eu só tenho a agradecer, pois fiz amizades e sempre vou ao clube. A minha história eu devo ao Nacional”, disse o ex-jogador. Por isso, hoje, Aramis é considerado como um dos ídolos pelos jovens jogadores. Devido a isso, o ex-meia/volante sempre está ajudando nas peneiras com seus conselhos para os mais novos e ele não para, pois ainda disputa partidas pela categoria do sessentinha. A história de Aramis é muito semelhante com uma jovem promessa do Nacional. Lucas Passos, 16 anos, que foi capitão, vice-campeão pela equipe juvenil em 2017. “Os treinos são diferenciados, a estrutura é fantástica, tenho orgulho de vestir essa camisa”, disse.  


Sociedade Educativa Tanguá - Data de Aniversário 08/08/1943

De geração em geração, de pai para filho. Mário Grzybowski, mais conhecido como Marinho é o atual presidente do Tanguá. O clube é muito familiar, com raízes que entrelaçam o passado e o futuro. Por isso, hoje a família Grzybowski, administra o clube. A tradição e a história estão no bairro do Tanguá, que fica localizado na divisa com as cidades de Curitiba e Almirante Tamandaré. Com cores vermelha e preta, o escrete do Tanguá disputou seu primeiro campeonato em 1971. Francisco Thiago da Costa, que também originou o nome do estádio, criou o time junto com familiares das famílias: Dreczki, Wolf, Krause, Wotche, Zgoda, Grzybowski e Nascimento e outras. “É gratificante, um time com raízes, levado de geração em geração com muito amor à camisa”, comenta Maurício, o filho do presidente.


Atualmente na série B da suburbana, o rubro-negro tem três estrelas em seu escudo, pois foi campeão três vezes da Divisão de Acesso da Suburbana. Além do tricampeonato da Folha de Tamandaré. “O título de 1992 é maior devido a emoção”, explicou Mauricio. Antonio Marcos, atual treinador do Tanguá, afirma que é uma satisfação enorme participar na história deste clube. “Esses 75 anos é de orgulho, um clube que se mantêm em atividade por esse tempo”, finaliza o treinador.  

No ano passado a equipe até passou de fase de grupos, mas acabou eliminada no mata-mata perdendo os dois jogos. O atual técnico acredita muito no potencial técnico de seus jogadores e espera retornar à série A do amador no ano que vem. “Nosso objetivo é subir e ser campeão, não tem outro pensamento. Primeiro é passar na fase de grupos que tem 10 equipes muito qualificadas”, disse o treinador.

Associação Clube Esportivo Urano - Data de Aniversário -  20/08/1968

O clube da Vila São Pedro, na zona sul de Curitiba,  já teve seus anos glórias e hoje tenta voltar para a primeira divisão do amador. Longe, do potencial financeiro de equipes como Trieste, Iguaçu e Santa Quitéria, a equipe quer estar na elite, novamente. Suas conquistas na elite do amador de Curitiba foram em 2001, 2008 e 2009. A sua casa no bairro Xaxim é o Estádio Manoel Garcia de Andrade, o Manecão. Nome de um dos presidentes do clube azul e branco.


Atualmente escrete é presidido por Cristiano Bassoli que também é treinador da equipe. O técnico tem realizado excelente trabalho nas categorias de base e é a principal aposta da equipe do Xaxim. Saiba mais em: Bassoli: O jovem treinador que é destaque nas categorias de base do futebol amador de Curitiba.
drap
Tecnologia do Blogger.