PROPAGANDA

[SUB 19] Coritiba conta com estrela de Igor, vence Paraná e ultrapassa o rival na tabela


Paraná e Coritiba se enfrentaram neste sábado (21) na Vila Olímpica pela quinta rodada do returno da primeira fase do Paranaense Sub 19. Mesmo usando um time alternativo por conta da sequência de jogos, o Alviverde venceu com gol solitário de Igor na etapa final.

#PARANAENSE SUB 19

PRÉ-JOGO: As duas equipes chegaram para a partida em situação confortável, com o Paraná na vice-liderança do grupo C e o Coritiba na terceira posição, mas com dois jogos a menos em relação ao rival. A distância entre as duas equipes era de dois pontos na tabela (21 a 19).

EMBATE: O primeiro tempo foi marcado pelo excesso de faltas e a dificuldade dos ataques em acertar a meta adversária. O time da casa tinha mais presença no campo ofensivo, principalmente pela direita com a dupla Kennidy-Carioca. Já o time visitante usava as costas do lateral paranista para avançar pela esquerda, apostando na qualidade de Igor.

O camisa 11 criou as duas chances alviverdes nos 45’ iniciais: aos 11’ o goleiro Gui tocou em seus pés, mas o chute saiu por cima, e aos 13’ a bola foi pela linha de fundo em cobrança de falta. O Paraná respondeu aos 7’, em falta cobrada por Warley que passou próxima ao gol de Marco Antonio, e aos 17’, quando Kennidy tabelou com Carioca e chutou para defesa do goleiro.


Na segunda etapa o Tricolor voltou mais em cima da zaga adversária, mas esbarrava no nervosismo – principalmente na hora de arrematar. O Alviverde esperava vacilos paranistas para acelerar o jogo. Foi em uma dessas situações que Igor sofreu falta pela esquerda, aos 23’. Ele mesmo foi pra bola e bateu com maestria no canto esquerdo, abrindo o placar no Boqueirão.

Dali pra frente, com a inversão de Carioca, o Paraná insistiu em jogadas pela esquerda, mas seguiu nervoso e não conseguiu assustar Marco Antonio. A prova desse desequilíbrio foi vista no final, aos 49’, quando Carioca simulou um pênalti e levou o segundo amarelo. Nem deu tempo de sentir como o time da casa se portaria com dez em campo, já que aos 51’ o árbitro decretou o fim da partida.


PARANÁ: Um time que sabe aliar velocidade e força física, mas que nessa partida não conseguiu lidar com o gol sofrido. Precisa melhorar o psicológico para a próxima fase, ter mais calma para tomar as decisões certas em passes e/ou chutes.


FIQUE DE OLHO: Kennidy. O lateral direito mostrou muita habilidade e na primeira etapa apareceu por diversas vezes na linha de fundo para cruzar e tentar arremates. Com a inversão de Carioca no segundo tempo perdeu o companheiro de tabelas, mas mostrou potencial neste sábado.


CORITIBA: Mesmo com um time alternativo por conta do Brasileiro Sub-20 (competição na qual enfrenta o Cruzeiro na próxima quarta), o Alviverde mostrou tranquilidade e soube esperar as brechas para atacar o adversário. Falta equilibrar o setor ofensivo, muito dependente da qualidade de Igor.


FIQUE DE OLHO: Igor. O atacante participou dos principais lances de ataque do Coritiba, investindo em arrancadas e mostrando qualidade em bolas paradas – lance que originou o gol do jogo. É a referência técnica do time que Mozart trouxe à Vila Olímpica.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

PARANÁ: 1 Gui; 2 Kennidy, 3 Xaxim, 4 Marcelo (15 Thiago) e 6 Keslley (17 Gustavinho); 5 Bruno, 7 Sene (19 Andrade), 8 Silva e 10 Warley; 9 Rafael e 11 Carioca. Técnico: Luciano Simm.

CORITIBA: 1 Marco Antonio; 2 Willian, 3 Mateus Moura, 4 Victor e 6 Christian; 5  Yan, 7 Matheus Oliveira, 8 Anderson e 10 Yago (14 Allexson); 9 Guilherme e 11 Igor (15 Nicolas). Técnico: Mozart.

FICHA TÉCNICA: PARANÁ 0 X 1 CORITIBA XXXXXXXXXXXXXXX

GOL: Igor aos 23’ do 2°T (Coritiba).
CA: Christian e Igor (Coritiba); Kennidy, Bruno, Keslley e Carioca 2x (Paraná).
CV: Carioca (Paraná).
ÁRBITRO: Rafael Vinicius Moura de Oliveira
ASSISTENTES: Danilo Padilha Porse (1) e Alisson Alceu Bernardi Lovato (2).

ENTREVISTAS XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


drap
Tecnologia do Blogger.