PROPAGANDA

Do Rico ao Pobre reformula a identidade visual de seus canais


Perto de completar oito anos de fundação, o Do Rico ao Pobre mudou a sua identidade visual nos seus canais - Facebook, Instagram, Twitter, Youtube e, consequentemente, no site. A mudança entrou em vigor a partir da segunda semana de maio. O objetivo da alteração é dar destaque ao conteúdo dos canais e facilitar a diferenciação de modalidade entre as coberturas que o time DRAP marca presença.

#O FUTEBOL SEM DIVISÃO
Por @doricoaopobre

A primeira mudança em relação à identidade visual do portal Do Rico ao Pobre foi a nova logo, produzida pela Stephany Streit. A ideia da futura publicitária foi unir o nicho de atuação do DRAP (o futebol marginalizado) com o propósito de promover a visibilidade das modalidades que comumente não são cobertas pelas principais mídias. A partir desta perspectiva, o resultado foi uma logo moderna e com um design simples. O conceito partiu de três pilares, o microfone, como instrumento que simboliza o ato de ser porta-voz; as linhas do campo, onde é o palco principal em que todos se enfrentam - sem divisões (ricos e pobres); e o escudo, que é o símbolo original e autêntico de cada time.


A outra mudança já vem acontecendo nas últimas semanas, com várias inserções de novas artes e dividida por cores. Desta forma, os respectivos perfis nas redes sociais do futebol sem divisão ganham novas cores com formatos e elementos para diferenciar as modalidades que exibem, além de reforçar o conteúdo oferecido. As mudanças foram pensadas a partir dos significados de quatro cores do estudo do portal Marketing Moderno, tendo ligação com a respectiva categoria.  
APERTE NA IMAGEM PARA AMPLIAR
No caso do futebol amador, separamos por duas cores, já que o Do Rico Pobre realiza a cobertura em duas cidades, Curitiba e Ponta Grossa. A capital paranaense ficou com a cor laranja, que tem o significado de energia. Ou seja, queremos dar energia que o futebol amador de Curitiba proporciona ao portal Do Rico ao Pobre. Já no amador de Ponta Grossa, a cor escolhida foi o roxo, que tem o significado de transformação. Sendo esse um dos pontos que fez a equipe DRAP se transformar com a criação de uma filial em 2018, além de esse ser o lema que queremos seguir em prol da competição.

O futebol feminino teve o azul com a cor escolhida, que retrata a segurança. Ou seja, queremos dar a segurança que estaremos nas principais competições durante o ano. Cenário que vem crescendo nas últimas temporadas, com o aumento de clubes na capital paranaense, em especial Imperial e o recém-criado, Athletico. Na sequência, o último pilar é a categoria de base, que ficou com a cor verde. Cor que remete ao crescimento, tanto na questão de visibilidade, quanto em produção de conteúdo para esta categoria.
APERTE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Além destas mudanças, o portal Do Rico ao Pobre irá adotar semanalmente um cronograma, que dará destaque no dia a determinada ação, nas respectivas redes sociais. A semana irá iniciar com o destaque do VT - reportagem completa de uma partida do futebol amador de Curitiba; que será na segunda-feira. Já na terça-feira, o dia da live e produção do podcast no estúdio da Pacundê. Quarta-feira será o dia da divulgação das fotos das partidas de sábado e domingo da semana que passou. Já na quinta-feira as matérias especiais ganham destaques. 

A sexta-feira teremos a novidade da "live DRAP", que irá trazer as principais informações da pré-rodada do final de semana dos certames amadores de Curitiba e Ponta Grossa. No final de semana – sábado e domingo; serão os dias que o time do Do Rico ao Pobre estará em campo para produzir os conteúdos, nas respectivas partidas. O cronograma DRAP irá entrar em vigor após o fim da pandemia do COVID-19

APOIE O DRAP - Conteúdos que buscam dar voz para o futebol marginalizado e mostrar a transformação que este esporte é capaz, em diversas atmosferas - Amador, Feminino e categoria de base; assine a nossa newsletter e receba as informações semanalmente - http://eepurl.com/g2bQC5

No comments

Powered by Blogger.