PROPAGANDA

[SÉRIE A] Na despedida da Baixada em 2019, Athletico vence o Santos por 1 a 0


Em uma quarta-feira (04) de despedidas, o Athletico venceu o Santos por 1 a 0 em seu último jogo dentro de casa neste Campeonato Brasileiro. Marco Ruben, que não irá ficar no Furacão, marcou o gol que decretou a vitória rubro-negra. O Resultado coloca o time atleticano na quarta colocação, com 63 pontos, mas pode perder a posição caso o Grêmio vença na rodada.


#SÉRIE A
Por Andre Ribas

PRÉ-JOGO - A partida marcou a despedida de três jogadores. Marco Ruben, que retorna para a Argentina, Marcelo Cirino, que não irá renovar com o clube e Bruno Guimarães, que irá ser vendido ao Atlético de Madrid. Já o escrete alvinegro, entrou em campo com a perspectiva de confirmar a segunda colocação na tábua de classificação do certame, para faturar mais de 30 milhões de reais de premiação.

O EMBATE:  Com uma postura agressiva e uma marcação alta, o Athletico tomou conta do jogo nos primeiros minutos. Tratou de empurrar o Santos para trás e controlar o espaço. Apesar disso, a primeira grande chance foi do Peixe aos sete oito minutos. Após recuperar a bola no meio, Jean Mota recebeu na entrada da área e bateu colocado, tirando tinta da trave.

A equipe do litoral paulista equilibrou o jogo e começou a criar perigo no ataque. Desta vez com Marinho, aos 11 minutos, mas o extremo finalizou para fora. Antes disso, Soteldo teve uma grande oportunidade, mas optou pela jogada errada. O duelo ficou equilibrado no meio de campo, com a posse dividida, mas com ambas as equipes com problemas no terço final. Aos 35 minutos, em jogada genial do camisa 10 do Santos, o Peixe quase saiu a frente, mas o chute passou perto da trave e por pouco não entrou. No lance seguinte, foi a vez do Jean Mota tirar o “UUUHH” da galera, passando perto do ângulo do goleiro rubro-negro. Sendo assim, a primeira etapa terminou com o placar fechado.


O Furacão precisou de um minuto para abrir o placar no segundo tempo. Em cruzamento de Rony, na despedida das mais perfeitas, Marco Ruben, de cabeça, anotou seu gol. 1 a 0.  Aos 22 minutos, Luan Peres levou o segundo amarelo e foi expulso. Furacão ficou com a mais em campo e controlou o resultado, garantindo os três pontos em seu último jogo em casa.

PRÓXIMA PARTIDA: O próximo jogo do Furacão é no domingo, em sua despedida do Brasileirão, contra o Avaí, em Florianópolis.



OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

ATHLETICO: 1. Santos; 2. Jonathan (Madson), 4. Léo Pereira, 44. Thiago Heleno e 6. Márcio Azevedo; 5. Wellington, 15. Camacho e 3. Lucho González (Adriano); 7. Rony, 9. Marco Ruben e 10. Marcelo Cirino (39 Bruno Guimarães). Tec. Eduardo Barros.
SANTOS: Everson; Felipe Aguilar, Gustavo Henrique e Luan Peres; Pará, Alison, Diego Pituca, Evandro (Sasha) e Jean Mota (Sanchez); Marinho e Soteldo. Tec: Sampaoli

FICHA TÉCNICA – ATHLETICO 3 X1 SANTOS XXXXXXXXXX

GOLS: Marco Ruben 1’ do segundo tempo (Athletico)
CA: Luan Peres, Diego Pituca, Marinho (Santos). Marcelo, Léoo Pereira, Márcio Azevedo.
CV: Luan Peres, Marinho (Santos).
ÁRBITRO: Anderson Daronco
ASSISTENTES: Leirson Peng Martins e Michael Stanislau.
PÚBLICO/RENDA: 31.988/R$ 931.620,00.,
LOCAL: Estádio Joaquim Américo Guimarães, em Curitiba

APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extra e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.