PROPAGANDA

[SÉRIE B] Operário é derrotado pelo Vitória na última partida como mandante da temporada


O Operário Ferroviário perdeu para o Vitória por 2 a 1 na noite desta terça-feira (19), em partida válida pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com o resultado, o Fantasma alcançou a marca de quatro jogos sem triunfo no certame e permanece estacionado no meio da tábua de classificação. Os três pontos somados no Estádio Germano Krüger garantiram o Rubro-negro baiano na segundona do ano que vem. Léo Gomes anotou o gol do Vitória e Everton Sena marcou contra ainda na primeira etapa, empatando a partida. No apagar das luzes, Thiago Carleto deu números finais ao duelo.

#SERIE B
Por Allyson Santos

PRÉ-JOGO: Sem grandes ambições no certame, o Operário entrou em campo com a missão de se despedir do torcedor alvinegro com um resultado positivo. O Fantasma, que não conseguiu se manter na briga pelo acesso, não vencia há três rodadas. Para a partida contra o Vitória, o técnico Gérson Gusmão perdeu três peças chave do elenco. O goleiro Rodrigo Vianna se recuperava de lesão enquanto Jardel e Felipe Augusto cumpriam suspensão. Do outro lado, o Leão da Barra ainda precisava de um empate para garantir permanência na segundona. A equipe do técnico Geninho veio a Ponta Grossa com força máxima.

O EMBATE: Os primeiros minutos de jogo foram de muito estudo entre os dois escretes. Com o duelo concentrado na faixa central do campo, o Operário apostava na velocidade de Maílton e Uilliam pelas laterais e pecava no último passe. A equipe visitante investia na bola aérea e aproveitava o excesso de faltas do Fantasma para levar perigo.

Logo na primeira chance clara de gol da partida, o Vitória abriu o placar. Léo Gomes testou com efeito na pequena área após grande defesa de André Luiz, a bola explodiu na trave e voltou para os pés do meio-campista, que estufou as redes do Operário aos 22’ decorridos. A resposta do escrete alvinegro veio minutos depois, quando Allan Vieira cruzou rasteiro pela esquerda em direção a meta adversária e Uilliam chegou atrasado para finalizar.


Após o tento sofrido, os donos da casa passaram a povoar cada vez mais o campo de ataque. Com 36’ jogados, Lucas Batatinha subiu livre na área e cabeceou para o chão, para boa defesa do arqueiro Martin Rodriguez. O empate da equipe de Vila Oficinas veio nos acréscimos da primeira etapa. Allan Vieira avançou pela ala e cruzou de pé esquerdo. O zagueiro Everton Sena desviou no primeiro poste e marcou contra.

No retorno dos vestiários, o Vitória chegou a balançar as redes em cobrança de falta. Lucas Cândido pegou o rebote do goleiro André Luiz e arrematou para o gol, em posição irregular. Logo na sequência, Schumacher quase colocou o Fantasma em vantagem no placar. O camisa nove recebeu na área, matou no peito e bateu cruzado, para grande defesa de Martin.

O Vitória continuou fechado no campo de defesa com cinco jogadores na última linha. Sem espaço para atacar, o Operário trocava passes no setor de ataque e pressionava o adversário. Em lance de bola parada, Rodrigo quase marcou o segundo tento do Alvinegro. O zagueiro venceu a marcação pelo alto e desviou de cabeça para uma linda defesa do arqueiro rubro-negro no reflexo. Mesmo com um segundo tempo pouco criativo, os visitantes garantiram o triunfo nos acréscimos, com um belo com de falta de Thiago Carleto.


PRÓXIMA PARTIDA: Pela última rodada do certame, o Operário enfrenta o Figueirense em Santa Catarina no próximo sábado (30), às 16h30. No mesmo dia e no mesmo horário, a equipe do Vitória encara o Coritiba no Barradão.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

OPERÁRIO: 1 André Luiz; 2 Maílton (21 Jean Carlo), 3 Lázaro, 4 Alisson e 6 Allan Vieira; 5 Jonh Lennon, 8 Índio, 11 Cleyton (18 Rafael Chorão) e 10 Marcelo; 7 Uilliam (20 Schumacher) e 9 Lucas Batatinha. Tec. Gérson Gusmão.

Vitória: 12 Martin Rodriguez; 28 Van, 14 Everton Sena, 40 Ramon e 50 Carleto; 16 Léo Gomes, 5 Baraka; 15 Lucas Candido; 33 Eron (7 Felipe Garcia), 99 Wesley e 9 Anselmo Ramon (4 Zé Ivaldo). Tec. Geninho.

FICHA TÉCNICA – OPERÁRIO 1 X 2 VITÓRIA XXXXXXXXXX

GOLS: Everton Sena (contra) aos 46’ do 1ºT (Operário) Léo Gomes, aos 23’ do 1ºT e Thiago Carleto aos 51' do 2ºT (Vitória)
CA: Maílton, Índio (Operário) Léo Gomes, Eron, Lucas Cândido (Vitória)
ÁRBITRO: Diego da Silva
ASSISTENTES: Cleriston Clay Barreto Rios e Rodrigo Guimarães Pereira.
LOCAL: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.
PÚBLICO/RENDA: 4.100 pessoas, para uma renda de R$40.475,00

APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extra e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.