PROPAGANDA

[SUBURBANA] Nacional estreia com vitória frente ao Combate Barreirinha


Na tarde de ontem (17), a equipe do Nacional recebeu o Combate Barreirinha no Estádio XV de Agosto, em Curitiba, para a disputa da primeira rodada da Divisão de Acesso da Suburbana 2019. Após um começo truncado, a equipe da casa abriu 2 a 0 em um período de quatro minutos. Na segunda etapa o time da casa marcou mais um e garantiu a vitória na estreia por 3 a 0.

#SUBURBANA 2019
Por adson_sovinski

PRÉ JOGO: Após uma campanha abaixo do esperado no ano anterior, alcançando apenas a sétima colocação do grupo B, o Nacional entrou em campo com a perspectiva de tentar fazer diferente nessa Suburbana, começando a partir desse duelo. Do outro lado o Combate Barreirinha, que voltou às suas atividades federadas após quatro anos, marcando um jogo memorável para a torcida do Combate.

O EMBATE - Com a ansiedade de uma estreia presente nos minutos iniciais, alguns jogadores entraram um pouco abaixo da velocidade de partida, quase comprometendo a ideia inicial das equipes. O Nacional tentou comandar as ações ofensivas, e na maioria das jogadas levava vantagem, só parando nos erros técnicos dos seus atacantes. O Combate respondeu nos contra-ataques em velocidade, que causou algum incomodo na zaga adversária. 

Aos 32’, Juninho entrou pela direita e serviu Luiz Guilherme, que só teve o trabalho de tirar do goleiro e inaugurar o placar no XV de Agosto. E teve mais! Quatro minutos depois Juninho, que deu assistência no primeiro gol do Nacional, agora marcou o dele. Matogrosso fez jogada pela direita e cruzou na área para Juninho, o camisa 17 só teve o trabalho de escorar para o fundo das redes, deixando o Nacional com uma boa vantagem até o intervalo.


O reinício do jogo foi marcado por muita pressão para cima da arbitragem, vários lances de reclamação para ambos os lados. Aos 13’, Zé Nunes foi expulso, pois levou o segundo amarelo após um carrinho forte. Essa expulsão não mudou muito a configuração do jogo, já que a equipe do Nacional continuou com a bola e o Combate formou duas linhas de quatro jogadores na marcação, sempre com opção nos flancos para os contra-ataques.

A equipe da casa continuou martelando até que encontrou o terceiro gol. Tiago aproveitou uma bola viva dentro da área e mandou para o fundo das redes, dando números finais ao duelo. Depois disso o Nacional administrou o resultado, sem sofrer uma oração forte do Combate, que já não encontrava mais forças.


PRÓXIMA PARTIDA: A equipe do Nacional jogará novamente do Estádio XV de Agosto, dessa vez contra o Sergipe. O Combate vai reestreia no Estádio Recanto Tricolor, receberá a equipe do Fortaleza. Ambos os jogos serão no sábado (24) às 15h30.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXx

NACIONAL: 1- Guilherme; 2- Negão, 3- Lucas, 4- Lima, 6- Carlos; 5- Matheus Gomes (15- Patrik), 8- Juarez, 10- Mato Grosso; 7- Luiz Matheus (16- Moisés), 11- Guilherme Castro (19- Matheus) e 9- Diego (17- Juninho) (20- Thiago) . TÉC: Alemão.

COMB.BARREIRINHA: 1- Jura; 2- Buiu (19- Wagner), 3- Diegão, 4- Rafael, 6- Juninho; 5- Melo, 7- Zé Nunes, 8- Paulo (14- Pedro), 10- Juliano; 11- Marciano (15- Fernando) e 9- Marlon (16- Rick). TÉC: Beto.

FICHA TÉCNICA NACIONAL 3 X 0 COMBATE XXXXXXXXXX

GOLS: Luiz Matheus, aos 32’ do 1°T; Juninho, aos 36’ do 1°T e Thiago, aos 31’ do 2°T. (Nacional).
CA: Carlos, Matheus Gomes, Lucas e Lima (Nacional); Zé Nunes (2x) e Diegão (Combate).
CV: Zé Nunes (Combate).
ARBITRAGEM: Daniel Dantas Carneiro de Melo.
ASSISTENTES: Roberto Rivelino dos Santos Júnior (1) e Alisson Alceu Bernardi Lovato (2).
LOCAL: XV de Agosto, em Curitiba.

ENTREVISTAS DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdo extra e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.