PROPAGANDA

[SÉRIE A] Com gol de Nikão, Athletico bate o Ceará e volta a vencer no Brasileirão


Athletico e Ceará se enfrentaram na noite deste sábado (31), na Arena da Baixada. O duelo foi válido pela 17ª rodada do Brasileirão. Dentro de campo, o furacão pressionou o rival até conseguiu achar uma brecha na defesa rival com Nikão. O meia foi o autor do único gol da partida e garantiu a vitória da equipe rubro-negra dentro de casa.  


#SÉRIE A 
Por Larissa Turko 

PRÉ-JOGO: Athletico chega para o duelo ocupando a 10° posição na tabela, com 22 pontos somados. A equipe busca se reencontrar na competição onde vem tropeçando e para tanto precisa da vitória. A equipe do Ceará está a apenas dois pontos de distância do Furacão na 13° colocação, e com duas derrotas nas suas últimas partidas também chega pressionada pela necessidade de voltar a vencer. 

O EMBATE: Com um início marcado pela pressão athleticana, a partida se desenhava a favor dos donos da casa. Com uma marcação mais alta, explorava os arremessos, inversões de bola e toques rápidos. O Ceará mais fechado, marcava firme, mais ainda assim dava espaços para que o rubro-negro se infiltrasse em sua defesa. Em alguns momentos a equipe visitante até conseguiu chegar bem ao ataque depois de alguns erros defensivos do rival.  

A primeira boa chance do Furacão surgiu aos 12' minutos, com Marcelo Cirino. Na jogada, Marco Ruben recebeu na área e ajeitou meio sem jeito para o camisa dez athleticano, mas que na batida acabou mandando por cima do gol. A oportunidades iam surgindo na partida, mais sendo desperdiçadas igualmente, como nos lances do último passe ou cabeceio que eram fortes e imprecisos.  

A distribuição dos jogadores prejudicava também a troca de passes, já que em diversos momentos os atletas estavam longe demais um do outro, o que facilitava as interceptações do rival. O primeiro tempo seguiu nessa linha até Nikão nos acréscimos mudar tudo. O meia que vinha se movimentado bastante na partida, estava bem posicionado e sem marcação, quando a bola foi cruzada dentro da área. Ela então passou por todo mundo até chegar aos pés do jogador que mandou de primeira para as redes, fechando o placar parcial do primeiro tempo em 1 a 0 para o Furacão.  


 Já na segunda etapa, o Athletico não deu tempo para o Ceará se recolocar na partida e já marcou o segundo gol com Nikão novamente. Contudo, o lance foi anulado com auxílio do VAR, que constatou um braço momentos antes da finalização. O Vovô Alvinegro resolveu mudar e colocar fôlego novo na partida com as entradas de Wescley e Chico, para quem sabe converter suas chances em um gol de empate.  

Ambas as equipes insistiram, o rubro-negro tinha mais volume de jogo mas não convertia em mais gols para se tranquilizar na partida. O Alvinegro gerava algumas oportunidades de perigo e pressionava por um erro do rival. 

Buscando assegurar os três pontos, o Furacão passou então a cadenciar a partida, mais fechado e abusando dos lances de contra-ataque, principalmente com Rony na velocidade. O final foi ganhando forma, com diversas paradas por faltas. Ainda assim, o placar não mudou e com um gol solitário de Nikão o Athletico bateu o Ceará e voltou a vencer dentro da Arena da Baixada.  


PRÓXIMA PARTIDA: Athletico viaja para encarar a equipe do Santos, no próximo domingo, 8, às 16h. Antes disto, o Furacão tem a decisão pela vaga na final da Copa do Brasil contra o Grêmio, na quarta (04), às 19h15. Já o Ceará enfrenta o Corinthians, no sábado 7, às 11h. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX 

ATHLETICO: 1 Santos; 23 Madson, 34 Pedro Henrique, 14 Robson Bambu e 21 Adriano (6 Márcio Azevedo); 5 Wellington, 39 Bruno Guimarães, 10 Marcelo (18 Léo Cittadini) e 11 Nikão; 7 Rony e 9 Marco Ruben (38 Thonny Anderson). Tec. Tiago Nunes  

CEARÁ: 12 Diogo Silva; 2 Cristovam, 36 Tiago Alves, 3 Valdo e 6 João Lucas; 19 Fabinho, 88 Pedro Ken (77 Bergson), 89 Galhardo (30 Chico) e 11 Fernando Sobral; 7 Matheus Gonçalves (27 Wescley) e 98 Felipe Cardoso. Tec. Enderson Moreira 

FICHA TÉCNICA – ATHLETICO 1X0 CEARÁ XXXXXXXXXX 

GOLS: Nikão aos 49' do 1º tempo (ATHLETICO)  
CA:   Wellington (Athleticoe  Mateus Gonçalves, Cristovam (Ceará) 
ÁRBITRO: Leandro Pedro Vuaden 
ASSISTENTES: Leirson Beng Martins (1) e André da Silva Bitencourt (2) 
PÚBLICO/RENDA: 10.075 pessoas, com a renda de R$142.860,
LOCAL: Estádio Joaquim Américo Guimarães, em Curitiba



PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.