PROPAGANDA

[SÉRIE A] Athletico não vai bem e é derrotado pelo São Paulo na Arena da Baixada


Na noite desta quarta-feira (21), o Athletico perdeu por 1 a 0 para o São Paulo, na Arena da Baixada, em jogo atrasado, válido pela 13ª rodada da Série A. O gol da equipe paulista foi marcado por Vítor Bueno, no segundo tempo. Com o resultado, o Furacão segue na 8ª colocação, enquanto o São Paulo sobe para 4º. 
  
#SERIE A  
Por: Lucas Ravel    
   
PRÉ-JOGO: Athletico veio para o jogo com apenas uma mudança em relação à equipe que enfrentou o Atlético-MG: Nikão entrou no lugar de Marco Ruben. Com a alteração, Thonny Anderson jogou de centroavante e o camisa 11 foi para o meio.  Em relação ao São Paulo, o técnico Cuca promoveu três alterações. Duas delas foram forçadas, já que Everton e Bruno Alves estão suspensos. Vítor Bueno e Arboleda entraram em seus lugares, respectivamente. Juanfran também sai da equipe, por opção física, e entra Igor Vinícius.   

 O EMBATE: Athletico e São Paulo mostraram um primeiro tempo sem muitas oportunidades claras. A equipe da casa atacou mais, mas quem foi para o intervalo vencendo foi a visitante, que soube ser efetiva.  Nos primeiros 15 minutos de jogo, o Furacão atacou três vezes. Todas sem levar perigo. O São Paulo também tentou, com Daniel Alves, mas não assustou o goleiro Santos. Aos 24, Rony testou Volpi pela primeira vez, mas a bola foi fraca. A resposta veio dois minutos depois, em chute de Liziero, de fora da área, mas para fora.  
  
O São Paulo abriu o placar aos 38 minutos, em seu único chute no gol na primeira etapa. Liziero fez passe para o meio da área, onde estava Vítor Bueno, que dominou rapidamente e completou de perna esquerda para o fundo das redes. Em desvantagem, o Athletico teve que ser mais agressivo, mas também ficou mais nervoso. O São Paulo, em contrapartida, passou a focar mais em sua defesa e só pressionava em seu campo. A melhor oportunidade da equipe paranaense na primeira etapa aconteceu aos 42 minutos, em cabeceio de Léo Pereira, que passou ao lado do gol. 


No segundo tempo, para ter uma referência no ataque, o técnico Thiago Nunes promoveu a entrada de Marco Rubén no lugar de Rony, que não fazia uma boa atuação. O São Paulo, por sua vez, não tinha a posse de bola, mas era perigoso nos contra-ataques e a equipe ficou ainda mais defensiva quando Cuca colocou William Farias no lugar de Vítor Bueno. 
  
O Furacão atacava, mas só conseguiu levar perigo real aos 42 minutos. Marco Rúben recebeu a bola no meio da área e finalizou de bicicleta, mas a bola passou tirando tinta da trave.  Já nos acréscimos, o Athletico teve outras duas oportunidades para marcar. Na primeira, Pedro Henrique apareceu na área, mas chutou acima do gol. Na segunda, Tomás Andrade finalizou ao lado. Com isso, o São Paulo conseguiu sua 4ª vitória seguida e entrou no G-4. Já o Athletico estaciona em 8º. 


PRÓXIMAS PARTIDAS: O Athletico volta a campo contra o Grêmio, no próximo sábado (24), às 17h, em Porto Alegre. O São Paulo, por sua vez, joga um dia depois, às 16h, contra o Vasco, em São Januário. 
  
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX   

ATHLETICO: 1- Santos, 23- Madson, 34- Pedro Henrique, 4- Léo Pereira, 21- Adriano, 5- Wellington (8- Tomás Andrade), 39- Bruno Guimarães, 10- Marcelo, 11- Nikão, 7- Rony (9- Marco Rúben), 38- Thonny Anderson (28- Vitinho); Técnico: Thiago Nunes.  

SÃO PAULO: 23- Volpi, 2- Igor Vinícius, 5- Arboleda, 4- Anderson Martins, 6- Reinaldo, 28- Tchê Tchê, 14- Liziero (16- Léo), 12- Vítor Bueno (17- William Farias), 10- Dani Alves, 21- Raniel, 39- Antony (20- Juanfran); Técnico: Cuca  
   
FICHA TÉCNICA: ATHLETICO 0 X 1 SÃO PAULO XXXXXXXXXX  
  
GOL: Vítor Bueno (38’ do 1ºT) |São Paulo| 
CA: Bruno Guimarães, Thonny Anderson, Welington (AthleticoReinaldo, Arboleda e Everton Felipe (São Paulo) 
ÁRBITRO: Daniel Nobre Bins  
ASSISTENTES: José Eduardo Calza e Lúcio Beiersdorf Flor        
LOCAL: Arena da Baixada, Curitiba                           

PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.