PROPAGANDA

[TAÇA PR] Trieste vence a Aprovale no apagar das luzes e se aproxima da classificação


Na tarde do último domingo (19), Aprovale e Trieste jogaram no Estádio Rubens de Mello, em Guarapuava, para o confronto da quarta rodada da Taça Paraná de 2019. Com um jogo truncado e de forte marcação, a equipe do Trieste conseguiu furar o sistema defensivo da equipe da Aprovale apenas uma vez e nos minutos finais do embate, com o gol solitário de William Koslowski. Gol que decretou o triunfo e também a proximidade da vaga à segunda fase do certame.


#TAÇA PR
Por @rafaelbuiar

PRÉ-JOGO: A equipe do Trieste sofreu a primeira derrota no certame na rodada anterior para o XV de Novembro, enquanto que a Aprovale venceu o Vila Sandra em casa. Ou seja, ambas as equipes ficaram próximas na tábua de classificação. Melhor para o time de Curitiba, que entrou para este confronto na zona de classificação e em busca de garantir/aproximar a vaga para segunda fase. Já o time da cidade de Guarapuava, que venceu na rodada anterior, ganhou animo e quer entrar de vez na disputa por uma das vagas à segunda fase. Por isso, um triunfo é importante para selar a classificação.

O EMBATE: Os primeiros minutos foram de um jogo movimentado, com a equipe do Trieste tendo mais volume e buscando criar as jogadas pelos flancos, com Lino e Repolho. Mas a primeira oportunidade e chance de perigo de gol aconteceu aos 5’ e com a Aprovale quase inaugurando o placar no Estádio Rubens de Melo, com Poleto cobrando falta. Quase que na mesma posição do jogo anterior, em que marcou o segundo gol do triunfo diante o Vila Sandra. Mas desta vez, o camisa 10 da Aprovale acertou o travessão.

O lance espertou a equipe visitante, pois a partir deste lance as jogadas pelos flancos voltaram a ser a tônica. Desta vez, Repolho foi o mais acionado no período de jogo e os cruzamentos aconteceram com frequência. Porém, o sistema defensivo do escrete guarapuavano conseguiu afastar o perigo. Devido a isso, o scout do jogo ficou com a equipe do Trieste tendo mais volume de jogo, procurando os espaços para furar o sistema defensivo. Enquanto que o time da Aprovale jogou com os contra-ataque, tendo o Poleto e Alcimar na saída de velocidade.

Aos 19’, o meio campista do Trieste, Hideo, conseguiu encontrar uma brecha e no meio lançou para Lino, que conseguiu dominar na direita e teve a oportunidade de arrematar. Mas novamente entrou em cena o arqueiro do time da cidade de Guarapuava e manteve o placar fechado. O lance fez com que o time do Trieste tentasse mais jogadas pelo meio. Não deu outra, em ótima trama entre Hideo, Feijão e Lino, o goleiro Anderson conseguiu se sair melhor novamente.


A pressão do Trieste continuou nos minutos finais da etapa inicial. Desta vez, Feijão teve a oportunidade de abrir aos 40’. Hideo cruzou e a bola foi afastada parcialmente pelo sistema defensivo da Aprovale. No rebote, o camisa 11 do Trieste dominou e chutou firme. Mas a bola passou sobre a meta do arqueiro. Sendo essa a última chance de perigo da etapa inicial, que terminou com o placar fechado.

Na etapa complementar, ambos os escretes voltaram com os mesmos jogadores e por isso, o duelo não iniciou muito diferente da primeira etapa. Ou seja, o confronto nos primeiros minutos da etapa complementar foi truncado e as chances de perigos foram de bola parada. Dentre elas, aos 4’, em que Poleto cruzou e William do Trieste, deu um leve desvio e quase surpreendeu o goleiro Juninho.

Mesmo assim, o time da Aprovale foi quem passou a ter mais volume de jogo e próximo da metade da segunda etapa teve duas oportunidades. Na primeira a zaga afastou, com Jair interceptando a jogada. Na segunda, Edimar arrematou para fora do gol. Lances que deram ânimos à equipe de Guarapuava, pois aos 22’, em jogada de contra-ataque, Poletto e Alcimar fizeram ótima trama. Mas o arremate de Alcimar saiu em cima do goleiro Juninho, que afastou o perigo.


Depois dos lances de perigo, o Trieste acordou. Hideo conseguiu se livrar dos marcadores e arrematou firme na entrada da área, quase surpreendendo o goleiro da Aprovale, aos 32’. Percebendo os flancos e as jogadas de velocidade, o treinador Ivo Petry mudou a sua equipe. Entrou Maranhão e saiu Feijão. Não deu outra, o jogo mudou. Aos 38’, o próprio conseguiu marcar o gol. Mas o assistente assinalou impedimento, para tristeza da torcida da colônia presente no Rubens de Mello.

Mesmo assim, o time do Trieste não se abateu e foi buscar o gol. Com quatro minutos de acréscimo, a equipe triestina pressionou. Maranhão foi a principal referência das jogadas. Dentre as jogadas do camisa 20, uma terminou com a zaga afastando para escanteio. Minutos depois, Hideo teve espaço no flanco direito e cruzou, William Koslowski se antecipou da marcação e testou firme, sem chance para o goleiro Anderson, aos 46’ da etapa complementar. Após o gol, pouco aconteceu para mudar a partida e placar terminou com triunfo da equipe de Curitiba.

PRÓXIMA PARTIDA: O time do Trieste irá enfrentar o escrete do Vila Sandra no próximo sábado (25), no Estádio Francisco Muraro. Já a equipe da Aprovale irá viajar no próximo domingo (26) até Colombo para desafiar o time do XV de Novembro, no Estádio Municipal do Rio Verde.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

APROVALE: 1 Anderson; 2 Gilson, 4 Bode, 13 Mon e 19 Fábio; 5 Vande, 22 Murilo, 7 Alcimar e 10 Poleto (8 Dino); 21 Erick (9 Jô Paraná) e 11 Edimar (20 Bigode). Técnico: Carneiro

TRIESTE: 1 Juninho; 2 Repolho, 3 Jair, 4 Baloy e 6 Lino (16 Marquinhos Lima); 5 Grilo, 8 Marcelo Andrade, 7 Gilton e 10 Hideo; 11 Feijão (20 Maranhão) e 9 William. Técnico: Ivo Petry

FICHA TÉCNICA – APROVALE 0 X 1 TRIESTE XXXXXXXXXXX

GOL: William Koslozvisk aos 46’ do 2º tempo (Trieste)
CA: Poleto, Erick, Bode, Fábio, Dino (Aprovale) | Jair, Grilo (Trieste)
ÁRBITRO: Amauri Carvalho Pahins
ASSISTENTES: Giovani Marcos Matielo e Gilberto de Souza
LOCAL: Estádio Rubens de Mello, em Guarapuava

ENTREVISTA DRAP XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.