PROPAGANDA

[SUB 19] São Joseense pressiona, mas é derrotado pelo Rio Branco no Pinhão


Na tarde desta terça-feira (14) o São Joseense recebeu o Rio Branco pelo encerramento da segunda rodada do Campeonato Paranaense Sub-19. O Tricolor jogou melhor, teve mais chances, no entanto valeu a máxima de quem não faz leva. Martins abriu o placar para o Leão, Portela empatou e o jogo pegou fogo. Quando tudo se encaminhava para o empate, Renan acertou um chute na gaveta e decretou a vitória do escrete da Estradinha por 2 a 1, que tem 100% de aproveitamento e lidera o Grupo E.

#SUB-19

PRÉ-JOGO: Encerrando a segunda rodada do Campeonato Paranaense, São Joseense e Rio Branco se enfrentaram em no Estádio do Pinhão vindo de realidades diferentes do duelo inaugural do certame. O Tricolor foi goleado pelo Coritiba por 5 a 0, enquanto o Leão venceu o GRECAL na Estradinha por 2 a 0. 

O EMBATE: O São Joseense começou mais em cima e logo aos dois minutos teve a primeira oportunidade. Felipe fez boa jogada pela direita e cruzou para Cunha, que tentou de voleio e mandou sobre o gol. Aos quatro, Erick roubou bola de Daniel Legroski na esquerda e entrou na área, mas finalizou em cima de Dudu. No lance, o defensor alvirrubro acabou levando a pior, teve uma luxação no tornozelo e deixou o estádio de ambulância. O Rio Branco só assustou aos 15', quando Gabe cobrou falta da entrada da área para defesa tranquila de Thiago.

O Tricolor continuava melhor e criava mais chances. Aos 28', Erick cobrou falta que tirou tinta da trave, balançando a rede pelo lado de fora. Aos 43' foi a vez de Du bater falta e parar em boa defesa de Dudu. Já aos 45' veio a grande chance da primeira etapa. Dudu cortou arrancada de Xaxim, mas se atrapalhou na sobra. Cunha cruzou na área e Felipe, sem goleiro, não acertou a bola em cheio, facilitando o serviço da defesa. No minuto seguinte, Cunha foi lançado e só não fez o gol porque Dudu saiu como um gato para salvar o Leão.


Apesar da primeira etapa ruim, o Rio Branco abriu o marcador logo no começo da etapa final. Aos dois minutos, Martins recebeu na entrada da área, chutou forte e cruzado, o goleiro Thiago não segurou e a bola morreu dentro do gol. Atrás no placar, o Tricolor foi ainda mais para cima. Aos 12', Cunha recebeu na área e, ao tirar do goleiro, tirou também do gol, perdendo grande oportunidade. Aos 14', Du cobrou falta na área, a bola passou por todo mundo e não entrou graças ao pé salvador de Murillo. Três minutos depois, Cunha subiu mais alto que todo mundo, mas a bola tirou tinta da trave novamente.

O Rio Branco tentava aproveitar pontuais vacilos para chegar. Aos 22', Erick roubou bola de Juan, invadiu a área e chutou para boa defesa de Thiago. Só que a pressão era toda do São Joseense. Aos 31' Bruninho chutou de fora e bola passou a direita do gol. No minuto seguinte, a pressão deu resultado. Portela recebeu na frente, tirou o goleiro e empatou o duelo. O sufoco continuou. Aos 34', Bruninho chutou de fora de área e Dudu teve que se esticar para defender. Seis minutos depois, Murilo recebeu na esquerda e chutou de primeira, porém a bola passou caprichosamente na frente da trave e foi pela linha de fundo. Nos minutos finais o Leão foi para cima, e chegou à vitória em um golaço. Aos 46', Renan arriscou de fora área e acertou o ângulo, dando a vitória para o escrete da Estradinha.  No Estádio do Pinhão, São Joseense 1x2 Rio Branco.

PRÓXIMA PARTIDA: 
O São Joseense vai até Irati, enfrentar o Azulão em busca da primeira vitória. Já o Rio Branco, que está na com 100% de aproveitamento e na liderança do grupo E, quer manter a invencibilidade contra o Coritiba, na Estradinha. Ambos os jogos estão marcados para o próximo sábado (18), às 15h.


SÃO JOSEENSE: O escrete da casa começou muito bem a partida no esquema 4-3-3, ficando com a bola a maior parte do tempo e mostrando muita intensidade pelas laterais. As diversas chances criadas mostram que o Tricolor precisa trabalhar melhor a questão da pontaria para transformar volume de jogo em resultado. Após sofrer o gol, Maílson Bastos apostou em um esquema 3-4-3, colocando Portela no lugar de Xaxim, que fez o gol de empate.


FIQUE DE OLHO - Juan: O lateral do Tricolor se destacou pela versatilidade em campo. Por muitos momentos, subiu ao campo de ataque, dando trabalho aos defensores alvirrubros. Em um esquema combinado com Felipe, invertia as funções. Em alguns momentos, Juan chegou a jogar na esquerda, desempenhando um bom papel apesar da derrota.


RIO BRANCO: O time de Paranaguá não conseguiu criar muito por conta do ritmo intenso do São Joseense. Deu para notar que o Rio Branco aposta muito em jogadas pelo meio e conseguiu criar suas chances por meio de bolas paradas, além de ter um grande oportunismo. Nos minutos finais o time do Litoral cresceu, chegando a vitória. Fica o destaque para o sistema defensivo do Leão, que se portou bem na maior parte do jogo. 


FIQUE DE OLHO - Martins: O camisa 9 do Rio Branco é o artilheiro do escrete de Paranaguá, fazendo gols em ambas as partidas. O oportunismo para conseguir finalizar e acreditar nas jogadas faz com que Martins receba o nosso destaque, podendo ser um nome a crescer com a camisa do Leão no torneio. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

SÃO JOSEENSE: 1. Thiago; 2, Juan, 3. Matheus Xaxim (20. Pedro), 4. Kaianã e 6. Dieguinho; 5. Patrick, 8. Derykster e 10. Du (17. Bruninho); 7. Erick (19. Murilo), 9. Cunha e 11. Felipe. Tec. Mailson Bastos.

RIO BRANCO: 1. Dudu; 2. Gabriel, 3. Daniel Legroski (15. Andrew), 4. Renan e 6. Erick; 5. Renan, 8. Gui e 10. Gabe (16. Igor); 7. Kevin (19. Maluf), 9. Martins (17. Caliel) e 11. Ziemba (18. Renan). Tec. Mauro de Lazzari.

FICHA TÉCNICA – SÃO JOSEENSE 1 X 2 RIO BRANCO XXXXXXXX

GOLS: Portela, aos 32’ do 2º tempo (São Joseense) | Martins, aos 2’ e Renan, aos 46' do 2º tempo  (Rio Branco).
CA: Cunha e Murilo (São Joseense) | Gui, Kevin e Erick(Rio Branco)
CV: Bruninho (São Joseense).ÁRBITRO: Kleber Ariel.
ASSISTENTES: Roberto Rivelino dos Santos e Vinicius Bueno Seixas. 
LOCAL: Estádio Municipal do Pinhão, em São José dos Pinhais.

PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.