PROPAGANDA

[COPA BR] Londrina vence o Bahia mas se despede da Copa do Brasil


O Londrina derrotou o Bahia por 2 a 1 nesta quinta-feira (25), no Estádio do Café, na partida de volta da quarta fase da Copa do Brasil. O Tubarão abriu o placar no primeiro minuto de jogo com Anderson Oliveira. A equipe baiana descontou com Fernandão e Dagoberto fez o segundo gol da equipe da casa. Apesar da vitória, o Londrina se despede da Copa do Brasil, já que perdeu o primeiro jogo em Salvador por 4 a 0.

#COPA DO BRASIL
Por @danielmunizs

PRÉ-JOGO: Uma semana depois da goleada do jogo de ida, o Londrina retornava a campo com um novo, mas velho conhecido da torcida no comando técnico. Alemão, que foi o treinador do Tubarão no Paranaense, reassumiu a vaga após a saída de Roberto Fonseca, que pediu demissão no último sábado. Para tentar reverter o placar do primeiro jogo (4 a 0 para o Bahia), Alemão apostava na volta Felipe, na lateral esquerda, do zagueiro Silvio e de Marcelinho no ataque. O Tricolor de Aço, comandado por Roger Machado, esperava repetir a boa atuação do jogo anterior e carimbar a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil.

O EMBATE: O torcedor alviceleste que foi ao Estádio do Café nesta quinta (25) demonstrou entusiasmo antes da partida começar, apesar do revés no jogo de ida. E o Londrina também mostrou empolgação e pressionou incessantemente o Bahia nos minutos iniciais, resultando no gol de Anderson Oliveira no primeiro minuto de jogo. Anderson Leite aproveitou o erro de Paulinho, roubou a bola, avançou pela direita e bateu cruzado. O chute acabou virando um cruzamento e encontrou Anderson Oliveira, que completou de chapa com a perna a esquerda para inaugurar o marcador.

O Tricolor respondeu com Artur Victor aos três minutos. O ponta recebeu a bola de Eric Ramires e finalizou forte de perna canhota, mas Matheus Albino, goleiro alviceleste, fez a defesa em dois tempos. O Tubarão continuava a pressionar e tentar as jogadas pelos lados de campo. O Bahia também procurava a velocidade dos pontas, procurando as jogadas de Artur Victor, que era a válvula de escape da equipe visitante.


Aos 20, Arthur Caíke cobrou falta de perna direita e fez o goleiro do Londrina pular no canto esquerdo e espalmar a bola. Dois minutos depois, Fernandão, centroavante do Tricolor, empatou a partida. O atacante aproveitou a falha no recuo de Germano, roubou a bola, entrou na área e bateu rasteiro no canto direito. Após o gol de empate, o Tricolor passou a se impor no jogo e controlar a posse de bola. A equipe baiana trocava passes com mais tranquilidade e chegava ao ataque com mais perigo. Aos 25, Douglas Augusto tentou a finalização de fora da área, mas Matheus Albino, mais uma vez, fez a defesa.

No minuto 33, Marcelinho tocou para Dagoberto que, da ponta direita, entrou na área e foi derrubado por Artur Victor. O árbitro da partida não teve dúvidas e assinalou a penalidade máxima. O próprio Dagoberto cobrou rasteiro no canto esquerdo e colocou o Londrina na frente mais uma vez. Alemão, treinador da equipe mandante, voltou para o intervalo com Diego Gonçalves na vaga de Marcelinho e avançou a equipe, pressionando mais uma vez o adversário. Apesar do controle da partida, o Tubarão tinha dificuldades em criar chances de gol, esbarrando na defesa da equipe baiana, composta por Xandão e Ernando.

Aos 14 minutos, em cobrança de falta no lado direito, Dagoberto finalizou no ângulo do mesmo lado, mas Anderson, goleiro rival, pulou para afastar o perigo. O Bahia tentou pressionar o Londrina nos minutos iniciais da segunda etapa, mas, quando recuperava a bola, tinha dificuldades em controlar o meio do campo e logo o Tubarão voltava a ter a posse. Apesar do domínio, o Londrina não conseguiu criar oportunidades de gols e chegou com perigo apenas mais uma vez no segundo tempo. Luquinha, aos 45 minutos, cobrou falta no lado esquerdo. A bola pegou efeito e quase enganou Anderson, que conseguiu espalmar pra fora, evitando o gol alviceleste e consolidando a classificação do Bahia.

PRÓXIMA PARTIDA: O Londrina vai até Maceió, no Alagoas, para enfrentar o CRB neste domingo (28), às 16 horas, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro Série B. No mesmo dia e horário, o Bahia recebe o Corinthians na Arena Fonte Nova pela jornada de estreia do Campeonato Brasileiro Série A deste ano. Pela Copa do Brasil, o Tricolor irá conhecer seu adversário nas oitavas de final em sorteio.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

LONDRINA: 1. Matheus Albino; 2. Raí Ramos, 3. Augusto, 4. Silvio, 6. Felipe Vieira; 5. Anderson Leite, 8. Germano (19. Arthur Caculé), 9. Luquinha; 7. Anderson Oliveira, 11. Marcelinho (20. Diego Gonçalves), 10. Dagoberto (21. Safira). Tec.  Alemão

BAHIA: 33. Anderson; 2. Nino Paraíba, 14. Ernando, 44. Xandão, 14. Paulinho; 26. Gregore, 18. Douglas Augusto, 10. Eric Ramires (5. Flávio); 98. Artur Victor, 77. Arthur Caíke (27. Shaylon), 20. Fernandão (9. Gilberto). Tec. Roger Machado

FICHA TÉCNICA – LONDRINA 2 X 1 BAHIA XXXXXXXXXX

GOLS: Anderson Oliveira, no 1º minuto do 1º tempo e Dagoberto aos 35 (Londrina) Fernandão, aos 22 minutos do 1º tempo (Bahia)
CA:  Raí Ramos, Germano e Safira (Londrina) Nino Paraíba, Xandão, Gregore e Gilberto (Bahia)
ÁRBITRO: Emerson de Almeida Ferreira
ASSISTENTES: Celso Luiz da Silva e Ricardo Junio de Souza
LOCAL: Estádio do Café, em Londrina
PÚBLICO/RENDA: 922 pessoas para uma renda de R$ 21.255,00

APOIE O PROJETO DRAP - Com o seu apoio, a equipe DRAP terá chancela de produzir conteúdos extras e de exclusividade, além de ajudar nos custos os integrantes da equipe, com transporte e entre outros. Conheça a nossa campanha de apoio colaborativo na @catarse - http://catarse.me/drap

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.