PROPAGANDA

Agradecimento aos leitores/Seguidores


A palavra trabalho foi o que resumiu a temporada de 2018 do site Do Rico ao Pobre, a quinta dos laranjinhas. Ou seja, foram muitos jogos em que acompanhamos de perto e também conseguimos apurar as principais informações. Ano que também batemos o nosso recorde em quantidade de números de campeonatos em que cobrimos in loco. Desde a torneio continental até o amador e com a mesma essência. Por isso, afirmamos que passou mais um ano e aprendemos mais durante os 12 meses. Sempre com o intuito de proliferar as notícias dos certames. Resta a nossa equipe agradecer os seguidores/leitores por alimentar ainda mais este projeto. "Do Rico ao Pobre, o futebol sem divisão”.

#OPINIÃO
Equipe Do Rico ao Pobre

O ano de 2018 foi recheado de desafios para a equipe do site Do Rico ao Pobre, pois nesta temporada foram 20 campeonatos em que acompanhamos. Dentre eles, alguns o time DRAP realizou pela primeira vez a cobertura. Além disso, idealizamos a ideia de seguir com algumas sedes no estado do Paraná. Em um primeiro momento, temos equipes em Londrina, Guarapuava e em Ponta Grossa. Em 2019 podemos expandir esse cenário – em fase de planejamento. Ou seja, devido a isso, batemos o nosso recorde em número de partidas que tiveram cobertura DRAP no ano de 2018.

No futebol profissional, acompanhamos o Campeonato Paranaense, em que o escrete do Atlético levantou o caneco diante o Coritiba, com a equipe sub23. Estivemos também na Divisão de Acesso do Campeonato Paranaense, em que o time do Operário ganhou com sobra em relação aos concorrentes. Fechando o cenário estadual, o triunfo do Nacional de Rolândia na Terceira Divisão do certame estadual. No cenário nacional, realizamos a cobertura do Campeonato Brasileiro Série A, B e C, que teve o Operário como campeão. Além disso, a Copa do Brasil e a Copa Sul-América, que foi o encerramento da temporada e que teve a conquista inédita do Athletico. A categoria de base foi um ponto importante para o site nesta temporada, pois conseguimos firmar e estabelecer o nosso nome/marca dentre os campeonatos que acompanhamos, em especial o Sub19. Certame que terminou com o Coritiba sendo campeão diante o seu rival, Athletico. Além disso, acompanhamos as finais do Sub15 e sub17, que teve o Coritiba e Verê como campeões, respectivamente. 

No futebol amador, onde é e sempre será o nosso carro chefe, a temporada foi boa. Conseguimos cobrir todos os times do amador de Curitiba e 80% na cidade de Ponta Grossa, onde iniciamos a temporada neste ano. Em Curitiba, no primeiro semestre, acompanhamos o título do Bangu na Copinha e a conquista do Iguaçu, na Taça Paraná. Já no segundo semestre, a equipe DRAP realizou a cobertura em Ponta Grossa, que terminou com o título do América sobre o Metalurgente; Em Curitiba, o time do Trieste encerrou o jejum e venceu a elite do futebol amador de Curitiba depois de cinco anos. Na Divisão de Acesso, o Vila Sandra levantou novamente o caneco. Além disso, em âmbito de futebol amador, realizamos pela primeira vez uma cobertura do Sul-Brasileiro, acompanhando o time do Iguaçu. No Juvenil do amador, Iguaçu e Nacional levantaram o caneco.

Com tudo isso, nós paramos para pensar. Pô, ainda temos tanta coisa para fazer nessa NOSSA passagem pelo futebol Amador, futebol paranaense (profissional) e categoria de base. Sim, não queremos parar agora. As vezes o tempo é o nosso MAIOR inimigo, já que nós temos os nossos compromissos do dia-dia, mas também sabemos que não temos pressa e podemos seguir com os nossos sonhos particulares. Em pouco tempo, já podemos dizer que já que temos algumas experiências neste nicho, embora não pareça. Alguns caminhos feitos em 2018 ficaram nas nossas lembranças. Confiram alguns jogos em que os integrantes do DRAP destacaram na temporada de 2018.


Mesmo assim, de vez em quando colocamos em PAUTA, o porquê de nós estarmos aqui, como paramos? Por onde andamos? e pra quê estamos fazendo isso? Mas não, nós queremos e procuramos a referência para o progresso. Com o tempo vamos ficando calejados e conseguindo forças para evitar interferência no processo/projeto. Estamos no caminho certo. Sim, sucesso, queremos e claro, sem perder a índole. Sentimos cada vez mais ousados e VIVOS. A nossa equipe é motivada por proliferar as informações dos certames em que realizamos cobertura. Sem crise, melhor é aprender. Temos que fazer render e não acumular deslizes. O resto é consequência.

Nossas "pirações" e inspirações nos provoca tantas emoções e nossas razões para nos guardar dos olhares obesos.  Ainda temos fé que o melhor está por vir e queremos comemorar com quem parou para nos ouvir (ainda bem). Por isso, nós do site Do Rico ao Pobre queremos agradecer a todos que acompanharam de alguma forma a nossa informação e aos elogios que recebemos, pois isso só nos faz crescer e querer sempre mais a nossa evolução. E isso é possível com a ajuda de vocês leitores, seguidores e aos nossos colegas da imprensa.


Desejamos boas festas para todos os envolvidos e um próspero ano novo. Voltamos em janeiro, se Deus quiser.

drap
Tecnologia do Blogger.