PROPAGANDA

[JUVENIL] Trieste e Capão Raso ficam no empate no jogo de ida da semifinal


Capão Raso e Trieste empataram em 1 a 1 em confronto válido na primeira partida da semifinal pelo juvenil da divisão de elite do futebol amador de Curitiba, disputada na Arena Vermelha. Pedro Portella marcou nos 45 minutos pela equipe triestina, porém na segunda etapa, Ruan empatou para o tricolor mesmo com um jogador a menos em campo.   

#JUVENIL
PRÉ-JOGO – O Capão Raso classificou-se nas penalidades máximas diante do Operário Pilarzinho para estar nessa fase da competição. Do lado triestino a classificação foi mais tranquila ao vencer o Vila Fanny nos dois jogos das quartas-de-finais. O tricolor de Santa Felicidade tem o melhor ataque do certame, balançou a rede adversária 35 vezes.    
PRIMEIRO TEMPO – O primeiro lance de perigo foi do Trieste, aos 12, quando Portella realizou uma cobrança de falta que deu trabalho para o goleiro Bruno.
Entretanto, o Capão Raso era mais ofensivo e tinha iniciativa das jogadas de ataque nos 20 minutos iniciais, seu diferencial era a velocidade de seus atacantes e trocas de passes eficientes. Além de uma saída de bola qualificada pelo lado esquerdo. Já a equipe triestina tinha uma postura de pouca exposição e explorava o contra-ataque, com um time de atletas mais fortes fisicamente em relação ao adversário.  
Aos 13, o tricolor da zona sul, chegou com o meio-campo Ruan, que disparou firme e abola passou muito perto do gol defendido por Marcos. O tricolor de Santa Felicidade jogava no 3-5-2 e liberava o lateral-direito João Eulálio. A estratégia da equipe triestina funcionou. Aos 23, João Eulálio chutou firme, Bruno bateu roupa, soltando a bola para o meio da área e Portella mandou para o fundo das redes, abrindo o placar para o Trieste.
O Capão Raso só ameaçou com Ruan, aos 31, que arriscou um chute de fora da área, passando muito próximo à trave defendida pelo arqueiro triestino. Aos 39, o Trieste respondeu, após cruzamento pela esquerda, Portella subiu mais que a zaga do Capão, mas cabeceou por cima do gol.

SEGUNDO TEMPO – Na volta do intervalo, a postura do Capão Raso se manteve com um maior volume de jogo. Aos, os mandantes chegaram com perigo. Em lance de escanteio, o zagueiro Jairo pulou mais alto que a defesa triestina e cabeceou firme, a bola foi muito próximo do travessão. Aos 10, o Trieste perdeu uma ótima chance. Mais uma vez, Portella, aproveitou a bobeira da zaga adversária, Bruno saiu da área, e o atacante tocou sutilmente, mas a pelota passou “triscando” a trave e se perdeu na linha de fundo.
Aos 15, o goleiro Bruno é expulso. Em lance ofensivo em que um jogador do Trieste avançava em direção ao gol, o arqueiro do Capão Raso pegou com a mão fora da área. O goleiro reserva Eduardo entrou no lugar do lateral-direito Guilherme. Na cobrança de falta, Sasha carimbou o travessão.  
Aos 29, Ryan bateu uma falta perigosa e a pelota raspou o travessão. Por pouco não igualou o placar. Aos 31, após cobrança de falta, o meio-campo Ruan aproveitou a sobra e fez o gol de empate para o Capão Raso. O jogo ficou intenso até o fim, de muitos lances de briga pela bola no meio campo, mas nenhum lance de grande perigo ocorreu.   
Após o apito final, houve discussão entre os jogadores, comissão técnica das equipes. Um torcedor invadiu o campo mas não houve agressão física. O clima foi tenso durante a saída dos jogadores do Trieste para o vestiário.

PRÓXIMA PARTIDA – A expectativa é de que a próxima partida decisiva será no próximo sábado (17) no Egydio Ricardo Pietrobelli. Se o empate persistir terá decisão nos pênaltis.
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
CAPÃO RASO: 12 Bruno; 2 Guilherme (1 Eduardo), 3 Jairo, 4 Samuel e 6 Ryan;  5 Alex, 7 Lauro, 8 Vinicius, 10 Ruan (16 Thiago) e 11 Alexandre; 9 Matheus (17 Carlos). Técnico: Allan Ferreira

TRIESTE: 1 Marcos; 3 Vitor, 4 Jonathan e 5 Pedro; 2 João Eulálio, 7 Kauan, 8 Diogo, 10 Sasha (17 André) e 6 Guilherme (15 Luiz Conrado); 9 Pedro Portella e 11 João (16 Jean); Técnico: Cesar Molinari.

FICHA TÉCNICA CAPÃO RASO 1x1 TRIESTE XXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Bruno Portella aos 23’ do 1º T (TRI); Ruan aos 31’ do 2º T (CAP).
CA: Alex, Vinicius, Guilherme (CAP); Guilherme (TRI)
CV: Bruno aos 15 do 2ºT (CAP);
ÁRBITRO: Rafael Vinicius Moura De Oliveira
ASSISTENTES: Ryan Chubter Ribeiro (1) e Ivan Carlos Bohn (2)
LOCAL: Arena Vermelha, em Curitiba.
drap
Tecnologia do Blogger.