PROPAGANDA

Iguaçu empata com Novo Mundo, se classifica e reeditará final de 2017


Na tarde deste sábado (24), o Iguaçu empatou com o Novo Mundo em 1 a 1 no estádio Egydio Ricardo Pietrobelli, e se classificou para a final da Suburbana. Baroni, para o Iguaçu e Fernandinho, para o Novo Mundo, foram os autores dos gols. Com o resultado, o alvinegro enfrentará o Trieste na decisão.



#SUBURBANA 2018


PRÉ-JOGO: O Iguaçu vem a campo buscando além da classificação, manter a sua invencibilidade nesta Suburbana. A equipe tirou o Nova Orleans nas quartas e venceu o Novo Mundo por 3 a 0 no jogo de ida desta semifinal. Já a equipe do sul de Curitiba precisa de uma vitória pelo placar mínimo para levar aos pênaltis. Na fase anterior, eliminou o Fanny.

PRIMEIRO TEMPO: O Iguaçu, mesmo com a vantagem da vitória no primeiro jogo, não ficou na defensiva. Foi para cima e abriu o placar com 8 minutos. Baroni pegou de primeira, de fora da área, e bateu no cantinho, sem chances para André, que se esticou, mas não alcançou. Na sequência, o Novo Mundo quase empatou em linda cobrança de falta. Nilvano cobrou da intermediária, no lado esquerdo, à meia altura e a bola tocou nas duas traves antes de sair.

Com a vitória parcial, o Iguaçu passou a controlar a partida e jogar tranquilamente.  Já o Novo Mundo contestava as decisões da arbitragem, e isto rendeu dois cartões amarelos à equipe. A equipe visitante até chegou a balançar as redes aos 43 minutos, com Negueba, mas o arbitro assinalou impedimento do jogador.


SEGUNDO TEMPO: Logo no primeiro lance do segundo tempo, o Iguaçu desperdiçou grande chance de ampliar. Alex Pinhais tentou tocar duas vezes para Baroni, que vinha em velocidade, livre. Conseguiu fazer a bola passar na segunda tentativa, mas o camisa 10 acabou sendo enganado pelo morro de areia e pegou mal na bola. Aos 19 minutos, o Novo Mundo fez o gol que deu um ar de esperança ao time. Após escanteio curto, Fernandinho adentrou a área, limpou a marcação e bateu no alto, sem chances para Filipe.

Após o gol, o Iguaçu ficou nervoso, não conseguia sair do campo defensivo e abusava dos erros de passe. A equipe visitante seguia no ataque e quase virou com Jhow, que arriscou de fora do área mas acertou a trave. Nos minutos finais, a tensão tomou conta e o Novo Mundo ia desesperadamente ao ataque em busca do gol que levaria a decisão aos pênaltis, mas o esforço não foi o suficiente e o Iguaçu disputará novamente a final.


PRÓXIMA PARTIDA: O Iguaçu fará a reedição da final da Suburbana de 2017, contra o Trieste. A partida acontecerá no próximo sábado (01).

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

IGUAÇU: 1- Filipe; 2- Tonton (13- Neto); 3- Emerson; 4- Aderaldo; 6- Bruninho (17- Emanuel; 5- Helton; 8- Léo Gago (14- Douglas); 7- Russo; 10- Baroni; 9- Feijão; 11- Alex Pinhais (19- Cleiton); Técnico: Luisinho Netto

NOVO MUNDO: 1- André; 3- Fabrício; 4- Betinho; 6- Gean (18- Rogério); 2- Alex (16- Guilherme); 5- Vermelho; 8- Jhow; 11- Caio; 10- Nilvano; 7- Negueba (17- Fernandinho); 9- Murilo; Técnico: Altevir Salles

FICHA TÉCNICA – IGUAÇU 1 X 1 NOVO MUNDO XXXXXXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Baroni aos 8’ do 1°T (Iguaçu); Fernandinho aos 19’ do 2°T (Novo Mundo).
CA: Nilvano, André, Alex, Caio, Fabrício (Novo Mundo); Helton, Neto (Iguaçu).
CV: Betinho (Novo Mundo).
ARBITRAGEM: Murilo Ogolini Klein
ASSISTENTES: Daniel Cotrim de Carvalho (1) e Roberto Rivelino dos Santos Júnior (2).
LOCAL: Estádio Egydio Ricardo Pietrobelli, Curitiba

ENTREVISTAS XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


drap
Tecnologia do Blogger.