PROPAGANDA

Dagoberto marca e Londrina vence o São Bento no Estádio do Café

Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube 
O Londrina derrotou o São Bento por 2 a 1 no último sábado (13), no Estádio do Café, em confronto válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B de 2018. O Tubarão foi superior na primeira etapa, quando Felipe Marques e Dagoberto, vice-artilheiro do campeonato com 13 gols, marcaram. Em um segundo tempo mais equilibrado, o São Bento descontou com Tony, mas foi incapaz de conseguir o empate. O resultado deixa o Londrina em 8º lugar com 44 pontos, seis de distância do G-4. Já o São Bento permanece em 14º com 7 pontos a mais que o CRB, que abre o Z-4.


#SÉRIE B
Por @danielmunizs

PRÉ-JOGO: O Londrina chegou de cinco jogos sem perder mas, nas últimas duas rodadas, foram dois empates sem gols e, para um clube que ainda almeja o acesso à Série A, uma vitória em casa diante o São Bento foi crucial. Dagoberto, artilheiro e agora recuperado de lesão, foi a aposta para o Tubarão voltar a balançar as redes. O São Bento veio ao Paraná almejando se distanciar do Z-4 e se aproximar do G-4. O momento do time comandado por Marquinhos Santos, que passou pelo Tubarão neste ano, é bom: apenas uma derrota, para o líder Fortaleza, nas sete últimas partidas.
                                                                                          
O EMBATE: O duelo começou com o São Bento pressionando o Londrina em seu campo de defesa. Acuado, o Tubarão não conseguiu sair jogando e buscou escapar com lançamentos para os pontas, que também tiveram dificuldades em passar pela marcação forte dos laterais adversários. Entretanto, o São Bento não aproveitou os erros da defesa alviceleste e falhou em criar em chances de gol. Passado a pressão inicial, o Londrina encontrou espaços entre as linhas adversárias e passou a trazer perigo ao Azulão. Aos 13 minutos, o Tubarão abriu o placar. Dagoberto cobrou escanteio fechado e Rodrigo Viana, goleiro do São Bento, espalmou. Na sobra, Felipe Marques chutou forte e rasteiro para fazer o primeiro gol da noite.

Apesar da desvantagem no marcador, o time visitante não se intimidou e voltou a pressionar o adversário. Apesar da movimentação entre Roni e Samuel Santos, que inverteram as posições, o Azulão pecou na hora de concluir as jogadas. O lance mais perigoso do São Bento na primeira etapa foi aos 27 minutos. Em contra-ataque, Samuel Santos avançou pela direita e cruzou para a pequena área, mas Francis não alcançou a bola. Cometendo muitas faltas para impedir o avanço do adversário, o Londrina diminuiu o ritmo da partida e passou a explorar os espaços deixados nas laterais do campo. Aos 39 minutos, Felipe Marques recebeu lançamento na esquerda, cortou para o meio e arriscou uma finalização, mas Rodrigo Viana, em dois tempos, conseguiu fazer a defesa.

Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube 
E já no início do tempo complementar o Tubarão chegou ao segundo gol. Higor Leite cobrou escanteio e Tony impediu Lucas Costa. O árbitro não teve dúvidas e assinalou o pênalti. Na cobrança, Dagoberto cobrou à meia altura, no canto esquerdo, e balançou as redes. Apesar do segundo gol sofrido no fim da primeira etapa, o Azulão voltou motivado no segundo tempo e voltou a pressionar a equipe mandante. Logo aos 5 minutos o São Bento teve uma chance perigosa. Tony, lateral, cruzou da ponta direita e Francis, na segunda trave, chutou para fora. No minuto 13, Francis fez boa jogada pela esquerda e cruzou na pequena área. A bola encontrou Cléo Silva, que tinha acabado de entrar, mas o atacante finalizou mal e Alan fez a defesa. O time visitante cresceu no jogo e passou a dominar o adversário, que não conseguiu explorar as jogadas de Dagoberto, marcado por Anderson Salles e Luizão.

E, aos 21 minutos, o São Bento descontou. Marcelo Cordeiro cruzou da esquerda e Alan não conseguiu segurar a bola. No rebote, a bola sobrou para Tony, que apareceu na segunda trave e estufou as redes. Quando conseguiu escapar da marcação, Dagoberto teve a chance de fazer o terceiro gol do Tubarão. Aos 26 minutos, Felipe Marques driblou pelo meio e lançou para Paulinho Moccelin, que cruzou rasteiro. Dagoberto finalizou dentro da pequena área, mas Rodrigo Viana conseguiu fazer um milagre e evitar mais um gol alviceleste.

Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube 
Com muitas dificuldades em segurar o avanço dos laterais adversários, o Londrina se segurou na defesa. Aos 35 minutos, Marcelo Cordeiro cobrou falta na segunda trave e Luizão, de carrinho, chutou para fora. Já nos acréscimos, as duas equipes tiveram chance de marcarem mais um gol. Aos 47, Felipe Marques arrancou pela esquerda em contra-ataque alviceleste, entrou na área adversária e chutou rasteiro no canto direito, mas Rodrigo Viana, mais uma vez, conseguiu fazer a defesa. Um minuto depois foi a vez do arqueiro londrinense salvar o dia. Tony cruzou para Francis que cabeceou rasteiro no canto esquerdo de Alan. No reflexo, o goleiro do Londrina fez boa defesa e garantiu a quarta vitória do Tubarão em seis rodadas, deixando o clube a seis pontos do G-4.

PRÓXIMA PARTIDA: O São Bento retorna a Sorocaba, em São Paulo, e recebe o Criciúma na sexta-feira (19), 20h30. O Londrina viaja ao Maranhão para enfrentar o Sampaio Corrêa, no sábado (20), às 21 horas.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

LONDRINA: 1. Alan; 2. Lucas Ramon, 3. Dirceu, 4. Lucas Costa, 6. Sávio; 5. João Paulo, 8. Jardel, 11. Higor Leite (22. Dudu); 7. Paulinho Moccelin (21. Thiago Ribeiro), 9. Felipe Marques, 10. Dagoberto (19. Carlos Henrique). TEC: Roberto Fonseca.

SÃO BENTO: 1. Jefferson; 2. Tony, 3. Luizão, 4. Anderson Salles, 6. Marcelo Cordeiro; 5. Fábio Bahia (19. Zezinho), 8. Dudu Vieira, 7. Samuel Santos; 11. Francis, 9. Gabriel Vasconcelos (16. Celsinho), 10. Roni (18. Cléo Silva). TEC: Marquinhos Santos.

FICHA TÉCNICA – LONDRINA 2 X 1 SÃO BENTO XXXXXXXXXX

GOLS:  Felipe Marques, aos 13 minutos do 1º tempo e Dagoberto, aos 47 minutos do 1º tempo (Londrina) | Tony (São Bento), aos 21 minutos do 2º tempo
CA: Dagoberto, Dirceu e Paulinho Moccelin (Londrina) | Anderson Salles, Francis e Henal, do banco de reservas (São Bento)
CV: Éverton Silva, do banco de reservas (São Bento)
ÁRBITRO: Alinor Silva da Paixão
ASSISTENTES: Fábio Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando
LOCAL: Estádio do Café, em Londrina
PÚBLICO TOTAL: 1295 pessoas. | RENDA: R$16.288,00

drap
Tecnologia do Blogger.