PROPAGANDA

[ASPIRANTES] Coritiba é derrotado pelo São Paulo e fica mais distante da final do Brasileiro

Foto: Evandro Tosin/Agência DRAP
Coritiba e São Paulo iniciaram na tarde desta segunda (29) a disputa por uma vaga na semifinal do Brasileirão de Aspirantes. O embate disputado no EcoEstádio, começou com o Tricolor em cima, abrindo o placar com Geovane. Atrás no placar, o Coxa ficou muito nervoso e não conseguiu acertar suas jogadas. Aproveitando o nervosismo do adversário, o escrete do Morumbi ampliou o marcador com Pedro Bortoluzo e Gabiga, construindo o placar de 3 a 0. 

#ASPIRANTES
Por @gabrielsawaf

PRÉ-JOGO: Após passar na bacia das almas pela segunda fase, o Coritiba recebeu o São Paulo na abertura das semifinais do Brasileirão de Aspirantes. O jogo aconteceu no EcoEstádio por conta do show que aconteceu no último sábado (27) no Couto Pereira, que ainda não está apto para receber jogos. Para o início do duelo de 180 minutos, o Coxa veio com três alterações em relação ao time que venceu a Chapecoense: a entrada de Anderson no lugar de Julio Rusch, no meio, e no ataque a entrada de Luizinho e Alvarenga nas vagas de Thiago Lopes e Alvarenga. 

PRIMEIRO TEMPO: A partida começou com o  São Paulo fechando os espaços do Coritiba. Na primeira oportunidade que o Tricolor teve, foi fatal. Oliveira lançou Geovane na área, o atacante girou sobre Romércio e chutou para abrir o placar. Atrás no marcador, o Coxa teve que forçar mais o seu jogo. Aos 15' teve sua primeira grande, após Yan Rodrigues lançar Pablo Thomaz na área e o atacante sair na cara de Perri, que fez grande defesa.

O Verdão seguiu mais em cima e quase empatou na bola parada. Aos 22' Matheus Bueno cobrou falta da intermediária e a bola passou perto do ângulo. Só que o Coxa se mostrou muito nervoso e não conseguia assustar mais os visitantes, errando muitos passes. O São Paulo começou a controlar o jogo e seguiu assim até o intervalo: fechando os espaços do Coritiba e trabalhando bem a bola.

Foto: Evandro Tosin/Agência DRAP
SEGUNDO TEMPO - O São Paulo voltou melhor para a etapa final. Aos cinco minutos Geovane arriscou de fora e Arthur fez defesa segura. O Coxa começou a pressionar mais, subindo usa linha defensiva para atuar de forma mais compacta. Aos dez minutos Luizinho recebeu cruzamento da esquerda e cabeceou para defesa de Perri. Dois minutos depois, o camisa 10 arriscou de fora da área e o goleiro são paulino encaixou. 

Só que aos 20' veio um banho de água fria na reação alviverde. Matheus Bueno perdeu a bola para Vinicius, que arriscou, Arthur não segurou e Geovanieaproveitou o rebote para ficar com a bola e ser derrubado pelo arqueiro. Pênalti, que Pedro Bortoluzo bateu e converteu. Em ampla desvantagem, Mozart foi com tudo para cima, promovendo a entrada de Igor Jesus e Gustavo Índio, ficando com quatro atacantes em campo.

O Verdão pressionava, mas o evidente nervosismo atrapalhava a equipe de ter chances de gol. O São Paulo chegava nos contra ataques e ampliou o placar assim. Aos 41' Gabiga fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Oliveira, que parou em boa defesa de Arthur, mas no rebote Arthur não desperdiçou e fez o terceiro, definindo o placar.

Foto: Evandro Tosin/Agência DRAP
PRÓXIMA PARTIDA: Com a vitória são paulina, o escrete do Morumbi pode perder por até dois gols de diferença no jogo de volta, que está marcado para a próxima segunda (05) em Cotia, que estará classificado. Já para o Verdão só a vitória por três gols de diferença interessa. 

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

CORITIBA: 1 Arthur; 2 Geovane, 3 Romércio (18 Gustavo Índio) e 4 Leo Andrande; 7 Yan Rodrigues, 5 Matheus Bueno, 8 Anderson (15 Matheus Oliveira) (17 Igor Jesus) e 6 Vinicius Araújo; 10 Luizinho, 9 Pablo Thomaz e 11 Alvarenga. Tec.  Mozart.

SÃO PAULO: 1 Perri; 2 Fogueute, 3 Caio Ruan, 4 Rodrigo e 6 Caique; 5 Marcos Júnior, 8 Paulo Henrique e 10 Vinicius (15 Gabiga); 7 Geovane (16 Alisson), 9 Pedro Bortoluzo e 11 Oliveira (18 Ceará). Tec. Marcos Cesar Vizolli

FICHA TÉCNICA – CORITIBA 0 X 3 SÃO PAULO XXXXXXXXXX

GOLS: Geovane aos 7’ do 1º tempo, Pedro Bortoluzo aos 22' do 2ºT e Gabiga aos 41' do 2ºT (São Paulo)
CA: Geovane, Arthur e Matheus Bueno (Coritiba) | Pedro Bortoluzo (São Paulo)
ÁRBITRO: Fabio Filipus. 
ASSISTENTES: Daniel Cotrim de Carvalho (1) e Weber Felipe Silva (2)
LOCAL: EcoEstádio Janguito Malucelli, em Curitiba.
PÚBLICO/RENDA: 219 pessoas/1680 reais. 

ENTREVISTS XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX




Tecnologia do Blogger.