PROPAGANDA

[SUB19] 2ª fase termina com equilíbrio entre equipes da capital e do interior


A 2ª fase do Campeonato Paranaense Sub-19 de 2018 chegou ao fim no último sábado (15). Seis clubes garantiram a continuidade na competição e agora disputam as vagas para semifinais. Uma disputa nos tribunais paralisou o certame e pode alterar os classificados. Confira os classificados à fase seguinte do certame estadual da categoria sub19 de 2018.


#PARANAENSE SUB19
Por @danielmunizs

Após seis jogos disputados na 2ª fase, Atlético Paranaense, Coritiba, Londrina, Maringá FC, Operário e Paraná Clube avançaram à próxima fase do Campeonato Paranaense Sub-19 de 2018.

Entretanto, uma classificação é contestada. O Paraná foi denunciado pela Procuradoria da Justiça Desportiva, no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por escalação irregular. O Tricolor da Vila será julgado nesta quinta-feira (20) pelo Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR). O FC Cascavel entrou como terceiro interessado no processo e, caso o Paraná seja punido e perca pontos, pode assumir a vaga no Grupo H. Sendo assim, a Federação Paranaense suspendeu a primeira rodada da 3ª fase.

Na 3ª fase do Paranaense Sub-19, as seis equipes são divididas em dois grupos com três integrantes. Os dois melhores pontuados de cada grupo avançam às semifinais. Confira os grupos:

Grupo G
Maringá FC - O Maringá surpreendeu e fez uma das melhores campanha da segunda fase. O Tricolor venceu as quatro primeiras partidas e foi o primeiro a garantir a classificação à 3ª fase. O escrete da Cidade-canção terminou a 2ª fase em primeiro do Grupo D com 13 pontos, 4 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 12 gols marcados e 7 gols sofridos. O artilheiro do Maringá é o atacante Léo que balançou as redes nove vezes.

Atlético - O Furacão fez a segunda melhor campanha da 2ª fase e confirmou que é um dos favoritos na disputa pelo título do certame. O Atlético terminou em segundo do Grupo com 15 pontos, 5 vitórias, 1 derrota, 11 gols marcados e 3 gols sofridos. Julian, Bruno Leite e Renan Soares compartilharam a artilharia do Furacão com 5 gols cada.

Operário -  No grupo mais disputado, o Fantasma se classificou à 3ª fase na última rodada, após vencer o Coritiba em casa. O escrete de Ponta Grossa aproveitou a queda de rendimento do Toledo no 2º turno e terminou na segunda colocação do Grupo F. O Operário fez 10 pontos e teve 3 vitórias, 1 empate, 2 derrotas, 7 gols pró e 7 gols contra. Thalles e Petric são os artilheiros do Fantasma com 4 gols cada.


Grupo H
Londrina - O Tubarãozinho faz uma campanha histórica na competição. No geral, dos 20 jogos disputados, o escrete alviceleste venceu 19 e se credenciou como um dos postulantes ao título. O Londrina fechou a 2ª fase como líder do Grupo E com 15 pontos, 5 vitórias, 1 derrota, 14 gols marcados e 4 gols sofridos. O atacante Uelber fez 14 gols e é o vice-artilheiro do Paranaense Sub-19.

Paraná Clube* - O Tricolor da Vila começou a 2ª fase com uma campanha irregular, conquistando apenas uma vitória em quatro partidas. Entretanto, o Paraná se recuperou e carimbou, pelo menos até a decisão nos tribunais, a classificação, terminando como o melhor ataque da 2ª fase. O Paraná foi o vice-líder do Grupo D com 11 pontos, 3 vitórias, 2 empates, 1 derrota, 18 gols marcados e 5 gols sofridos. Rafael Furtado é o artilheiro do Tricolor com 6 gols.

Coritiba - O Coxa conseguiu embalar três vitórias seguidas e se classificou com antecedência à 3ª fase como líder do Grupo F. O Coritiba cresceu na competição e se colocou como um dos favoritos ao título. O clube do Alto da Glória fechou a 2ª fase com 12 pontos, 4 vitórias, 2 derrotas, 13 gols pró e 5 gols contra. Igor Jesus é o artilheiro do time com 9 gols. 


* Até o fechamento da matéria, o julgamento que pode desclassificar o Paraná Clube não havia sido concluído.
drap
Tecnologia do Blogger.