PROPAGANDA

Vila Sandra passa susto na estreia, mas vence por goleada o Vila Hauer


Vila Hauer e Vila Sandra jogaram na tarde de ontem (4) no Estádio Donato Gulin, em Curitiba, para o confronto da primeira rodada da Divisão de Acesso da Suburbana de 2018. A equipe da casa saiu na frente do placar logo no primeiro ataque do jogo. Mas a conversa no intervalo deu resultado para o escrete do Vila Sandra, que entrou de outra forma e conseguiu virar/ampliar o placar em 4 a 1.

#FUTEBOL AMADOR
Por @rafaelbuiar

PRÉ-JOGO: Vila Hauer e Vila Sandra se enfrentaram no primeiro semestre de 2018, já que ambos escretes jogaram a Copa de Futebol de Amador de Curitiba. O embate foi válido pela quarta rodada do certame e terminou no placar de 4 a 1, no mesmo palco da estreia da Divisão de Acesso da Suburbana de 2018. Equipes que terminaram em posições próximas na tábua de classificação. Mesmo brigando até as últimas rodadas na busca pelo título, o alvinegro da Vila Sandra ficou em terceiro. Enquanto que o Vila Hauer ficou na quinta colocação. Ou seja, o confronto teve premissas de jogo “grande’ na primeira rodada do certame.

PRIMEIRO TEMPO: O embate iniciou bem movimentado a favor da equipe do Vila Hauer, que já aos 2’ inaugurou o placar. O time da casa trocou passes no flanco direito, em jogada iniciada por cobrança de lateral e Marcelo concluiu forte, abrindo o placar a favor do escrete do Vila Hauer. Pronto, foi o ingrediente para que o jogo ficasse interessante desde o início do jogo. Mesmo um pouco nervoso e com o placar atrás, a equipe Vila Sandra passou a ter mais volume de jogo já com 10’. Enquanto que o Vila Hauer passou a se defender e jogar em velocidade no contra-ataque, com William Ceccon e Marcelo.

Passados dos 15’, o Vila Sandra conseguiu, em jogadas individuais, chegar a meta do arqueiro Diogo. Maranhão, em jogada treinada, recebeu de Mineiro no flanco esquerdo, desceu em diagonal com direção ao gol e ao chegar próximo da balisa, arrematou firme. Diogo, bem postado, defendeu e afastou o perigo. O lance motivou a equipe visitante e a pressão continuou. Ou seja, o escrete do Vila Hauer passou a ter dificuldades, quando teve a posse de bola, com a criação de jogada. Por isso, o embate passou a ficar concentrado no setor de meio de campo.

Nos minutos finais, com mais volume de jogo, o Vila Sandra voltou a demonstrar o nervosismo por não refletir em gol a posse de bola. Com isso, os arremates de longa distâncias aconteceram com frequência. Maranhão chutou firme do meio da rua, mas o goleiro Diogo defendeu parcialmente e Djhonathan perdeu no rebote a chance de empatar no último minuto da primeira etapa.


SEGUNDO TEMPO: No retorno à etapa complementar, mesmo com o placar a favor, o Vila Hauer realizou alteração. Enquanto que o time do Vila Sandra ficou apenas na orientação de Marquinhos Franco. Antes do jogo mudar, a equipe da casa perdeu William Ceccon aos 4’, lesionado. Um dos jogadores que deu trabalho no sistema defensivo do Vila Sandra. A partir da lesão, o time do Vila Sandra melhorou e já deu trabalho para o goleiro Diogo. Aos 7’, Giovane arrematou firme na entrada da área e quase surpreendeu o arqueiro do Vila Hauer. Na sequência, a história foi outra. Robinho recebe de Caíque e lançou para Maranhão. A bola estava indo em direção às mãos de Diogo, mas o quique da bola o enganou e caiu na medida para o camisa 11 do Vila Sandra, que acreditou e empatoi a partida aos 9’ do segundo tempo.

Não deu outra, o gol animou os visitantes, que no minuto seguinte chegou a virar o placar. No flanco esquerdo, em troca de passes de Caíque e Maranhão, acabou em cruzamento na medida para o Djhonathan, que aproveitou e concluiu firme na meta do goleiro Diogo, aos 10’.  A virada deu tranquilidade para o time do Vila Sandra, que a partir dos gols passou a ter mais controle da partida, jogando o nervosismo para a equipe adversária. Percebendo isso, o treinador Kochan fez novamente alterações em sua equipe.


As alterações deram resultado a equipe do Vila Hauer, que passou a ter mais volume de jogo, principalmente com Wagner. Mas do outro lado, o sistema defensivo do Vila Sandra soube suportar a pressão e não titubeou. Conseguiu travar as jogadas.  Devido a isso, o embate ficou com o número grande de faltas. Mesmo assim, a equipe do Vila Sandra aproveitou e conseguiu ampliar o placar aos 32’. Em jogada iniciada por Marcus, a bola chegou em Djhonathan, que só deu um leve toque e encobriu Diogo, que não evitou o terceiro gol do Vila Sandra.

O terceiro gol foi um balde de água de fria para a equipe do Vila Hauer, que após disso não conseguiu mais avançar a meta de Ari. Com isso, o time do Vila Sandra amorcegou o embate até os minutos finais e mesmo assim, conseguiu ampliar o marcador aos 42’, com Maranhão. Em ótima trama de Robinho, Adriano e Bambu, o camisa 11 do Vila Sandra finalizou e deu números finais no Estádio Donato Gulin, em 4 a 1 para o alvinegro da Vila Sandra.


PRÓXIMA PARTIDA: O time do Vila Sandra irá enfrentar o escrete do Bangú, no Estádio Osório Claudino de Barros. O time do Bangú empatou na primeira rodada diante o Olímpico. Já o time do Vila Huaer irá desafiar o Sergipe, no Estádio Parque Linear. O time do Sergipe perdeu na primeira rodada pelo placar de 3 a 1 para o São Braz.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

VILA HAUER:  1 Diogo; 2 Valdik, 3 Italiano, 4 Batata e 6 Vagner (Jé); 5 Campina (14 Juvenil), 8 Xuxa (19 Trindade), 7 Camilo (17 Maninho) e 10 Teixeira; 11 William Ceccon (18 Wagner) e 9 Marcelo (20 Diego). Tec. João Paulo Kochan

VILA SANDRA: 1 Ari; 2 Robinho, 3 Thiago, 4 Celso e 6 Adson (15 Natan); 5 Guilherme (18 Jonatan), 7 Mineiro (17 Marcos), 8 Geovani (14 Adriano) e 10 Caíque; 11 Maranhão e 9 Djhonathan (19 Bambu). Tec. Marquinhos Franco

FICHA TÉCNICA – VILA HAUER 1 X 4 VILA SANDRA XXXXXXX

GOLS: Marcelo aos 2’ do 1º tempo (Vila Hauer) | Maranhão aos 9’ e 45' do 2º tempo e Djhonathan aos 10’ e 32’ do 2º tempo (Vila Sandra)
CA: Campina, Diego, Valdik (Vila Hauer) | Mineiro (Vila Sandra)
ÁRBITRO: Diego Henrique Bueno Paschoal
ASSISTENTES: Luis Henrique Campanhoni e Thiago Henrique da Silva
LOCAL: Estádio Donato Gulin, em Curitiba

REPORTAGEM XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX



drap
Tecnologia do Blogger.