PROPAGANDA

[ASPIRANTES] Coritiba perde para o Vitória e também a invencibilidade no Couto Pereira


Na tarde desta terça-feira (7), o Coritiba foi derrotado pelo Vitória no placar de 1 a 0, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. A partida foi válida pela 6° rodada do Campeonato Brasileiro de Aspirantes de 2018. O jogo teve um primeiro tempo morno, onde os goleiros pouco trabalharam. A segunda etapa foi  diferente e bastatne movimentada. Etapa que Júnior fez o único gol e que deu a vitória ao rubro-negro baiano. Com o resultado, o leão assume a segunda colocação do grupo B, e mesmo com a derrota, o Coritiba segue na liderança do A.

#ASPIRANTES
Por Lucas Ravel

PRÉ-JOGO: Duelo que reuniu duas equipes que estão na parte de cima de seus respectivos grupos – o Coritiba entrou como líder do grupo B e o Vitória como o terceiro do grupo A. Ambas equipes chegaram para este confronto com duas vitórias seguidas, sendo que o Vitória venceu na última partida o Bahia por 2 a 1.

PRIMEIRO TEMPO: A primeira oportunidade de perigo do jogo aconteceu dos pés de Abner. O lateral esquerdo partiu em velocidade e arriscou de fora da área, no canto. Mas Caíque espalmou. O alviverde foi compacto quando se defendeu e não deixou espaços para o adversário. No ataque, buscou sair em velocidade. Já o leão baiano teve a posse de bola, mas pecou no último terço do campo. Até o fim da primeira etapa, o jogo seguiu morno e os goleiros pouco trabalharam. As finalizações não foram em direção e aconteceu muitos erros de passe, o que contribuiu para que a partida fosse fraca tecnicamente.


SEGUNDO TEMPO: O time da casa iniciou a segunda etapa no ataque. Logo aos 5 minutos, Romeu cobrou falta no canto esquerdo, mas Caíque defendeu novamente. O time rubro-negro respondeu no minuto seguinte e abriu o placar. Após boa troca de passes, Júnior recebeu no lado direito da área e tocou na saída do goleiro Samuel. O Vitória seguiu tendo as melhores oportunidades. Aos 15 minutos, Eron chutou fraco, mas Samuel deu rebote e Júnior, com o gol livre, isolou a bola.

Júnior seguiu sendo o jogador mais perigoso da equipe baiana. O camisa 11, aos 16 minutos, chutou colocado de fora da área, mas acertou a trave. No lance seguinte, quem teve a oportunidade de marcar foi Eron. O atacante apareceu na direita e finalizou cruzado para Samuel defender. As finalizações de longe do Vitória sempre trouxeram perigo. Desta vez, Alex Cruz arriscou, mas a bola foi por cima do gol. O Coritiba respondeu em cabeceio de Willian Nascimento, mas também sem direção. As mudanças de Mozart na etapa final não surtiram efeito e a equipe coxa-branca pouco criou para conseguir empatar a partida. Sendo assim, o placar terminou em 1 a 0 para o escrete do Vitória.


PRÓXIMA PARTIDA: O Coritiba enfrentará o Grêmio, na próxima terça-feira (14), no Couto Pereira, às 14 horas. Já o Vitória jogará um dia depois (15), às 17 horas, no Barradão, contra o Internacional.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXX

CORITIBA: 1- Samuel; 2- Romeu (15- Kazu); 3- Léo Andrade; 4- Vinícius Araújo; 6- Abner (17- Igor Jesus); 5- Gladstones (16- Anderson Carvalho); 8- Matheus Bueno; 11- Nathan; 10- Kady (20- Talysson Lalau); 7- Willian Nascimento; 9- Pablo Thomaz; Técnico: Mozart

VITÓRIA: 1- Caíque; 2- Marcelinho; 3- Léo Xavier; 4- Lucas Ribeiro; 5­- Léo Ceará; 6- Mateus; 7- Alex Cruz (17- Farinha); 8- Nickson (16- Ruan Potó); 9- Eron (20- Cléber); 10- Jhemerson (14- Feliphe); 11- Júnior (19- Flávio); Técnico: João Burse

FICHA TÉCNICA: CORITIBA 0 X 1 VITÓRIA XXXXXXXXXXX

Gol:
Júnior (6’ do 2°T) [Vitória]
Cartões amarelos: Gladstones (Coritiba) Léo Xavier, Eron (Vitória)
Árbitro: Leonardo Ferreira Lima
Assistentes: Jefferson Silva e João Brischiliari
Local: Estádio Couto Pereira, Curitiba.
Público Total: 114 pessoas | Renda: R$ 910,00

ENTREVISTAS XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


drap
Tecnologia do Blogger.