PROPAGANDA

[SUB 19] São Joseense faz 8 x 0 no GRECAL e reencontra a vitória no Paranaense

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
Na tarde desta terça (03) o São Joseense recebeu o GRECAL no Estádio do Pinhão, precisando encerrar o jejum de cinco jogos sem vitória e poder voltar a sonhar com a classificação. Com grande atuação de Ruan, que marcou quatro gols, o Tricolor venceu por 8 x 0 e renovou suas esperanças de passar de fase.

#SUB19
Por Gabriel Sawaf

PRÉ-JOGO – Em um dia cinza em São José dos Pinhais o São Joseense recebeu o GRECAL ainda tentando sonhar. A equipe da casa chegou ao duelo com apenas uma vitória, justamente contra o escrete de Campo Largo, e qualquer resultado fora um triunfo eliminaria o Tricolor. Já os visitantes chegavam motivados da boa atuação contra o Operário para buscar seus primeiros pontos no torneio.

O EMBATE – Os primeiros minutos do confronto foram marcados por uma marcação mais em cima do GRECAL. Com isto o time da casa encontrava mais espaço quando conseguia subir. Logo aos dois minutos Jean chutou de fora da área é a bola passou perto da trave de Aranha. O São Joseense pressionou mais os visitantes e conseguiu ficar mais no campo de ataque. Aos dez minutos foi falta. Erick aproveitou sobra de cruzamento e chutou firme, marcando um belo gol e abrindo o placar.

Atrás no placar, o GRECAL se saiu mais para buscar o empate. Aos 16 minutos teve uma grande chance, quando Rocha amorteceu cruzamento na área para Didico, que chutou rasteiro à direita do gol. O time de Campo Largo seguiu apertando os mandantes, tentando se aproximar do seu gol. Só que quem foi eficiente foi o Tricolor. Aos 24 minutos Ruan aproveitou jogada ensaiada de falta e estufou as redes de Aranha, ampliando o marcador. Mesmo ficando menos com a bola, o time de São José levava muito perigo quando chegava. Aos 30’ Faísca cruzou da direita na cabeça de Erick, que testou para fora.

As coisas ficaram mais complicadas para o GRECAL aos 39 minutos. O árbitro viu uma agressão de Willians em Faísca e expulsou o lateral esquerdo do escrete de Campo Largo. Os donos da casa aproveitaram a superioridade numérica para fazer mais. Faísca cruzou mais uma da direita na cabeça de Ruan, que testou no canto de Aranha, fazendo seu segundo gol e o terceiro do São Joseense.

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
O São Joseense continuou a mil na etapa complementar. Logo aos dois minutos Caproni chutou de longe e conseguiu fazer o quarto gol. Os mandantes ainda tiveram chegadas logo depois, com Erick e Bruno, que pararam em Aranaha. O Tricolor seguiu pressionando, buscando saldo, e fazendo muitas alterações. Aos 19’ Luan arriscou de longe e a bola explodiu no travessão.

Ruan estava querendo fazer o seu terceiro gol e aos 23’ deu chutaço no travessão. No lance seguinte o atacante não foi fominha e ajeitou a bola para Luan, que invadiu a área e marcou o quinto. Não demorou muito para que o sexto saísse. Juan fez boa jogada pela direita e cruzou para Ruan fazer o seu terceiro gol no jogo. O time da casa perdeu chances de ampliar, com Juan, Luan e Ruan, que pararam em Aranha. A chance mais clara veio aos 35’, quando Ruan fez boa jogada pela esquerda, invadiu área, tocou para Cunha que, na entrada da pequena área, chutou na trave. Só que no minuto seguinte os papéis se inverteram, e o camisa 9 recebeu do camisa 20 na entrada da área e não desperdiçou, marcando o sétimo.

A pressão ofensiva não tinha fim. Aos 39’ Ruan recebeu na área e chutou para boa defesa de Aranha, só que o rebote ficou nos pés de Cunha, que marcou o oitavo gol do jogo. O camisa 9 ainda teve mais uma chance aos 44’, quando Juan foi travado pela defesa e a bola sobrou para o atacante, que chutou para fora. Logo em seguida fim de jogo, 8 x 0 para o time da casa.

PRÓXIMA RODADA: As duas equipes voltam ao campo para pegar times do trio de ferro. Na sexta (06) o São Joseense encara o Paraná Clube na Vila Olímpica. Já o GRECAL recebe o Atlético no Atilio Gionedis, na tarde do sábado (07).

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
SÃO JOSEENSE: O Tricolor de São José dos Pinhais soube se postar bem em campo na primeira etapa, quando não ficou mais com a bola, mas foi decisivo nas vezes que teve suas oportunidades. No segundo tempo, com um a mais, o São Joseense apertou e foi em busca de saldo, atacando com seus 10 jogadores de linha no campo de ataque. Além disto, a comissão técnica aproveitou para rodar seus jogadores, fazendo todas as suas alterações e testando vários jogadores.

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
FIQUE DE OLHO – Ruan: O camisa 9 do São Joseense puxou a responsabilidade na primeira etapa, quando o time da casa estava chegando poucas vezes no ataque, fazendo dois gols. Na segunda etapa sua participação só aumentou. Sua referência no ataque foi gigante, fazendo dois gols, dando assistência para um e participando da jogada do outro.  

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
GRECAL: O time de Campo Largo entrou com o propósito de pressionar no campo de ataque, fechando alguns espaços do São Joseense. Ao contrário dos jogos anteriores, o GRECAL conseguiu ficar com a bola, mesmo após sofrer os dois primeiros gols. Só que a expulsão de Willians desestabilizou a equipe, que voltou totalmente perdida na segunda etapa.  

Foto: Cleiton Cruz/Agência DRAP
FIQUE DE OLHO – Didico: O principal destaque do GRECAL na competição mostrou o porque do seu status, principalmente na primeira etapa. Quando seu time estava melhor na partida, o camisa 10 flutuou bem pelo meio de campo, além de ser a principal referência ofensiva do seu escrete.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

SÃO JOSEENSE: 1. Pedro; 2. Faísca (20. Cunha), 3. Luis, 4. Pontes e 6. Wesley (14. Juan); 5. Jean, 7. Caproni (13. Léo), 8. Everton (17. André) e 10. Erick (16. Luan); 9. Ruan e 11. Bruno (18. Brock). Técnico: Maílson Bastos.

GRECAL: 1. Aranha; 2. Cabelinho; 3. Marcelinho, 4. Grings (15. Flamengo) e 6. Willians; 5. Felipão, 7. Thalyson (20. Cabelo), 8. Rocha (21. Bruno Silva) e 10. Didico (16. Golias); 9. Vitão e 11. Ruan (14. Arthur). Técnico: Douglas Mohr.

FICHA TÉCNICA – SÃO JOSEENSE 8 X 0 GRECAL XXXXXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Erick, aos 10’ do 1ºT, Ruan, aos 24’, 43’ do 1ºT, aos 27’ e aos 36’ do 2ºT, Caproni aos 2’, Luan aos 24’ e Cunha, aos 39’ do 2ºT (São Joseense).
CARTÕES AMARELOS: Léo (São Joseense); Grings e Willians (GRECAL).
CARTÃO VERMELHO: Willians (GRECAL).
ARBITRAGEM: Henrique Scaramussa
ASSISTENTES: Giovani Marlus (1) e João Cecatto (2).
LOCAL: Estádio do Pinhão/São José dos Pinhais.

ENTREVISTAS XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


drap
Tecnologia do Blogger.