PROPAGANDA

Bangú, o time destaque do mês de junho


De maneira irreparável, o Bangú conquistou o bicampeonato da Copa de Futebol Amador de Curitiba. Sempre nas cabeças desde o início doa competição, a equipe comandada por Jeferson Silveira seguiu mostrando bom futebol e triunfou nos confrontos diretos fechando o mês de junho como a equipe a ser batida na segunda divisão amadora.

#FIGURINHA DO MÊS
Por @yuricasari

A Copa de Futebol Amador de Curitiba, organizada pela FPF, não é a principal competição do calendário do futebol amador curitibano. Mas ainda assim, tem ganho prestígio nas últimas edições e servido como preparação para o segundo semestre, especialmente para as equipes da Série B da Suburbana. E quem usou bem este laboratório é o Bangú, que faturou o bicampeonato da competição no último mês de julho.

Caracterizado pelo entrosamento e pelo excelente volume de jogo que o meio campo do time produz, o Bangú levou a taça ao vencer os cinco jogos do mês de julho. No dia 2, venceu o Urano por 2 a 1. No dia 9, na primeira grande decisão, derrotou o Palmeirinha por 2 a 0 em um jogo complicado, distante das melhores atuações da equipe.  Naquela partida, o destaque foi o treinador Jeferson, que soube armar um esquema efetivo, mesmo com os desfalques, e soube segurar o adversário. 

Na semana seguinte, outro confronto direto, com o Vila Sandra, fora de casa. O Vila soube neutralizar a meia cancha do Bangú e saiu na frente na primeira etapa. Mas no segundo tempo brilhou a estrela do atacante Adriano Gloneke, que marcou o gol de empate e deu a assistência para o gol da virada, marcado por Joãozinho. Quem também brilhou foi o goleiro Ricardo, que fez importantes defesas que garantiram a vitória.

A partir dali, bastava uma vitória para garantir o título. No dia 23, no Manecão, diante do Nacional, o Bangú saiu de novo atrás do placar, mas com paciência buscou a virada e venceu por 3 a 1, com destaque para Hantson, que marcou de falta, e para Adriano, que mais uma vez foi decisivo e balançou a rede duas vezes.

Fechando o mês, e também encerrando a Copinha, o Bangú venceu o Olímpico por 3 a 1 e enfim pôde receber o merecido troféu, com o artilheiro do time Luizinho marcando duas vezes. Mas junho já fica para trás, e o objetivo agora é a Série B da Suburbana. 
drap
Tecnologia do Blogger.