PROPAGANDA

Operário vence o Volta Redonda fora de casa pela Série C e mantém vice-liderança do Grupo B

Foto: Pedro Borges
O Operário Ferroviário enfrentou o Volta Redonda fora de casa neste sábado (16), no Estádio Raulino de Oliveira, em duelo válido pela 10ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro de 2018. O Fantasma venceu por 1 a 0 a equipe do Volta Redonda e se manteve na segunda colocação do Grupo B. Com o resultado, o Operário chega a 21 pontos na competição, enquanto que a equipe do Volta Redonda continua com 9 pontos e está zona de rebaixamento da tabela.


#SÉRIE C
Por Mariana Santos  
                                                                     
PRÉ-JOGO: As equipes chegaram para a partida com vitória na última rodada da competição, o Operário venceu o Luverdense em casa, por 3 a 2 e com isso ficou na a segunda colocação do Grupo B. A equipe do Volta Redonda venceu o Joiville por 1 a 0 fora de casa e está na nona colocação do grupo. O Fantasma não contou com Cleyson, suspenso após o terceiro cartão amarelo, o técnico Gerson Gusmão optou por colocar Xuxa para começar o duelo, o centroavante Schumacher, suspenso na última partida, retornou ao time titular. O Voltaço não contou com Luiz Gustavo, suspenso pelo terceiro cartão amarelo e Marcelo, que sentiu no aquecimento e foi substituído por João Cleriston.

PRIMEIRO TEMPO: O duelo começou com mais movimentação do Volta Redonda, que apostou no fator casa para se impor na partida. O Operário teve dificuldade de sair jogando e acabou perdendo a bola para o adversário. As primeiras chances foram da equipe da casa, que fez a maioria das jogadas pela lateral esquerda. Logo aos 4’, Bruno Barra chutou forte para gol, mas Simão tirou para escanteio, quase o primeiro do Voltaço.

O Operário sentiu o melhor momento do adversário e subiu a marcação para tentar sair no contra-ataque. O time da casa marcou forte no meio campo e impediu a continuidade das jogadas do Fantasma. Mesmo com mais espaços para contra-atacar, o Operário não deu sequência nas jogadas e facilitou a marcação adversária. Aos 34’, em uma das poucas chances do Fantasma na primeira etapa, Peixoto chegou com perigo na área, mas Ángel tirou para escanteio. Com dificuldade no meio de campo, o Operário passou apostar nas jogadas pelas laterais. A equipe do Volta Redonda seguiu pressionando o Fantasma, que conseguiu antecipar a marcação. Mesmo com mais chances, a equipe da casa não conseguiu concluir a gol as jogadas. Primeira etapa terminou com tudo igual no placar.

Foto: Pedro Borges
SEGUNDO TEMPO: A etapa final iniciou com mais intensidade das duas equipes, com maior movimentação no meio campo. Logo aos 2’, Quirino sofreu pênalti, Robinho foi para cobrança e Douglas defendeu, mas no rebote, o próprio Robinho completou para o gol e abriu o placar para o Operário. Logo na sequência, Robinho recebeu e cruzou na área e o goleiro Douglas impediu o segundo do Fantasma.

Após sofrer o gol, o Volta Redonda passou a pressionar mais no ataque e levou o Operário a rifar as bolas na defesa, facilitando para a equipe da casa iniciar as jogadas novamente. Aos 12’, Rodrigo Andrade bateu falta direta para o gol e Simão fez a defesa, quase o gol de empate. Ao sair para o ataque, a equipe do Voltaço deu muitos espaços para o Operário, Lucas Batatinha recebeu livre, tirou do goleiro, mas bateu para fora, por pouco o segundo do Fantasma não aconteceu.

Com desvantagem no placar, o Volta Redonda se lançou ao ataque e deixou espaços livres para o contra-ataque do Operário. O Fantasma aproveitou esses espaços e chegou à área adversária, mas não conseguiu completar a finalização. Vencendo a partida, o Operário segurou a bola no meio campo e fez o tempo passar. Aos 48’, no último lance, Rodrigo bateu falta na área e Simão ficou com a bola. Final de jogo com vitória do Fantasma fora de casa.

PRÓXIMA PARTIDA: O Fantasma enfrenta o Ypiranga, domingo (24), pela 11ª rodada da Série C, no Germano Krüger. A equipe do Voltaço enfrenta o Cuiabá fora de casa na próxima rodada, sábado (23), na Arena Pantanal.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

VOLTA REDONDA: 31- Douglas, 13-Ángel Martinez, 3-Bruno Costa, 4-Daniel, 5-Bruno Barra, 9-Dija Baiano (19-Núbio), 11-Rodrigo Andrade, 10-Romarinho (17-Rafael Granja), 15-Diego Maia, 16-João Cleriston, 18- Lhullian (7-Anselmo). Téc: Moacir Júnior

OPERÁRIO: 1-Simão, 2-Léo, 3-Alisson, 4-Sosa, 5-Chicão (15-Serginho Paulista), 6-Peixoto, 7- Lucas Batatinha (17-Erick), 8-Índio, 9-Shumacher (22-Quirino), 10-Robinho, 11-Xuxa. Téc: Gérson Gusmão 

FICHA TÉCNICA – VOLTA REDONDA 0 X 1 OPERÁRIO

Gols: Robinho (OFEC)
CA: Sosa, Simão, Erick (OFEC)
Árbitro: Jonathan Antônio Silva
Assistentes: Márcia Bezerra Lopes Caetano (1), Valdebranio da Silva (2)
Local: Estádio Municipal General Raulino de Oliveira, Rio de Janeiro

Público/ Renda: 459/ 1730,00

drap
Tecnologia do Blogger.