PROPAGANDA

Paranavaí não viaja e São Joseense vence por W.O

O time do São Joseense compareceu à partida. Já o Paranavaí... (Foto: Dudu Nobre / Agência DRAP)
Na tarde deste domingo (29) a equipe do Atlético Paranavaí não viajou para a cidade de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, para enfrentar o São Joseense. O jogo deveria ocorrer no Estádio do Pinhão pela penúltima rodada da segunda fase da divisão de acesso. O ACP não teria realizado o deslocamento por falta de pagamento à empresa de ônibus que faria o transporte.

#ACESSO 2018

PRÉ-JOGO - O time da casa precisava de duas vitórias na competição para conquistar o acesso e estar na final da segundona paranaense, contra o Operário. Além disso, ainda necessitava de duas derrotas do Cascavel CR, que também estava lutando pelo acesso. Já a equipe do Paranavaí era lanterna do grupo, e não tinha mais condições de classificação.  

A PARTIDA QUE NÃO OCORREU - O jogo deveria começar às 15:30, mas nada disso aconteceu. A equipe do Paranavaí não apareceu no estádio. O Independente entrou em campo e ficou perfilado, foi executado o hino nacional e do estado do Paraná. O árbitro Robson Toloczko Coutinho declarou o W.O às 16:00 horas em favor da equipe da casa.

De acordo com matéria publicada no Globo Esporte.com, o diretor do clube do noroeste Rodolfo Pontes afirmou que a equipe não viajou por falta de dinheiro para pagamento do transporte e hospedagem do elenco. Com a vitória atribuída ao São Joseense, o clube ganhou três pontos, alcançando sete na tabela, e três gols de saldo, chegando a um positivo. O time segue com chances de classificação, desde que o Cascavel CR perca seus dois compromissos, contra Rolândia e o próprio Paranavaí.

Com essa situação, o escrete do ACP poderá ser punido pela Federação Paranaense de Futebol (FPF), com multa de R$ 25 mil. O vermelhinho continua como lanterna do grupo dois.

Como a bola não rolou, o jeito foi ficar conversando até às quatro da tarde (Foto: Dudu Nobre / Agência DRAP) 
IMPACTO PARA O FUTEBOL PARANAENSE - Os clubes das divisões menores do futebol profissional sofrem por problemas financeiros.  Chegamos a situação em que um time mal consegue pagar o transporte para disputar uma partida em outra cidade. A distância de 551 km entre Paranavaí e São José dos Pinhais é apenas uma das várias viagens que o ACP necessitou fazer durante a temporada, além de outras dificuldades pelo caminho.

Um exemplo foi contra o próprio São Joseense na primeira fase, quando o elenco do ACP teve seus materiais furtados no centro de Curitiba. Outro fato ocorreu em março, quando o clube foi obrigado a deixar o hotel em que estava hospedado por não pagar uma dívida de R$ 5 mil. Diante disso, deve-se ter uma atenção maior com os clubes das divisões inferiores do futebol paranaense, para que o nosso estado tenha campeonatos mais competitivos e consiga, um dia, ter maior representatividade no futebol nacional.

Se tivermos um futebol mais forte, a torcida voltará a lotar nossas arquibancadas (Foto: Dudu Nobre / Agência DRAP)
OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

INDEPENDENTE: 1 Carlos; 2 Evandro, 3 Hudson, 4 João e 6 Stefan; 5 Elton, 7 Everton, 8 Willyan e 10 Lucy; 15 Lucas Felipe e 11 Ardley. Técnico: Rodrigo Oliveira.

PARANAVAÍ:



FICHA TÉCNICA INDEPENDENTE 3x0 PARANAVAÍ (W.O.) XXXXXXXXXXX

Árbitro: Robson Toloczko Coutinho
Assistente 1 e 2: Alisson Alceu Bernardi Lovato e Marco Aurélio dos Santos
Quarto Árbitro: Henrique Scaramussa
Delegado: Otávio Cubas de Lima

Tecnologia do Blogger.