PROPAGANDA

Matheuzinho, o destaque da partida entre Jatobá e Iguaçu



No último domingo (15), Jatobá e Iguaçu empataram em 1 a 1 no Estádio Emílio Gunha, em Araucária. A partida foi válida pela segunda rodada da Taça Paraná. O jogo teve ares de tensão devido a atuação da arbitragem, muito contestada pela equipe anfitriã. Emerson abriu o placar de pênalti, mas Thiagão empatou de cabeça. Porém o destaque da partida foi Matheuzinho que infernizou a defesa do time curitibano. Confira a quinta figurinha do álbum DRAP de 2018.


#FIGURINHA DO JOGO

O confronto entre Jatobá e Iguaçu foi entre duas equipes que ainda não haviam pontuado na competição. O time de Araucária havia perdido o primeiro jogo para o Atalanta e o de Curitiba folgou na primeira rodada, portanto, Luisinho Netto fazia sua estreia no comando técnico da equipe, mas o destaque da partida não foi do alvinegro, considerado favorito até então, e sim para Matheuzinho, que fez um grande jogo e ajudou sua equipe a chegar ao empate na segund etapa.

No primeiro tempo, a equipe de Maik Mateus Antunes Maciel, o Matheuzinho, apostava nos contra-ataques, visto que o time visitante era melhor tecnicamente. O meia foi uma importante válvula de escape para sua equipe, pois com sua velocidade conseguia trazer perigo ao goleiro Filipe.

Nos acréscimos da primeira etapa houve um lance que foi determinante para o resultado. Após dividida, próximo a linha da grande área, jogadores das duas equipes caíram e o árbitro, em decisão confusa, assinalou pênalti para o Iguaçu. Inconformado com a marcação, Matheuzinho foi um dos jogadores que mais reclamaram e levou o amarelo, mas na saída do campo, perguntado sobre a atuação do árbitro, o meia reconheceu que a decisão foi acertada: “Não influenciou (no resultado). Na pressão do jogo, as vezes cobramos muito do árbitro, mas foi certinho. Está certinho ele”. Na cobrança, Emerson finalizou no canto esquerdo e abriu o placar.

Na segunda etapa, o camisa 7 do Jatobá continuou a ser o mais perigoso e na primeira jogada de perigo da sua equipe quase empatou a partida. O jogador pegou sobra na grande área e finalizou de primeira, mas a bola desviou e passou a centímetros da trave. Na cobrança de escanteio, Thiagão, de cabeça, empatou o jogo.

Após o empate, o time da casa partiu para cima e o meia fazia um papel de armador, onde distribuía o jogo com qualidade e deixava seus companheiros em boa situação para finalizarem, mas nenhuma das equipes balançaram as redes e a partida acabou no empate. Após o final do jogo, o camisa 7 do Jatobá surpreendeu e se autocriticou: “Eu acho que eu não fui muito bem, já vi atuações melhores”.



Powered by Blogger.