PROPAGANDA

Coritiba leva a vantagem na decisão, mas o Atlético ainda não perdeu na Arena da Baixada em 2018



Atlético e Coritiba decidem os 90 minutos finais nesse próximo domingo (8). O Alviverde acabou com a invencibilidade do rubro-negra na competição no último domingo (1) ao vencer por 1 a 0 a primeira partida da final, no Couto Pereira, e tem a vantagem do empate. Já o time do Atlético tem que vencer por dois ou mais gols de diferença para não precisar ir nas penalidades. Caso ganhe com a diferença de um gol, o embate será na disputa de pênaltis.


#PARANAENSE 2018

A chamada equipe alternativa do Rubro-Negro só tem uma derrota no paranaense em 2018, justamente para o Coritiba. Na primeira decisão, o Alviverde foi consistente na marcação do ataque atleticano, impedindo jogadas de velocidade, característica marcante da equipe rubro-negra. Entretanto, o Coritiba foi cirúrgico e soube aproveitar a bola parada, através de um jogador que tem sido a revelação do paranaense de 2018: Júlio Rusch.

O Coritiba conquistou 6 vitórias, três empates e cinco derrotas. Um desempenho. Com esses resultados o escrete do Alto da Glória, alcançou 50% de aproveitamento em todo o campeonato até aqui. Na primeira etapa da competição, o alviverde levantou a Taça Dionísio Filho. 

O Atlético em 14 jogos disputados tem um retrospecto de 9 vitórias, 5 empates, e apenas uma derrota. Com isso, obteve a marca de 76% de aproveitamento na disputa pelo título estadual. O excelente desempenho lhe rendeu o status de melhor campanha geral, a ótima fase fez com que o elenco rubro-negro ganhasse a Taça Caio Júnior. 


E os números artilharia? Do lado do time da casa, temos Ederson isolado na artilharia, com 8 gols anotados. Do seu lado está o garçom João Pedro, além de ter realizado várias assistências, lhe acompanha quando é o momento de balançar as redes, já balançou o barbante por quatro vezes. Do lado coxa-branca, o grande marcador de gols, tem sido Guilherme Parede, que já anotou 3 gols. Junto dele, Alecsandro, centroavante experiente, que tem faro de gol, já fez 2 gols na competição. 

O Coritiba tem a vantagem de um empate na grande final, no Joaquim Américo. Já o Atlético precisa vencer com um placar mínimo de um gol de diferença para levar a decisão aos pênaltis. E se a equipe rubro-negro construir um placar agregado de dois gols de diferença ou mais será o campeão do campeonato paranaense.




Tecnologia do Blogger.