PROPAGANDA

Rio Branco vence o Paraná e classifica à semifinal da Taça Dionísio Filho


Foto: João Guilherme Castro/ Agência DRAP
Na noite da última quarta-feira (14), Rio Branco e Paraná Clube foram ao Estádio Germano Kruguer, em Ponta Grossa, disputar a última rodada do primeiro turno do Campeonato Paranaense 2018. Com mando de campo, o Rio Branco conquistou sua primeira vitória e está classificado para a semifinal da competição. Rodrigo Jesus e Vandinho consagraram para o Leão da Estradinha  em lances de bolas paradas. O escrete do Paraná Clube não teve uma partida sólida, pecou nas finalizações e deixou muito a desejar em campo.


#PARANAENSE 2018
Por @raylanemartins_ 

PRÉ-JOGO: O time de Paranaguá, que precisou transferir a partida para Ponta Grossa por conta de problemas com iluminação no estádio da Estradinha, ocupa a quarta posição na tabela do grupo B, mas sem nenhuma vitória na competição. Enquanto isso, o Paraná Clube, que venceu pela primeira vez na temporada na rodada anterior, é o lanterna do grupo A e não tem mais chances de classificar-se para a próxima fase. Mesmo assim, a equipe de Vila Capanema quer sair com a vitória e subir na classificação. Motivados, os dois lados da disputa entram em campo com mudanças na escalação.

PRIMEIRO TEMPO: Os primeiros minutos da partida foram marcados por alguns erros de passe, mas trabalho de bola considerável. Quem ameaçou primeiro foi o Rio Branco, chegando com Vandinho na meta do goleiro. Instantes depois, Paraná respondeu no escanteio, quando Mansur cabeceou e o tricolor bateu à direita do goleiro Jhones mas a bola saiu.

O Rio Branco insistiu. Depois de um cruzamento, a bola sobrou no rebote e o camisa 5 lançou para fora. Aos 13’, Zezinho na intermediária bateu para o gol, mas também sem sucesso. Do outro lado, o Paraná forçou, chegando firme nos jogadores adversários e levou à marcação de muitas faltas. Os cartões demoraram a sair do bolso do árbitro, 14 irregularidades já haviam sido marcadas na partida e mesmo algumas bastante incisivas, o juiz deixou passar. Só aos 27’ apareceu o primeiro amarelado, João Paulo, do Paraná.

A partida saiu do 0 a 0 com um cruzamento do lado esquerdo que chegou à Rodrigo, e sozinho na pequena área o atleta fuzilou as redes, abrindo para Rio Branco, aos 28' do 1º tempo. Minutos depois, com a equipe do Paraná chegando à grande área, Charles armou de cabeça para Thiago Santos que tentou marcar, mas a arbitragem deu impedimento e o tricolor da Vila não conseguiu igualar os números no placar. Quem ampliou na sequência foi o escrete de Paranaguá quando, em falta pela lateral, Thiaguinho bateu bem na bola parada e, com um toque sutil de Vandinho em direção às redes, marcando o segundo gol. Assim, a equipe demonstrou superioridade e apenas aguardou o apito do árbitro para o intervalo.

Foto: João Guilherme Castro/ Agência DRAP
SEGUNDO TEMPO: A segunda etapa começou com cartão para Charles, zagueiro do Paraná, por falta em cima de Vandinho. Na marca dos 3’, o Paraná já perdeu a melhor oportunidade, que passou muito perto do gol adversário. À essa altura, o Paraná clube atuou com muita afobação, dessa forma construiu-se um segundo tempo onde o Rio Branco precisou apenas administrar o placar, enquanto o Paraná até chegou, mas sempre com dificuldades na armação e finalizações.    

Depois de uma triangulação de passes do Rio Branco, Luiz Henrique cruzou mal e deu a bola de graça para o goleiro. A partida ficou cada vez mais truncada. Aos 24’, o tricolor Matheus Pereira fez uma cobrança de falta admirável que passou muito perto do arqueiro Jhones. Cobranças que se sucederam em sequência. As bolas aéreas do Paraná foram afastadas pela zaga do Rio Branco, que segurou a bola a fim de acelerar o fim da partida.

Mesmo com as alterações do técnico Wagner Lopes, o Paraná Clube não mostrou forças para reverter o placar. Embora ficou mais tempo com a bola, o time da Vila Capanema agiu sem criatividade e ficou apenas no quase. Com o Rio Branco surpreendendo, os jogadores comemoraram a classificação e agora disputam a semifinal.

Foto: João Guilherme Castro/ Agência DRAP
PRÓXIMA PARTIDA: O Paraná Clube volta à campo para enfrentar o Sampaio Corrêa em jogo válido pela Copa do Brasil na próxima quinta-feira (22). O Rio Branco enfrentará o Atlético PR no semifinal domingo (18), em local a ser definido.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

RIO BRANCO: Jhones, Raul, Thiago Cunha, Victor, Kessi (Everton), Thiago Vieira, Marco Túlio (Wheidson), Luiz Henrique, Vandinho (Fernando), Tharlles, Rodrigo. Tec. Cleverson Maurílio

PARANÁ CLUBE: T. Rodrigues, Alemão (Feijão), Charles, Neris, Leandro Vilela (Alex Santana), Mansur, Matheus, Zezinho, Thiago Santos, João Paulo (Felipe Augusto), Diego. Tec. Wagner Lopes

FICHA TÉCNICA – RIO BRANCO 2 X 0 PARANÁ xxxxxxxxxxxxx

GOLS: Rodrigo Jesus (28’ do 1T) e Vandinho (34’ do 1T)
CA: Charles, João Paulo e Neris (Paraná), Matheus Pereira, Vandinho, Wheidson e Rodrigo (Rio Branco).
ÁRBITRO: Elvio Kertelt Legnani
ASSISTENTES: Alessandro Antonio Gonçalves, Giovani Marlus de Oliveira Massoquetto e Julio Cesar Tessaro.
LOCAL: Estádio Germano Krüguer, Ponta Grossa.
PÚBLICO: 219 pagantes e 320 total. | RENDA: 5.240 reais



Tecnologia do Blogger.