PROPAGANDA

Londrina sofre a virada do Ceará e é eliminado da Copa do Brasil

Foto: Gustavo Oliveira/Londrina E.C
Nesta quarta (21), o Londrina perdeu pelo placar 2 a 1 para o Ceará, em partida válida pela segunda fase da Copa do Brasil, no Estádio do Café. Carlos Henrique marcou para o Tubarão e, pelo lado do Vozão, Juninho e Arthur Cabral fizeram os gols. O Londrina ainda teve um pênalti desperdiçado e jogou com um menos nos 20 minutos finais da partida.

#COPA DO BRASIL
Por Daniel Muniz

PRÉ-JOGO: O Londrina, que eliminou o Real Ariquemes (RO) na primeira fase, quis avançar na Copa do Brasil para esquecer a campanha ruim na Taça Dionísio Filho. O técnico Ricardinho colocou mais criatividade e promoveu cinco mudanças no time titular. Na primeira fase, o Ceará passou pelo Brusque (SC) e chegou ao Estádio do Café com apenas uma derrota na temporada.

PRIMEIRO TEMPO: O jogo começou com as duas equipes pressionando e buscando criar jogadas pelas laterais. Porém, tanto o Londrina quanto o Ceará pecaram no passe final. Aos 11' veio a primeira oportunidade da partida. Carlos Henrique limpou a marcação e arriscou de fora da área. A bola saiu pela linha de fundo, à esquerda do gol de Éverson.

O Ceará respondeu três minutos depois. Elton fez o pivô e Pio, na entrada da área, chutou e a bola foi pra cima da meta alviceleste. O Vozão passou a controlar a posse de bola mas quem abriu o placar foi o Tubarão. Aos 26', Germano cabeceou para Carlos Henrique, que ficou livre pela esquerda. O atacante tirou do goleiro e chutou no canto direito. Londrina 1 a 0.

Aos 28', o Ceará tentou a reação. Elton, na entrada da área, ajeitou para Wescley, que chutou para fora. Aos 42, o Londrina teve a oportunidade de ampliar o placar. Carlos Henrique fez boa jogada pela esquerda e cruzou. A bola pegou na mão de Richardson e o árbitro assinalou o pênalti. Na cobrança, o capitão Germano desperdiçou e chutou para fora.

Aos 47' Miullen fez boa jogada pela direita e tocou para Carlos Henrique que, no meio da área adversária, tentou de letra mas a defesa do Ceará conseguiu bloquear o chute. Aos 49, Pio cobrou uma falta com força. A bola vai para fora mas assusta o goleiro César. Após esses lances finais, o juiz encerrou o primeiro tempo com o Londrina na frente do placar.


SEGUNDO TEMPO: O segundo tempo voltou com o mesmo ritmo do primeiro, as duas equipes buscando explorar a velocidade dos laterais. Aos 2', Felipe Azevedo cruzou na área. A bola desviou, mas César, atento, afastou o perigo. Passados os minutos iniciais, o Ceará passou a controlar a posse de bola e tocar a bola com paciência. Com isso, aos 11', Rafael Carioca avançou pela esquerda e arriscou, a bola desviou e saiu para escanteio.

Com o embate movimentado. Desta vez, Matheuzinho tocou para Miullen que, no meio da área, chutou fraco, sem perigo para o goleiro Éverson. Aos 16 minutos foi a vez de Andrigo. O ponta do Ceará avançou pela direita, limpou a marcação e chutou. César, com as pontas dos dedos, faz uma bela defesa e jogou para escanteio. No minuto 22, veio o empate do time visitante. Em cobrança de falta, Juninho bateu no canto direito. A bola bate na trave e balança as redes. Tudo igual no Estádio do Café. No minuto seguinte, o Tubarão teve um jogador expulso. Germano fez duas faltas em sequência e recebeu o segundo cartão amarelo.

Não deu outra, com um jogador a menos, o Ceará passou a ser mais ofensivo e ditou o ritmo da partida. Aos 27 minutos, Rafael Carioca cobrou escanteio na primeira trave e Felipe Azevedo desviou de cabeça. A bola passou perto da trave direita de César. Três minutos depois, a mesma jogada de escanteio se repetiu e, novamente, Azevedo cabeceou para fora. Aos 34 minutos, Pio aproveitou o erro da defesa do Londrina e arriscou de fora da área. A bola pegou efeito e quase enganou o goleiro César, que conseguiu espalmar. Aos 38, Matheuzinho recebeu lançamento de Anderson Oliveira e bateu cruzado mas a bola não pegou força e Éverson afastou o perigo. Em contra-ataque no minuto seguinte, Felipe Azevedo recebeu na entrada da área e chutou mas a bola vai pra fora.

No apagar das luzes, aos 48' o Ceará confirmou o domínio e virou o placar. Rafael Carioca cobrou escanteio na primeira trave e Arthur Cabral, que entrou no segundo tempo, desviou para o fundo das redes. Ceará 2 a 1. O Londrina, com um a menos, não teve fôlego e nem tempo para reagir, e viu o Ceará selar a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil

PRÓXIMO JOGO: Fora da Copa do Brasil, o próximo jogo do Tubarão é no dia 4 de março. O Londrina recebe o Prudentópolis em partida válida pela primeira rodada da Taça Caio Júnior.

OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Londrina: 1. César, 2. Matheuzinho, 3. Dirceu, 4. Del'Amore, 6. Igor Miranda (14. Felipe); 8. Germano, 5. Moisés, 10. Rodrigo Figueiredo (21. Anderson Oliveira); 7. Marcinho; 11. Miullen (15. Rômulo), 9. Carlos Henrique. TEC: Ricardinho

Ceará: 01. Éverson, 30. Pio, 3. Valdo, 13. Luiz Otávio, 35. Rafael Carioca; 26. Richardson, 20. Juninho, 27. Wescley (77. Roberto); 7.Andrigo (18. Luidy), 11. Felipe Azevedo (40. Arthur Cabral), 77. Elton. TEC: Marcelo Chamusca

FICHA TÉCNICA - Londrina 1 x 2 Ceará XXXXXXXXXXXXXXX

Gols: Carlos Henrique, aos 26 minutos do primeiro tempo. Juninho, aos 23 minutos e Arthur Cabral, aos 48 minutos do segundo tempo.
Cartões Amarelos: Germano, duas vezes (Londrina) e Pio (Ceará)
Cartões Vermelhos: Germano (Londrina)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha.
Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Edson Antonio de Sousa.
Local: Estádio do Café, em Londrina.




Tecnologia do Blogger.