PROPAGANDA

[JUVENIL] Trieste vence Vila Sandra e leva título invicto da Suburbana

Após ficar com o vice-campeonato em 2016, o Trieste levou o título desta temporada (Foto: Cleiton da Cruz)
Neste sábado (9) Trieste e Vila Sandra se enfrentaram no estádio Egydio Ricardo Pietrobelli pelo terceiro e decisivo jogo da Série A da Suburbana – Categoria Juvenil. Mesmo precisando apenas de um empate para ser campeão, a equipe de Santa Felicidade fez um primeiro tempo equilibrado e, com a entrada do artilheiro Portela, teve força para fazer 1 a 0 e conquistar a taça.

#JUVENIL SÉRIE A

PRÉ-JOGO: Após dois empates nos primeiros jogos da decisão, Trieste e Vila tiveram que realizar a terceira partida. O Tricolor tinha a vantagem do empate para levar o título, enquanto que o Alvinegro precisava vencer por qualquer placar.

PRIMEIRO TEMPO: Os visitantes começaram mais perigosos, apostando na velocidade do seu setor ofensivo. Alexandro teve duas boas chances nos primeiros quinze minutos, mas parou na marcação e no goleiro Adnilton. O arqueiro ainda protagonizou uma falha aos 8’ quando saiu em falso e não alcançou a bola, mas para sorte dele ela foi pela linha de fundo.

Com o passar do tempo o sol fez efeito, o Vila se poupou na correria e o Tricolor melhorou no jogo quando Ramon obrigou Alex a se esticar para evitar o gol aos 14’. Outra boa chance aconteceu aos 29’, quando o zagueiro Jean deu bobeira, Willian Franco avançou sozinho mas na hora h o defensor alvinegro se redimiu e travou o chute.

Na parte final da primeira etapa o Trieste permaneceu com a posse de bola, mas pecou nas finalizações. Já o Alvinegro segurou o jogo até o intervalo para se recuperar fisicamente.

Mesmo sendo a única equipe que tirou pontos do tricolor, o Vila ficou no quase (Foto: Cleiton da Cruz)
SEGUNDO TEMPO: Na volta do intervalo o jogo caiu de produção. Os times se pouparam e a bola ficou muito na intermediária, o que não propiciou muitas chances claras de gol - tanto que a primeira oportunidade só ocorreu aos 21’ em falta cobrada por Patrick pela esquerda.

Mesmo com a vantagem do empate, o técnico Danilo Candelore tratou de melhorar o ataque triestino com a entrada de Portela, artilheiro do certame. Não deu outra, aos 23’ ele apareceu na área e João cometeu pênalti – lance que gerou reclamação da comissão técnica do Vila. Aramis bateu no meio e abriu o placar.

Com a dianteira do placar o Trieste teve mais tranquilidade no jogo. Aos 26’ a partida foi paralisada por reclamação do assistente com relação a torcida. Após o recomeço da peleja, o Trieste criou os principais arremates.

Nessa etapa do jogo houve um duelo particular entre Aramis e Alex em dois chutes de fora da área, mas aos 35’ e aos 40’ o goleiro defendeu. Outro lance claro foi aos 38’, quando Aramis, Portela e Luizinho chegaram de frente pra meta, mas se enrolaram na conclusão.

Ainda deu tempo do zagueiro alvinegro Jean levar um cartão vermelho, mas nada que interferisse no resultado da decisão. Final no Egydio Ricardo Pietrobelli, Trieste 1 x 0 Vila Sandra: Tricolor campeão invicto da Série A da Categoria Juvenil.

Um dos destaques do campeonato, Aramis retornou ao time e marcou o gol do título (Foto: Cleiton da Cruz)
PÔSTER DO CAMPEÃO XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


OS ESCRETES XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

TRIESTE: 1 Adnilton; 2 Luiz, 3 Allan, 4 Lucas Mattoso e 6 Vinicius; 5 Nicolas, 7 Willian Franco, 8 Aramis e 10 Ramon; 9 Alexandre (17 Luizinho, depois 16 Morais) e 11 Willian Santos (18 Portela). Técnico: Danilo Candelore.

VILA SANDRA: 12 Alex; 2 Willian, 3 Jean, 4 João e 6 Geada; 5 Gustavão, 7 Vinicius, 8 Leandro e 10 Patrick; 9 Alexandro (18 Marega) e 11 Baiano (13 Jamaica). Técnico: Marquinhos Vieira.

FICHA TÉCNICA- TRIESTE 1 X 0 VILA SANDRA XXXXXXXXXXXXXXXXXXX

GOLS: Aramis aos 24’ do 2° tempo (Trieste).
CA: Alex, Jean e Leandro (Vila Sandra) e Ramon (Trieste).
CV: Jean (Vila Sandra).
ÁRBITRO: Thiago Mendes Moreira.
ASSISTENTES: Danilo Padilha Porse (1) e Alisson Alceu Bernardi Lovat (2).

MELHORES MOMENTOS (VÍDEO) XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX



__________________________________________
DO RICO AO POBRE, O FUTEBOL SEM DIVISÃO
Tecnologia do Blogger.